Entre para seguir isso  
Seguidores 0
Buffon

Bi-campeão por bicampeão porq...

59 posts neste tópico

Nem um e nem outro tem créditos. O fato dele ser o cara que mais desarma é circunstancial e deve ser contextualizado. É preciso analisar o contexto. Para esse ano, Egídio deveria ser preservado. Já o técnico não tem como se preservar. Nem um dos dois tem crédito, mas os dois merecem um voto de confiança.

 

O Marcelo vem de bons trabalhos. E por mais que esteja em um momento ruim, fico imaginando se não poderíamos seguir a linha de trabalho do inimigo. Eliminado pelo Tolima e perdendo um titulo para os Sardinhas em 2011... Eliminado por nós, eliminado pelo Guarany - PAR e eliminado pelos Sardinhas. O final destes trabalhos, todos nós sabemos infelizmente no que deu.

 

Nos dois trabalhos o que pode ser observado, o técnico mantido e as laranjas podres excluídas no elenco.

 

E aqui, temos laranjas podres? Não sei. Mas as declarações do Zé Roberto e principalmente do F Prass que pediu pressão da torcida do grupo me deixa com a pulga atras da orelha. Principalmente depois da chegada do Barrios e do L. Almeida o time caiu muito

 

Obs. Dizem que o Egídio tem um problema particular e isso está afetando o jogador. Tem cara que quando passa por problemas se enfia no trabalho. Alguns conseguem exito, outros só fazem m... Como tudo é hipótese, considero, esses pontos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apesar do futebol apresentado nos últimos meses e independente do que aconteça na CB, espero e torço muito para que o MO fique no Palmeiras por um longo período. Primeiro pq temos que parar com essa mania de mandar treinador embora e segundo pq ele é sim um ótimo treinador.

 

E o Egídio sempre foi um bom jogador no ataque mas que defensivamente falha demais, cabe ao treinador, que por sinal foi campeão com ele, criar um esquema que cubra suas subidas. Até agora o MO não conseguiu isso mas com o tempo ele pode conseguir mas só vamos saber disso se ele for mantido, eu particularmente acredito no MO.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Nem um e nem outro tem créditos. O fato dele ser o cara que mais desarma é circunstancial e deve ser contextualizado. É preciso analisar o contexto. Para esse ano, Egídio deveria ser preservado. Já o técnico não tem como se preservar. Nem um dos dois tem crédito, mas os dois merecem um voto de confiança.

 

O Marcelo vem de bons trabalhos. E por mais que esteja em um momento ruim, fico imaginando se não poderíamos seguir a linha de trabalho do inimigo. Eliminado pelo Tolima e perdendo um titulo para os Sardinhas em 2011... Eliminado por nós, eliminado pelo Guarany - PAR e eliminado pelos Sardinhas. O final destes trabalhos, todos nós sabemos infelizmente no que deu.

 

Nos dois trabalhos o que pode ser observado, o técnico mantido e as laranjas podres excluídas no elenco.

 

E aqui, temos laranjas podres? Não sei. Mas as declarações do Zé Roberto e principalmente do F Prass que pediu pressão da torcida do grupo me deixa com a pulga atras da orelha. Principalmente depois da chegada do Barrios e do L. Almeida o time caiu muito

 

Obs. Dizem que o Egídio tem um problema particular e isso está afetando o jogador. Tem cara que quando passa por problemas se enfia no trabalho. Alguns conseguem exito, outros só fazem m... Como tudo é hipótese, considero, esses pontos.

 

Olha, eu já escutei muita gente dizer que o clima é ótimo.

 

O individuo obviamente vai querer terceirizar o problema, ninguém vai chegar e dizer que não correu o suficiente, a culpa é sempre dos outros 10 que ali estão. Isso é uma forma de dizer que também se preocupa com a situação do time, mas não faz parte do caos.

 

Acho bom quando aparecem e digam alguma coisa, mas essa de transferir responsabilidade não cola.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olha, eu já escutei muita gente dizer que o clima é ótimo.

 

O individuo obviamente vai querer terceirizar o problema, ninguém vai chegar e dizer que não correu o suficiente, a culpa é sempre dos outros 10 que li estão. Isso é uma forma de dizer que também se preocupa com a situação do time, mas não faz parte do problema.

 

Acho bom quando aparecem e digam alguma coisa, mas essa de transferir responsabilidade não cola.

 

Eu não posso afirmar que sim e que não. Mas no futebol é muito difícil alguém falar que o clima não é bom. Pelo menos no futebol de hoje.

