Jump to content
Silva

Falando de Palmeiras - Proibido Off-topic

Recommended Posts

51 minutos atrás, Emanuel Godoy disse:

Obrigado Palmeiras 

Abro meu Whatsapp e já sai o cheiro de naftalina da sardinhada. 

Valeu

Verdade. Onde já se viu perder a liderança. Isso é um absurdo. Inadmissível. Fora Felipão. Fora Leila. Fora Mattos. Fora Galiote. Fora Bolsonaro pé frio.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, WAGA disse:

Meu time titular hoje:

Weverton

Mayke (cadê ?) - Luan - GG (ou VH se o GG não acordar logo) - DB

FM - Mateus Fernandes - Alan

William - Borja - Dudu

Espero que terça feira venha com William e Dudu mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

PALMEIRAS RUMO À SEGUNDONA.

 

 

Espero que a terça chegue logo e o Palmeiras vença para acabar com está má fase.

Edited by Porkoloko

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest Palestra1999
21 minutos atrás, Eduardo SEP 1914 disse:

Penso o seguinte :
Nós sentamos em cima dos bons momentos e não corrigimos falhas grosseiras e visíveis.
Não tivemos humildade para reconhecer o que aconteceu para vir o título Brasileiro 2018, e fomos soberbos em argumentar tudo com " invencibilidade " e coisa e tal.

Quando digo nós, estou dizendo o clube.

Óbvio que como torcedor, podemos retrucar : " Você não está valorizando o decacampeonato ", " vc acha fácil ficar 33 jogos invictos no Brasileiro " etc.

Mas dentro do clube, era OBRIGAÇÃO enxergar que :

Não funcionamos com Eduardo Baptista e nem com o Roger.

Felipão chegou para AS COPAS. Fez sua análise e montou o time que considerou ideal.
As sobras, mandou para empurrar o Brasileiro.
Aqui mesmo só falávamos isso. " Bigode é copeiro ", Brasileiro já era, mas Copa do Brasil e quem sabe Libertadores tamo aí.

O fato é : O erro de avaliação nos custou as Copas e nos deu o Brasileiro.
Muito dos vistos como time ideal pelo treinador, eram inferiores ao time suplente do Brasileiro.
Somado a isso, o recém chegado Gustavo Gomez e a demora imensurável do treinador em mexer na patota, tirando a vaga para um recém chegado superior. Vimos isso no Paulista com o Zé Rafael, aparentemente o Matheus Fernandes tem bola para ter jogado vários minutos e até agora pufff... Gomez chegou assim, vai pro time suplente... porém o sujeito estava MUITO acima de Dracena e Antonio Carlos.

Foram 3 sortes para o Decacampeonato : Felipão errar a avaliação do time titular e deixar caras muito mais fortes para a suplência, chegada do Gomez e a tranquilidade.

Estávamos uma " caralhada " de pontos atrás de bambis, Inter, alguns até atrás do flamengo. Foco nas Copas, Brasileiro era somar uns pontos e terminar dignamente. Peso nenhum.

Quando caiu nas Copas e " sobrou o Brasileiro ", já tínhamos atropelado e o título tava no horizonte.

Não estou desvalorizando o Deca, se a gente for analisar ano a ano cada campeonato, teremos explicação de campeão por campeão. Fatos que ajudam a explicar cada taça. E é OBRIGAÇÃO dos administradores de cada clube entenderem esses meandros.

O que aconteceu depois do Deca ?

Um primeiro semestre de BOSTA. Planejamento ZERO, desde janeiro jogando com titulares, não testou peças que chegaram, o time continuou jogando em modo reativo-chutão, até cair pros bambis. Aí houve um hiato de 10 rodadas muito boas no Brasileiro.

REPETITIVO.

Segundo semestre de 2015 foi fraquíssimo. Ganhamos a fórceps a Copa do Brasil, nós torcedores temos mais que comemorar cegamente, foi uma delícia. Mas a diretoria tinha obrigação de entender friamente a situação.
Não fizeram e jogamos o primeiro semestre de 2016 no lixo. Vencemos o Brasileiro com o Cuca avisando que não queria ficar e se indispondo com todos. Não nos mexemos e começamos 2017 apostando em Eduardo Baptista.
Jogamos 2017 inteiro no lixo tentando repatriar um Cuca de má vontade e desgastado no clube.
2018 apostamos no Roger. E depois seguimos ao narrado acima.

