Verdeverdade

User
  • Content count

    1,885
  • Joined

  • Last visited

About Verdeverdade

  • Rank
    Profissional
  • Birthday 07/10/1982

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    São Paulo

Recent Profile Visitors

4,577 profile views
  1. Carlos Eduardo entrou bem nos últimos jogos, mesmo com o time na draga que estava. Acredito que este jogador tem potencial para evoluir, aprendendo o momento certo do drible e aprimorando a finalização, pois velocidade ele já tem. Interessante lembrar que aos 24 anos, o Bruno Henrique dos lixos do RJ tinha 7 gols e 7 assistências em 33 partidas pelo Goiás. Carlos Eduardo ainda tem 22 anos.
  2. until

    É a história de sempre. Tem que ter um pouco mais que concentração contra os lixos, sobretudo em bola parada. Pois, se tomar o primeiro gol, dificilmente empata. Os caras se fecham de um jeito que é muito difícil passar. A não ser que haja uma bola espirrada ou outra casualidade, serão mais 45 min de enrolação.
  3. until

    Bruno Henrique sempre pipoca contra os lixos.
  4. until

    Time jogando bem, não pode dar esses vacilos em bola parada.
  5. Perder para times grandes é do jogo, mas tenho confiança neste Palmeiras contra qualquer equipe. A única coisa que me preocupa é a falta de fibra do elenco em jogos decisivos desde 2017.
  6. A última vitória do Palmeiras na impressora foi com gol do Borja.
  7. O Bruno Henrique fez alguns bons jogos na sequência de vitórias do Brasileiro, mas a parte física dele tá esquisita e ele também tem fases de desligamento do(s) jogo(s).
  8. O gol de escanteio tomado foi bizarro, típico daqueles momentos em que o time se desliga do jogo, algo que vemos desde 2017 com este elenco. Felipão conseguiu fazer esse time campeão porque de alguma forma injetou concentração nos pangarés – e ainda assim não conseguiu fazê-lo nos mata-matas. Agora é torcer para que ele consiga fazê-los se concentrarem novamente.
  9. Time frouxo que não vira jogo. Carlos Eduardo bem, Bruno Henrique na brisa.
  10. Desde 2017, este elenco tem como característica se desligar do jogo em alguns momentos – e às vezes o jogo todo. É sobretudo por isso que perdeu uma final de campeonato em casa para o rival, foi eliminado pelo Boca em menos de 5 min e já sofreu tantas outras eliminações em mata-matas, inclusive dentro de casa. Felipão conseguiu fazer esse elenco funcionar não apenas por seu conhecimento e experiência de técnico vencedor, mas sobretudo por conseguir incutir um mínimo de concentração nesses caras; e ainda assim sofreu eliminações em mata-matas devido ao mesmo problema de desconcentração do elenco. A melhora do time passa por conseguir torná-lo o mais concentrado possível novamente.
  11. O adversário tem seus méritos e fez um bom jogo. Mas, o elenco do Palmeiras ainda precisa se provar em mata mata, pois, desde 2017, não inspira confiança neste tipo de torneio.
  12. E deveria saber a dimensão de um clássico.
  13. É verdade que Guerra foi prejudicado por lesões, mas também é fato que ele ressuscitou o rival e seu técnico naquela entregada no final de um clássico em 2017 quando o time tinha um jogador a mais.
  14. Com os reforços de Angulo, Willian, Arthur preparado (após os treinos especiais que vinha fazendo neste sentido, conforme Felipão falou em coletiva) e manutenção do Deyverson até o fim do ano, o Palmeiras vai forte nos três campeonatos, quem sabe quatro no final do ano...
  15. Lamento pelo Dudu que merecia e deve ter se frustrado, mas tô feliz com a convocação do pipoqueiro do 7x1.