Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''catedral de luz''



Mais opções de pesquisa

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Fóruns

  • Palmeiras em debate
    • Fórum Palmeiras Todo Dia
  • Dúvidas e Sugestões
    • Dúvidas, Testes e Sugestões
  • Arquivos
    • Arquivo - Principal
    • Copa do Mundo 2014

Calendários

  • Calendário PTD

Encontrado 99 registros

  1. "Ele é assim. Contudo, ele não foi sempre assim. Um dia ele orgulhou o mundo jornalístico ao sonhar com a verdade, mesmo que tardia. Porém parece-nos que paulatinamente o homem se vulgarizou, caiu em lugar comum e viveu das lembranças de suas belas frases escritas em períodos simples. Aquele que pinta o quadro contemporâneo como Senhor da Verdade - permita-me chamá-lo assim, pois você merece a sátira outorgada aos falsos profetas - desenvolveu o vício cruel de cultivar o jornalismo clubístico. Confundir competência com desonestidade. Achar que o milagre - prefiro chamá-lo de trabalho - é fator correspondente (apenas) às cores branca e preta." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1156&id=658
  2. "Agora a torcida da "SEP" pode intensificar as comemorações. "Goulart é Verde" e chamá-lo de mentira é negar a si próprio. "Goulart" é promessa de virtude, técnica apurada e gols. Números indesmentíveis, por intermédio de uma carreira de extrema competência. Atacante de recursos, "Goulart" é "Bi-Brasileiro - 2013/ 2014 -" pelo "C.E.C.", anotando mais de "40 gols" entre as duas temporadas." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1155&id=658
  3. "Zé" pendurou as chuteiras e por tudo aquilo que trouxe de positivo à "SEP", desde "2015", já deixou sua assinatura no pódio dos grandes jogadores alviverdes. "Zé" nasceu atleta alviverde depois dos "40" e a vida para os intensos como ele começa aos "40". Profissional exemplar, o nosso lateral resolveu contribuir com a casa que lhe acolheu, de forma psicológica e curiosamente revitalizadora. Lembram da filosófica frase? Depois dela, a "SEP" não passou a ser grande, apenas renasceu das cinzas do vício de seus algozes." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1154&id=658
  4. "O homem falou bobagens e depois sofreu as consequências do fato. Meditou e descobriu a roda. "The way things are going they're going to crucify me" (The Ballad Of John And Yoko, 1969) Não fosse pela perda no bolso, aquilo que a língua produziu não seria reavaliado. Porém, as boas maneiras pedem que o palestrino perdoe e entenda que o veneno ofídico foi ocasionado por um momento infeliz de um "bôbo da corte de segunda"." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1153&id=658
  5. "Como chamá-los? Concorrentes? Adversários? Inimigos? Concorrentes disputam e eles deixaram de disputar. Adversários enfrentam e eles deixaram de enfrentar. Inimigos combatem, independente das armas utilizadas, até a morte de seu desafeto. Assim sendo... Talvez dividi-los em categorias, mas o problema não é este." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1151&id=658
  6. "Foi uma temporada para nunca mais esquecermos. Depois de um "Campeonato Estadual" perdido nos detalhes, a "Sociedade" recalculou a rota a tempo de levantar mais um troféu. O "Nacional" foi uma dessas conquistas que foi preciso provar a cada jogo uma competência que aos olhos jornalísticos não portávamos." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1150&id=658
  7. "Nada é por acaso. O objetivo pode mudar, mas sempre te levará à frente. Assim sendo, quando o nome de "Scolari" foi anunciado vários narizes franziram. Imagine quando os percalços com a "Copa do Brasil" e "Copa Libertadores" finalizaram os sonhos melhores delineados." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1149&id=658
  8. "Resolvi te escrever. A vida nos permite resgatar laços que o tempo cruel afrouxou. Alguns escrevem sobre desafetos. Eu prefiro escrever sobre amizades que contam mais de "50" anos. Desde o colo materno você acompanhou o meu crescimento e me ensinou a amar, entre tantos amores, a "SEP". Um dos primeiros a levar-me aos estádios, você foi aquele que preferiu explicar o futebol e não permitir que o fanatismo redundasse em cegueira." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1148&id=658