Clube completamente mal administrado no aspecto esportivo.

É de fácil diagnóstico que o time volta mal depois de " férias ". Liderado por peças importantes como Dudu e Bruno Henrique, que levam jogos, meses para adquirir melhor forma física e técnica.
O que fizeram para corrigir ?
Chegou a Copa América e meteram 2 semanas de férias. Um ou dois amistosos de terceira linha pós férias e bora pro segundo semestre ? É isso ?

Felipão realmente é incapaz de propor qualquer outra coisa ? Todo tempo do mundo pra trabalhar e só sabemos reagir verticalmente chutando a bola em cima do Deyverson ?
Mudar o jogo é colocar um magrelinho que corre bastante ? Porra não estamos mais nos anos 90 !!!!

Palmeiras precisa se virar e encontrar um treinador com potencial.
Igual " inventou " o Luxemburgo em 1993. Não me peçam pra citar, não sei. Por cima o do Athlético PR parece promissor, mas não acompanho mais futebol como fazia outrora.
Felipão é ótimo gerindo vestiário, e se ele aceitar que o mantenham nessa função. Mas como estrategista...

Outra coisa : planejamento. Contratações que possam jogar.

Trouxe Artur Cabral e Matheus Fernandes ? Então é pq viram potencial.
Precisam ficar quase 8 meses PARADOS enquanto a comissão técnica não sabe se podem jogar ?

Então, algum erro GROSSEIRO aconteceu ali.

Quanto o Palmeiras gastou esse ano e quanto precisava ter gasto ?

Emerson Santos, Matheus Fernandes, Zé Rafael, Felipe Pires, Goulart, Carlos Eduardo, Artur... quem deu certo ?
A pergunta é : Praticamente em AGOSTO, se não viesse NINGUÉM, teria mudado um centímetro nosso ano ?
Minha resposta pessoal : Só o Zé Rafael.

Tá errado.

Tivemos TUDO para dominar o futebol Brasileiro nos últimos 4 anos. E não conseguimos.
Ajuda de bastidores, esquemas e desonestidade a parte - e nunca podemos desconsiderar isso - gambás com menos fizeram mais em sua boa fase.

A resposta que sintetiza o que é o Palmeiras hoje. Parabéns pena análise!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest Palestra1999
33 minutos atrás, Caiser Soze disse:

 

                 Estou tranquilo, sei que é uma má fase e vai passar. Agora se a diretoria fosse estúpida e imbecil a ponto de demitir o Felipão por causa dessa fase e uma derrota para os gambás, tenho certeza que o ano estaria perdido de vez. Nenhum técnico, nem do Brasil nem de fora tem o culhão, cacife, moral e força que o Felipão tem para lidar com esses caras. Se o Felipão não conseguir fazer esses caras voltarem a jogar podem esquecer 2019 e provavelmente 2020 também. Já falei e vou repetir,  os líderes do time, aqueles mais fortes e influentes estão fechados com o Felipão, mesmo eles estando em mau momento dentro de campo. Se o Felipão sair, vai demonstrar que a diretoria não tem rumo,  planejamento ou propósito e não tem Cristo que fará esses caras levarem qualquer coisa pra frente, e o próximo técnico estará ferrado, vai ser cozido e assado e vocês verão o que é corpo mole e panelinha de verdade, e não essas suspeitas e insinuações ingênuas que rolam por aí. Não se iludam, não tem ninguém para botar ordem nesse time melhor do que o Felipão, que conhece o clube como ninguém. 

Não há técnico que segure o rojão essa semana caso ela seja o que têm sido o pós Copa América. A batata tá assando pra todo mundo. Espero que o time reverta a situação. Não torço pra x ou y. Torço pelo Palmeiras. E se o bigode cair, Mattos tem que ir junto.

 

Edited by Palestra1999

Share this post


Link to post
Share on other sites
35 minutos atrás, Eduardo SEP 1914 disse:

Penso o seguinte :
Nós sentamos em cima dos bons momentos e não corrigimos falhas grosseiras e visíveis.
Não tivemos humildade para reconhecer o que aconteceu para vir o título Brasileiro 2018, e fomos soberbos em argumentar tudo com " invencibilidade " e coisa e tal.

Quando digo nós, estou dizendo o clube.

Óbvio que como torcedor, podemos retrucar : " Você não está valorizando o decacampeonato ", " vc acha fácil ficar 33 jogos invictos no Brasileiro " etc.