 

Mas não acho que o problema é individual. E não falo individual tecnicamente. Falo individual de individuo. Vejo que é um problema extremamente coletivo. Todos estão em baixa. Sem exceção.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Como bem disseram na primeira página, isso ocorre porque é bem mais fácil perceber que tem gente fazendo 1-2 nas costas do Egídio em pleno meio campo que perceber que o time como um todo está mal posicionado e marca como um time da década de 60.

 

Não, isso não exime o Egídio de suas falhas de posicionamento, o que também não significa que são inteiramente sua culpa. O número alto de desarmes feitos por ele não surpreende: vem do fato de ele se sair bem no 1x1 e, principalmente, do fato de ele frequentemente ficar sozinho no setor. Na saída, encontra o mesmo problema: tenta progredir com a bola e encontra apenas uma opção de passe perto dele (Jesus, geralmente), e bem marcada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O Marcelo Oliveira "consegue não conseguir evolução nenhuma", o Egídio é mais um que está sendo queimado com os esquemas pífios que ele monta

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Como bem disseram na primeira página, isso ocorre porque é bem mais fácil perceber que tem gente fazendo 1-2 nas costas do Egídio em pleno meio campo que perceber que o time como um todo está mal posicionado e marca como um time da década de 60.

 

Não, isso não exime o Egídio de suas falhas de posicionamento, o que também não significa que são inteiramente sua culpa. O número alto de desarmes feitos por ele não surpreende: vem do fato de ele se sair bem no 1x1 e, principalmente, do fato de ele frequentemente ficar sozinho no setor. Na saída, encontra o mesmo problema: tenta progredir com a bola e encontra apenas uma opção de passe perto dele (Jesus, geralmente), e bem marcada.

 

Por isso que volto a insistir na questão coletiva, não só técnica, mas institucional. Algo aconteceu que o time se perdeu. E não acho que seja somente o Marcelo Oliveira. Acho que ele é um dos fatores, mas não o determinante.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
pra quem AINDA insiste que o Egídio não sabe marcar:

http://footstats.net/jogadores/11814/#-tp2...94-rrPasseCerto

 

 

É "só" nosso jogador que mais desarma. Sim, inclusive ele desarmava MAIS que o gabriel. O problema do Egidio é tático (péssima cobertura). E sim, nessa não dá pra isentar o Marcelo.

 

Pois é, nem eu q estou defendendo ele sabia disso, embora já tenha visto em alguns jogos avulsos ele ser o maior desarmador

 

Eu espero q nas próximas partidas, todo mundo veja ele com olhos mais neutros, nós palmeirenses somos tão fanáticos q geralmente procuramos algum culpado pra descontar a nossa raiva, isso com times fracos, agora imagina com um time forte, coitado, sobrou pro Egidio mesmo...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Por isso que volto a insistir na questão coletiva, não só técnica, mas institucional. Algo aconteceu que o time se perdeu. E não acho que seja somente o Marcelo Oliveira. Acho que ele é um dos fatores, mas não o determinante.

 

 

Ainda que não tenha muito a ver, é fato que depois da participação do M.O. naquele programa "Bem Amigos" do Gagá Bueno, nem ele, tampouco o time, foram mais os mesmos... :lol:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

ele estava indo bem no ultimo jogo, não entendia saida dele. Zé Roberto não estava jogando nada e continuou nulo em campo !

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Por isso que volto a insistir na questão coletiva, não só técnica, mas institucional. Algo aconteceu que o time se perdeu. E não acho que seja somente o Marcelo Oliveira. Acho que ele é um dos fatores, mas não o determinante.

 

 

A equipe técnica profissional é responsável para lidar com egos, diferenças e quaisquer outros assuntos.

 

Se uma equipe se rebela dentro de uma empresa, quem deverá explicar o que tá rolando? É o gestor direto, é óbvio que todos hierarquicamente devem ser responsabilizados, mas é inconcebível ficarmos nessa nevoa de teorias mirabolantes, caso algum problema realmente exista, os responsáveis que identifiquem e o resolvam.

 

Não gosto de usar exemplo dos lixos, mas teve um jogo que love xingou meio mundo quando saiu de campo, seu adenor convocou coletiva de imprensa e deixou claro que o sujeito havia xingado outro jogador da equipe.

 

Esse papel de gerenciar pessoas começa pelo técnico, ele ali demonstrou total controle sobre a situação, é isso que técnicos precisam fazer quando lidam com egos. Além do técnico temos outros profissionais que trabalham e precisam lidar com elenco, não entra na minha cabeça isso acontecer e atrapalhar desempenho em campo.

 

Outro questionamento, você acha que o ciumes por causa de picuinha é pior do que imprensa acabando com seu trabalho e talvez até o medo de represálias da torcida?