  9. "Vários palmeirenses procuraram este colunista e criticaram "Mestre Scolari" e seus conceitos utilizados no jogo de domingo. Sobraram adjetivos para este recém septuagenário que tantas alegrias nos ofereceu, durante todos esses anos que compartilhamos a camisa alviverde. Retranqueiro? Apenas um "Técnico Competitivo", onde a bola é disputada à base da forja, entre o ferro e o fogo. Afina, "Scolari" tem muito a perder ao jogar como querem os românticos analistas." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1147&id=658
  10. "Distância não existe, para quem busca seus objetivos com a alma. Há três rodadas disputamos a sorte deste "Brasileiro" à base da subjetividade, que nada pode assemelhar-se à tática que tanto conduziu o time alviverde até aqui. Sim, a "Sociedade" depende de suas pernas para vencer, mas elas não respondem aos insistentes apelos da mente." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1146&id=658
  11. "Assim falou Aristóteles, mais de "2000" anos atrás: "A esperança é o sonho do homem acordado". Teria a inteligência aristotélica imaginado como enfrentar as circunstâncias desta quarta-feira? Mais do que uma simples palavra que venha representando o que é o time alviverde neste "Nacional" - competitivo -, a "Sociedade" precisa exalar intensidade pelos póros." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1145&id=658
  12. "Pois é. Embora nunca quisesse o escárnio alheio, eu acabei refém dos meus próprios pensamentos e palavras. Lembrei de "Zé Roberto" e repeti em voz alta um mantra de "2015". Até parece que seria um crime acreditar nas palavras deste símbolo em forma de jogador. Como desacreditar que o Palmeiras é grande? Alguns torcedores excessivamente passionais - e isto nos envia à falta de lucidez - perguntaram-me aonde nos levaria tal crença em frases ocasionais." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1144&id=658
  13. "Deixei na infância o hábito de rezar a Deus e pedir pela Vitória da "Sociedade". Francamente, Deus tem mais o que fazer. Contudo, aquela prece embebida no politicamente correto e que diz "vença o melhor" continua a respirar - contanto que o melhor seja a "Sociedade". Neste mundo paralelo fui crescendo e amadurecendo, e mesmo que eu saiba perfeitamente dos meus deveres, ainda levo no alforje aquele ópio alviverde." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1143&id=658
  14. "Nós não estamos à frente da concorrência gratuitamente. Não foi o acaso que produziu "62" pontos, "47" gols pró e "19" gols contra. Evoluímos e amadurecemos, por intermédio da disciplina de uma estratégia "Felipônica" que nos fez equilibrados. Ademais, eu garanto e não exagero, não somos fruto das últimas três partidas. Embora a nossa forma de se defender seja consistente, ela expõe nossos atletas ao julgo dos juízes. O corpo a corpo - futebol de contato - exige mais dos apitadores e a maioria deles não está preparada para essa prática de jogo." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1142&id=658
  15. "Não, este colunista não enlouqueceu. Parece, na verdade, que o futebol resolveu brincar com a lógica contida dentro das quatro linhas. Algo em torno de "6" meses atrás, você acreditaria nos fatos ocorridos no "Pacaembu", domingo à tarde? Ainda mais quando o personagem principal responde pelo nome de "Deyverson"? "Deyverson" descobriu o caminho das redes adversárias e gostou. Chegou a "7" gols e parece que não quer o fim da graça concedida." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1141&id=658
  16. "Há quatro anos atrás um "presidente insano" ousou vaticinar que o "Palmeiras" se apequenava. Presidente presunçoso, ele não enxergou fundo as mudanças que a "Sociedade" concebia. Preferiu a superficialidade dos fatos, porque vencer era algo natural e acreditar no fracasso era algo inconcebível. A soberba nunca lhes preparou para tempos difíceis e o clube do "presidente insano" caiu do mais alto pedestal." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1140&id=658
  17. "A cada jogo uma nova surpresa, um coelho diferente sai da cartola. Certamente a técnica ajuda e faz a diferença. Capacita aquele que avança em velocidade e deixa atrás de si os marcadores implacáveis. O arremate sai. Ângulo esquerdo. Indefensável para pobres mortais. Craque para alguns, embora outros insistam em chamá-lo de "morto", "Dudu", fonte inspiradora do título deste texto e autor de um dos gols mais belos da temporada, não é, foi ou será algo menor do que um jogador diferenciado - talvez, não para o mercado europeu, mas para os corações alviverdes, exigentes ao extremo (dá na mesma)." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1139&id=658