Mas dentro do clube, era OBRIGAÇÃO enxergar que :

Não funcionamos com Eduardo Baptista e nem com o Roger.

Felipão chegou para AS COPAS. Fez sua análise e montou o time que considerou ideal.
As sobras, mandou para empurrar o Brasileiro.
Aqui mesmo só falávamos isso. " Bigode é copeiro ", Brasileiro já era, mas Copa do Brasil e quem sabe Libertadores tamo aí.

O fato é : O erro de avaliação nos custou as Copas e nos deu o Brasileiro.
Muito dos vistos como time ideal pelo treinador, eram inferiores ao time suplente do Brasileiro.
Somado a isso, o recém chegado Gustavo Gomez e a demora imensurável do treinador em mexer na patota, tirando a vaga para um recém chegado superior. Vimos isso no Paulista com o Zé Rafael, aparentemente o Matheus Fernandes tem bola para ter jogado vários minutos e até agora pufff... Gomez chegou assim, vai pro time suplente... porém o sujeito estava MUITO acima de Dracena e Antonio Carlos.

Foram 3 sortes para o Decacampeonato : Felipão errar a avaliação do time titular e deixar caras muito mais fortes para a suplência, chegada do Gomez e a tranquilidade.

Estávamos uma " caralhada " de pontos atrás de bambis, Inter, alguns até atrás do flamengo. Foco nas Copas, Brasileiro era somar uns pontos e terminar dignamente. Peso nenhum.

Quando caiu nas Copas e " sobrou o Brasileiro ", já tínhamos atropelado e o título tava no horizonte.

Não estou desvalorizando o Deca, se a gente for analisar ano a ano cada campeonato, teremos explicação de campeão por campeão. Fatos que ajudam a explicar cada taça. E é OBRIGAÇÃO dos administradores de cada clube entenderem esses meandros.

O que aconteceu depois do Deca ?

Um primeiro semestre de BOSTA. Planejamento ZERO, desde janeiro jogando com titulares, não testou peças que chegaram, o time continuou jogando em modo reativo-chutão, até cair pros bambis. Aí houve um hiato de 10 rodadas muito boas no Brasileiro.

REPETITIVO.

Segundo semestre de 2015 foi fraquíssimo. Ganhamos a fórceps a Copa do Brasil, nós torcedores temos mais que comemorar cegamente, foi uma delícia. Mas a diretoria tinha obrigação de entender friamente a situação.
Não fizeram e jogamos o primeiro semestre de 2016 no lixo. Vencemos o Brasileiro com o Cuca avisando que não queria ficar e se indispondo com todos. Não nos mexemos e começamos 2017 apostando em Eduardo Baptista.
Jogamos 2017 inteiro no lixo tentando repatriar um Cuca de má vontade e desgastado no clube.
2018 apostamos no Roger. E depois seguimos ao narrado acima.

Clube completamente mal administrado no aspecto esportivo.

É de fácil diagnóstico que o time volta mal depois de " férias ". Liderado por peças importantes como Dudu e Bruno Henrique, que levam jogos, meses para adquirir melhor forma física e técnica.
O que fizeram para corrigir ?
Chegou a Copa América e meteram 2 semanas de férias. Um ou dois amistosos de terceira linha pós férias e bora pro segundo semestre ? É isso ?

Felipão realmente é incapaz de propor qualquer outra coisa ? Todo tempo do mundo pra trabalhar e só sabemos reagir verticalmente chutando a bola em cima do Deyverson ?
Mudar o jogo é colocar um magrelinho que corre bastante ? Porra não estamos mais nos anos 90 !!!!

Palmeiras precisa se virar e encontrar um treinador com potencial.
Igual " inventou " o Luxemburgo em 1993. Não me peçam pra citar, não sei. Por cima o do Athlético PR parece promissor, mas não acompanho mais futebol como fazia outrora.
Felipão é ótimo gerindo vestiário, e se ele aceitar que o mantenham nessa função. Mas como estrategista...

Outra coisa : planejamento. Contratações que possam jogar.

Trouxe Artur Cabral e Matheus Fernandes ? Então é pq viram potencial.
Precisam ficar quase 8 meses PARADOS enquanto a comissão técnica não sabe se podem jogar ?

Então, algum erro GROSSEIRO aconteceu ali.

Quanto o Palmeiras gastou esse ano e quanto precisava ter gasto ?