 

Na minha opinião. A equipe indo mal é terrível para todos do elenco. Pressão e instabilidade constantes, ainda chance de manchar a carreira profissional dos atletas. Você acha que quais jogadores serão disputados ao final da temporada?

 

Se alguém fizer corpo mole em qualquer circunstância, eu quero mais é que esse cara se dê muito mal.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acho o Egidio um bom jogador, desde que, haja alguém pra cobrir suas descidas ao ataque...criticar o Egidio e idolatrar o tal de Churry, é coisa de maluco, torcedor carente, sei lá!...esse argentino não joga merda nenhuma.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Por isso que volto a insistir na questão coletiva, não só técnica, mas institucional. Algo aconteceu que o time se perdeu. E não acho que seja somente o Marcelo Oliveira. Acho que ele é um dos fatores, mas não o determinante.

 

Não acredito que a parte institucional tenha tanta influência no mau momento do time. Mattos e Nobre estão sempre próximos do elenco, cobrando e apoiando, temos ótimos profissionais no departamento de futebol cuidando de análises de desempenho/estatísticas e coletando dados sobre adversários, um coordenador científico que está entre os melhores do país, médicos qualificados no DM, boa estrutura no CT (com grandes perspectivas de melhora), saúde financeira etc. No aspecto estrutural, estamos em pé de igualdade ou melhores que todos os clubes que estão no G4. E percebe-se, em campo e nos bastidores, que não há rachas. Questões como motivação, concentração, determinação de objetivos, meritocracia etc competem primeiramente ao técnico, que é quem manuseia a equipe no dia-a-dia e chefia a comissão técnica. Claro que não dá pra jogar o mundo nas costas do Marcelo, visto que temos vários jogadores desgastados fisicamente no elenco e que ele não teve a oportunidade de indicar nenhum jogador que estivesse em seus planos, por exemplo, mas há uma boa carga na conta dele, sim. Acho que nenhum problema de ordem maior assim faria o time atuar sem um mínimo de organização. A questão é coletiva sim, mas em termos de tática, antes de mais nada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bi campeão por Bi campeão

Ele tem meta, levar o palmeiras a libertadores.

Ele teve 2 chances no ano, jogou uma chance no lixo e tem mais uma chance

Se não atingir sua meta eu duvido que seja o tecnico para o ano que vem.

 

Simples assim.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Não acredito que a parte institucional tenha tanta influência no mau momento do time. Mattos e Nobre estão sempre próximos do elenco, cobrando e apoiando, temos ótimos profissionais no departamento de futebol cuidando de análises de desempenho/estatísticas e coletando dados sobre adversários, um coordenador científico que está entre os melhores do país, médicos qualificados no DM, boa estrutura no CT (com grandes perspectivas de melhora), saúde financeira etc. No aspecto estrutural, estamos em pé de igualdade ou melhores que todos os clubes que estão no G4. E percebe-se, em campo e nos bastidores, que não há rachas. Questões como motivação, concentração, determinação de objetivos, meritocracia etc competem primeiramente ao técnico, que é quem manuseia a equipe no dia-a-dia e chefia a comissão técnica. Claro que não dá pra jogar o mundo nas costas do Marcelo, visto que temos vários jogadores desgastados fisicamente no elenco e que ele não teve a oportunidade de indicar nenhum jogador que estivesse em seus planos, por exemplo, mas há uma boa carga na conta dele, sim.

 

Minha analise é superficial, pois não consigo afirmar o que está acontecendo no Palestra.

Mas creio que as seguintes questões estão pesando:

 

*Marcelo Oliveira em um mal momento

*Contratos de empréstimos no final

*Jogadores constantemente fora de condições de jogo

*Ciumes por salários / produtividade

*Baladas (Boatos dizem que alguns jogadores vivem quebrando na noite)

*Falta de entrosamento do elenco prejudicou as substituições dos machucados

*Preguiça em campo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Engraçado o M.O. ter todos os méritos de ter sido bicampeão com dois timaços

E o Egidio que tbm foi bi-campeão com direito a ser eleito melhor lateral de compeonato não ter crédito, muito curioso isso

 

Eu sigo linha de pensamento contrária, pra mim ambos vieram com #*&! crédito, mas o Egidio veio com mais crédito (já que M.O. já estava sendo criticado em minas por insistir no 4-5-1 mesmo não tendo jogadores para isso) e aqui no Palmeiras Egidio gastou muito menos creditos que M.O., a conta de Egidio ainda tem uns pontinhos pra queimar, já o M.O. pra mim já queimou tudo, nem mesmo o titula salva mais o que acho dele, o que salvaria é o titulo E um futebol melhor...

