RRPHAEL

Membro
  • Total de itens

    5
  • Registro em

  • Última visita

Sobre RRPHAEL

  • Rank
    Categoria Iniciante
  1. Exatamente! No clássico teve um lance emblemático. Dudu disputou uma bola lateral com o Fagner, depois que a bola saiu, Dudu levanta o braço pedindo lateral. O braço dele enroscou involuntariamente no braço do gambá. Fagner quase que arranca o braço do Dudu, nosso jogador sequer reagiu. Minutos depois Roger foi falar com o terceiro árbitro pra ficar de olho no Fagner pq não estava gostando do comportamento dele. Isso é coisa de banana ou muita ingenuidade. Somos os bonzinhos. Enviado de meu SM-G950F usando Tapatalk
  2. Se a gente vivesse num país sério o investigado seria o presidente do TJD. Enviado de meu SM-G950F usando Tapatalk
  3. Eu queria entender qual função o Borja exerce bem. O cara não tem presença de área, não incomoda os zagueiros, dificuldade para dominar bolas simples, um conta um dele dele é zero (ontem ele simplesmente teve uma oportunidade e chutou sem direção em cima do zagueiro). Tá sempre com um olhar de conformismo sem garra alguma. Você vê uns atacantes "mais ou menos" que mesmo quando a bola não chega, eles estão lá lutando, empurrando e mostrando presença. Isso sem citar jogadores como um Suárez da vida. Esse papo de adaptação não cola, tem que parar de tratar jogador como criança. Enviado de meu SM-G950F usando Tapatalk
  4. Não acho que seja uma questão de elenco ou técnico. É mais a mentalidade do time, o brio mesmo. Em 2015 qd éramos subestimados por todos ganhamos a CDB, 2016 com a história do "cheirinho" ganhamos o BR. Nossos jogadores são mimados só jogam quando mexem com o egocentrismo deles. Enviado de meu SM-G950F usando Tapatalk
  5. Simplesmente desde o ano passado não vi nenhum jogador do Palmeiras igualar na força com os gambás. A gente entra em ritmo de treino achando que alguém vai resolver o jogo a qualquer momento. Ano passado no BR quando nos aproximamos da liderança o discurso era: "A meta é o G4" essa semana o discurso ensaiado era dizer que o curinthians era favorito para tirar a pressão. Ou seja esse time não quer a responsabilidade de vencer. Quem sofre somos nós. Tá faltando "sangue na veia". Enviado de meu SM-G950F usando Tapatalk