Emerson Santos, Matheus Fernandes, Zé Rafael, Felipe Pires, Goulart, Carlos Eduardo, Artur... quem deu certo ?
A pergunta é : Praticamente em AGOSTO, se não viesse NINGUÉM, teria mudado um centímetro nosso ano ?
Minha resposta pessoal : Só o Zé Rafael.

Tá errado.

Tivemos TUDO para dominar o futebol Brasileiro nos últimos 4 anos. E não conseguimos.
Ajuda de bastidores, esquemas e desonestidade a parte - e nunca podemos desconsiderar isso - gambás com menos fizeram mais em sua boa fase.

Excelente análise!

Felipão é um mito no Palmeiras, merece um busto, um cargo como coordenador e domina vestiário como poucos.

Para mim temos um time e clube à frente do seu tempo e uma comissão dos anos 1990 no comando.

A solução pode estar num cara de fora, que é algo que duvido que a direção avente.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 hours ago, Porkoloko said:

técnico não corre.

técnico não chuta.

Até ontem a defesa e o ataque era o melhor do brasil

Então acho que o problema não é tática e falta de garra dos jogadores.

Parece que amanhã vai ter reunião. Vamos ver o que vai dar.

Entao não precisamos pagar quase 1 milhão para o tecnico

coloca o do sub20 por 1/5 do valor e pronto. Afinal basta implementar um esquema tático 

2 hours ago, Porkoloko said:

Nesta bagunça que está o Palmeiras

Entre Mattos e Felipão eu fico

com o Felipão. 

Palmeiras virou balcão de negócios

 

 

Eu fico com o Palmeiras, se tiver que sair os 2 que saiam 

1 hour ago, Fercas said:

eu faço parte da minoria

Eu tbm 

Share this post


Link to post
Share on other sites

antes jogávamos um futebol medonho, mas dava liga nos pontos corridos, agora continuamos com o futebol medonho e o sinal de alerta dos pontos corridos está em nível máximo. Bora focar na "Obsessiva", e caso não virar, foco total na 3ª opção(Brasileirão).

Share this post


Link to post
Share on other sites
4 minutos atrás, FabioHenrique disse:

Entao não precisamos pagar quase 1 milhão para o tecnico

coloca o do sub20 por 1/5 do valor e pronto. Afinal basta implementar um esquema tático 

Eu fico com o Palmeiras, se tiver que sair os 2 que saiam 

Eu tbm 

Está opção é válida. Mas acho que agora não seria o momento dos dois saírem. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, Emanuel Godoy disse:

Mano... problema  é achar que está tudo bem.

Não adianta tapar o sol com a peneira...

Palmeiras não tá jogando nada e isso é um fato 

Doa a quem doer...

Eu tb não acho que está tudo bem e não falei isso. Só falei que é chato os mesmos de sempre que torcem por problema só pra descarregar sarcasmo. Foi só um desabafo. 

 

Abs!

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Eduardo SEP 1914 disse:

Penso o seguinte :
Nós sentamos em cima dos bons momentos e não corrigimos falhas grosseiras e visíveis.
Não tivemos humildade para reconhecer o que aconteceu para vir o título Brasileiro 2018, e fomos soberbos em argumentar tudo com " invencibilidade " e coisa e tal.

Quando digo nós, estou dizendo o clube.

Óbvio que como torcedor, podemos retrucar : " Você não está valorizando o decacampeonato ", " vc acha fácil ficar 33 jogos invictos no Brasileiro " etc.

Mas dentro do clube, era OBRIGAÇÃO enxergar que :

Não funcionamos com Eduardo Baptista e nem com o Roger.

Felipão chegou para AS COPAS. Fez sua análise e montou o time que considerou ideal.
As sobras, mandou para empurrar o Brasileiro.
Aqui mesmo só falávamos isso. " Bigode é copeiro ", Brasileiro já era, mas Copa do Brasil e quem sabe Libertadores tamo aí.

O fato é : O erro de avaliação nos custou as Copas e nos deu o Brasileiro.
Muito dos vistos como time ideal pelo treinador, eram inferiores ao time suplente do Brasileiro.
Somado a isso, o recém chegado Gustavo Gomez e a demora imensurável do treinador em mexer na patota, tirando a vaga para um recém chegado superior. Vimos isso no Paulista com o Zé Rafael, aparentemente o Matheus Fernandes tem bola para ter jogado vários minutos e até agora pufff... Gomez chegou assim, vai pro time suplente... porém o sujeito estava MUITO acima de Dracena e Antonio Carlos.