 

Não vejo Egidio indo tão mal para perder crédito, o time é uma bagunça, ele tem fez umas partidas boas/ótimas, depois umas ruins, mas a maioria foi razoável algumas ruims ali na mesma média do time... Ou alguem aqui acha q o titularissmo Gabriel Jesus tem jogado alguma coisa?

 

M.O. sim basta ver os Vt's do Palmeiras prestar a atenção na bagunça q é tudo isso gols bobos, confusão tatica, afff, pra mim M.O. já gastou seus créditos, não tem como cara, toda hora gol de bola parada ou bola alçada na area (geralmente o primeiro gol é assim)

Dai a partir do primeiro gol, pqp cada contra-ataq q agente leva é absurdo, temos levado sorte de não acontecer outro jogo q nem o Chapecoense, porq só uma coisa é mais facil de fazer gol no Palmeiras em bola aerea ou bp, é depois de estar ganhando o jogo fazer gol de contra ataq no Palmeiras. O Palmeiras não é nada compacto, não tem recomposição, a marcação é confusa e a armação é ineficiente, o Palmeiras continua dependente do Valdivia o problema é q o mesmo não esta mais no elenco, e o M.O. com trocentos jogadores q tem a disposição não conseguiu arrumar um jeito do Palmeiras jogar, o Palmeiras não é rapido, não é criativo, não é porra nenhuma, só sabe fazer gol de B.P., afffffffffffffffff

 

Concordo, totalmente, o nosso time está uma bagunça e a torcida sempre pega no pé de um jogador. E é só prestar bem a atenção pra saber que o Egídio nunca foi um bom marcador, e com a saída do Gabriel, volante, o time não encaixou uma boa cobertura pra cada subida dele no ataque, ele foi responsável por uma boa parte de assistências que resultaram em gol, cruzamentos precisos. A ponto dele ser cogitado pra lateral esquerda da seleção. Não acho que um cara que cruza as bolas do jeito que ele cruza ser ruim de bola. Da msm forma um jogador horroroso como o Amaral jogar uma partida mais ou menos e o torcedor achar que ele pode ser titular do Palmeias. O nosso grande problema é que o MO, é limitado taticamente falando. Uma hora ele faz uma coisa e outra hora faz outra. Fraquinho, fraquinho. Frita fácil qualquer jogador. O Barrios não tem feito boas partidas, parece que vive em outro mundo, e não vejo a torcida pegar no pé dele.

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O problema nao é desarmar, é o resto, faz tempo que ele nao acerta um passe, um cruzamento, escanteio, falta..kkkkk desarmar é falha tatica, 1 2 em cima dele é esquema tatico falho.

 

Nao a aproximacao com os laterais e assim nao há pressao no ataque, portanto a defesa sofre muito mais..etc...etc...

 

Mas a verdade é que a culpa é minha mesmo, o MO nao tem culpa de nada, ele esta somente há 4 meses e nao dá para arrumar nada, ainda mais com a saida do gabriel, fica impossivel alterar a tatica do time, entao a tocida pega no pé, eu por exemplo, entao a culpa é minha.

 

Obs: O MO tem que ficar mesmo, afinal quero ver se ele consegue arrumar um time grande ou é só mais um tecnico com prazo de validade.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O pessoal gosta de citar a permanência do Tite nos gambás após a eliminação de 2011 pelo Tolima pra justificar a continuidade do trabalho do MO mas é bom lembrar que ele só teve essa continuidade porque o time dele se recuperou rapidamente da turbulência, 2 meses após a eliminação eles estavam disputando a final do paulista pau a pau com o Santos de Neymar e Cia e logo em seguida engataram uma sequencia de vitórias no início do brasileiro daquele ano que foi determinante para conquista do título, ou seja, o Tite teve uma eliminação vergonhosa mas o time se recuperou e evoluiu rapidamente.

E é isso que não vejo com MO, o cara já está 4 meses aqui e o futebol do time vem regredindo, não há evolução, pior: o cara está totalmente perdido a ponto de dizer no meio do jogo contra o Vasco que o time tava jogando mal e ele não sabia o que fazer. Será que vale a pena dar continuidade a ele?

Eu particularmente estou no fio da navalha com esse cara, suas últimas fichas de créditos comigo estão sendo depositadas nessa ultima parada até o próximo jogo, se caso o time voltar semana que vem apresentando os mesmos problemas que vem apresentando acho que a melhor coisa a fzer é mandá-lo embora após o término do Brasileiro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ele estava indo bem no ultimo jogo, não entendia saida dele. Zé Roberto não estava jogando nada e continuou nulo em campo !

 

Pensei a mesma coisa...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.