  18. "Indiscutivelmente, uma das três melhores partidas da "Sociedade" na "Era Scolari". Soube o elenco alviverde conter as linhas inimigas e não oferecer a elas chance alguma. A "lambuja" ficou por conta do "pênalti Mandrake" assinalado pelo árbitro. Aliás, não nos resta alternativas melhores a não ser o trabalho radical e ostensivo de bastidores para as próximas rodadas. "Galiotte": "Há muito tempo que o futebol deixou de ser romântico". Só não admite o que falamos acima, o mais fánatico admirador do time adversário. Apesar da boa troca de passes mineira, o desempenho beirou a esterilidade. Foi um verdadeiro chocolate, com requintes de crueldade de "Deyverson". Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1138&id=658
  19. "A riqueza da história palestrina permite a seus torcedores os mais diversos sentimentos. Aquele que me parece o mais peculiar é o inconformismo. Tal característica permite-nos questionar a realidade dos fatos. Algo como "podemos mais". Ao mesmo tempo, o inconformismo é bom. Ele não nos deixa reféns do comodismo." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1137&id=658
  20. "Temos o velho costume de atribuirmos adjetivos e predicados a personagens de nossa História. Lendários ou mitológicos, os feitos explicam ou procuram explicar cada indivíduo e sua importância junto ao seu núcleo existencial. "Mestre Scolari", por exemplo, não é alheio a tais características." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1136&id=658
  21. "Caros amigos, o "couro comeu" em "Pernambuco" e algumas bolas foram decididas por guerreiros com facas entre os dentes. Alguns lutavam pelo título e outros contra a luz da lanterna. Mas que jogo difícil! Daqueles que tudo pode acontecer. Uma vitória categórica do melhor ou uma bola espirrada e um chute despretensioso, que põe tudo a perder. Porém, "Mestre Scolari" estava do nosso lado - e essa "velha raposa" sabe bem como extrair de cada atleta o seu melhor desempenho -" Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1135&id=658
  22. "Jogador diferenciado, "Moisés" é o retrato vivo do que há de moderno no futebol quando o assunto é meio de campo. Afinal, competitiva como é a luta pela posse de bola entre as intermediarias, o meio campista não pode exclusivamente atacar ou simplesmente defender. Vale a simbiose entre ambas as funções. O sucesso de um determinado jogador depende, também, da forma como ele é escalado. Quando o jogo parecia insuportável para o sistema defensivo esmeraldino, "Scolari" reinventou "Moisés" como cabeça de área responsável pela captura de "Valdívia". E não é que ele acabou sendo o melhor marcador do"Mago". Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1134&id=658
  23. "Após a atitude intempestiva frente a equipe paraguaia, o nosso volante vem resgatando a confiança junto à torcida alviverde. É bom que se diga: "Ninguém está acima do bem e do mal que não possa ser julgado". Porém, "Felipe Pitbull Mello" entende de bola e como tal pode nos oferecer mais e melhor." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1133&id=658
  24. "Apenas registrarei, para que não pensem que tratarei o texto como um "choro de perdedor". Contudo, não é novidade para ninguém que o calendário não trabalha em favor da competência. Chega a ser irritante como a mediocridade leva vantagem. Entretanto, nada está perdido. Parece-nos configurada uma tarefa das mais difíceis, mas não impossível. Em virtude do emparelhamento de forças, nada ou ninguém podem atestar favoritismo, enquanto o jogo de volta não for disputado. Porém, uma coisa é fato, o gol anulado fez, faz e fará diferença sempre." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1132&id=658
  25. "Pois é, em determinados momentos, os motivos que nos permitem escrever a história de um jogo beiram o exotismo. Esperamos, normalmente, que os mais disciplinados - técnica e taticamente - se destaquem. Porém, em alguns casos, algumas "roscas espanadas" fazem a diferença. "Pastor Pitbull - com responsabilidade, é claro! - ", em nova fase, comandou o meio de campo da "Sociedade". Não há lance que possa desaboná-lo, pós "Copa Libertadores". Assistência, cabeceada a gol, lançamento, passe e cobertura, esse é o volante com o qual sonhamos uma temporada inteira. O entusiasmo de seus "34" anos empolga até os esmeraldinos mais pessimistas." Continua no site... http://www.verdao.net/ver_coluna.php?c=1131&id=658