Foram 3 sortes para o Decacampeonato : Felipão errar a avaliação do time titular e deixar caras muito mais fortes para a suplência, chegada do Gomez e a tranquilidade.

Estávamos uma " caralhada " de pontos atrás de bambis, Inter, alguns até atrás do flamengo. Foco nas Copas, Brasileiro era somar uns pontos e terminar dignamente. Peso nenhum.

Quando caiu nas Copas e " sobrou o Brasileiro ", já tínhamos atropelado e o título tava no horizonte.

Não estou desvalorizando o Deca, se a gente for analisar ano a ano cada campeonato, teremos explicação de campeão por campeão. Fatos que ajudam a explicar cada taça. E é OBRIGAÇÃO dos administradores de cada clube entenderem esses meandros.

O que aconteceu depois do Deca ?

Um primeiro semestre de BOSTA. Planejamento ZERO, desde janeiro jogando com titulares, não testou peças que chegaram, o time continuou jogando em modo reativo-chutão, até cair pros bambis. Aí houve um hiato de 10 rodadas muito boas no Brasileiro.

REPETITIVO.

Segundo semestre de 2015 foi fraquíssimo. Ganhamos a fórceps a Copa do Brasil, nós torcedores temos mais que comemorar cegamente, foi uma delícia. Mas a diretoria tinha obrigação de entender friamente a situação.
Não fizeram e jogamos o primeiro semestre de 2016 no lixo. Vencemos o Brasileiro com o Cuca avisando que não queria ficar e se indispondo com todos. Não nos mexemos e começamos 2017 apostando em Eduardo Baptista.
Jogamos 2017 inteiro no lixo tentando repatriar um Cuca de má vontade e desgastado no clube.
2018 apostamos no Roger. E depois seguimos ao narrado acima.

Clube completamente mal administrado no aspecto esportivo.

É de fácil diagnóstico que o time volta mal depois de " férias ". Liderado por peças importantes como Dudu e Bruno Henrique, que levam jogos, meses para adquirir melhor forma física e técnica.
O que fizeram para corrigir ?
Chegou a Copa América e meteram 2 semanas de férias. Um ou dois amistosos de terceira linha pós férias e bora pro segundo semestre ? É isso ?

Felipão realmente é incapaz de propor qualquer outra coisa ? Todo tempo do mundo pra trabalhar e só sabemos reagir verticalmente chutando a bola em cima do Deyverson ?
Mudar o jogo é colocar um magrelinho que corre bastante ? Porra não estamos mais nos anos 90 !!!!

Palmeiras precisa se virar e encontrar um treinador com potencial.
Igual " inventou " o Luxemburgo em 1993. Não me peçam pra citar, não sei. Por cima o do Athlético PR parece promissor, mas não acompanho mais futebol como fazia outrora.
Felipão é ótimo gerindo vestiário, e se ele aceitar que o mantenham nessa função. Mas como estrategista...

Outra coisa : planejamento. Contratações que possam jogar.

Trouxe Artur Cabral e Matheus Fernandes ? Então é pq viram potencial.
Precisam ficar quase 8 meses PARADOS enquanto a comissão técnica não sabe se podem jogar ?

Então, algum erro GROSSEIRO aconteceu ali.

Quanto o Palmeiras gastou esse ano e quanto precisava ter gasto ?

Emerson Santos, Matheus Fernandes, Zé Rafael, Felipe Pires, Goulart, Carlos Eduardo, Artur... quem deu certo ?
A pergunta é : Praticamente em AGOSTO, se não viesse NINGUÉM, teria mudado um centímetro nosso ano ?
Minha resposta pessoal : Só o Zé Rafael.

Tá errado.

Tivemos TUDO para dominar o futebol Brasileiro nos últimos 4 anos. E não conseguimos.
Ajuda de bastidores, esquemas e desonestidade a parte - e nunca podemos desconsiderar isso - gambás com menos fizeram mais em sua boa fase.

Edu sempre destrói com suas análises... eu não saberia escrever dessa forma, mas penso muito similar.
Muitos estão procurando o 'motivo', o fato 'escondido', o algo 'místico' que fez o Palmeiras 'deixar de jogar bola', mas foi uma confluência de vários fatores que vieram a ser desmascarados - e a parada da copa américa ajudou a trazer a tona -> ausência de planejamento devido pro primeiro semestre e ausência de melhor planejamento da parada.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O time é reflexo do Presidenteà 2 anos e meio, BANANA! Em todas eliminações, ou jogo com influência externa nunca marcou uma coletiva e bateu com o pau na mesa, como faz Cara Mijada, Paulo Nobre, esse Presidente do Inter e entre outros. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Eduardo SEP 1914 disse:

Penso o seguinte :
Nós sentamos em cima dos bons momentos e não corrigimos falhas grosseiras e visíveis.
Não tivemos humildade para reconhecer o que aconteceu para vir o título Brasileiro 2018, e fomos soberbos em argumentar tudo com " invencibilidade " e coisa e tal.

Quando digo nós, estou dizendo o clube.

Óbvio que como torcedor, podemos retrucar : " Você não está valorizando o decacampeonato ", " vc acha fácil ficar 33 jogos invictos no Brasileiro " etc.

Mas dentro do clube, era OBRIGAÇÃO enxergar que :

Não funcionamos com Eduardo Baptista e nem com o Roger.

Felipão chegou para AS COPAS. Fez sua análise e montou o time que considerou ideal.
As sobras, mandou para empurrar o Brasileiro.
Aqui mesmo só falávamos isso. " Bigode é copeiro ", Brasileiro já era, mas Copa do Brasil e quem sabe Libertadores tamo aí.

O fato é : O erro de avaliação nos custou as Copas e nos deu o Brasileiro.
Muito dos vistos como time ideal pelo treinador, eram inferiores ao time suplente do Brasileiro.
Somado a isso, o recém chegado Gustavo Gomez e a demora imensurável do treinador em mexer na patota, tirando a vaga para um recém chegado superior. Vimos isso no Paulista com o Zé Rafael, aparentemente o Matheus Fernandes tem bola para ter jogado vários minutos e até agora pufff... Gomez chegou assim, vai pro time suplente... porém o sujeito estava MUITO acima de Dracena e Antonio Carlos.

Foram 3 sortes para o Decacampeonato : Felipão errar a avaliação do time titular e deixar caras muito mais fortes para a suplência, chegada do Gomez e a tranquilidade.

Estávamos uma " caralhada " de pontos atrás de bambis, Inter, alguns até atrás do flamengo. Foco nas Copas, Brasileiro era somar uns pontos e terminar dignamente. Peso nenhum.

Quando caiu nas Copas e " sobrou o Brasileiro ", já tínhamos atropelado e o título tava no horizonte.

Não estou desvalorizando o Deca, se a gente for analisar ano a ano cada campeonato, teremos explicação de campeão por campeão. Fatos que ajudam a explicar cada taça. E é OBRIGAÇÃO dos administradores de cada clube entenderem esses meandros.

O que aconteceu depois do Deca ?

Um primeiro semestre de BOSTA. Planejamento ZERO, desde janeiro jogando com titulares, não testou peças que chegaram, o time continuou jogando em modo reativo-chutão, até cair pros bambis. Aí houve um hiato de 10 rodadas muito boas no Brasileiro.

REPETITIVO.

Segundo semestre de 2015 foi fraquíssimo. Ganhamos a fórceps a Copa do Brasil, nós torcedores temos mais que comemorar cegamente, foi uma delícia. Mas a diretoria tinha obrigação de entender friamente a situação.
Não fizeram e jogamos o primeiro semestre de 2016 no lixo. Vencemos o Brasileiro com o Cuca avisando que não queria ficar e se indispondo com todos. Não nos mexemos e começamos 2017 apostando em Eduardo Baptista.
Jogamos 2017 inteiro no lixo tentando repatriar um Cuca de má vontade e desgastado no clube.
2018 apostamos no Roger. E depois seguimos ao narrado acima.

Clube completamente mal administrado no aspecto esportivo.

É de fácil diagnóstico que o time volta mal depois de " férias ". Liderado por peças importantes como Dudu e Bruno Henrique, que levam jogos, meses para adquirir melhor forma física e técnica.
O que fizeram para corrigir ?
Chegou a Copa América e meteram 2 semanas de férias. Um ou dois amistosos de terceira linha pós férias e bora pro segundo semestre ? É isso ?

Felipão realmente é incapaz de propor qualquer outra coisa ? Todo tempo do mundo pra trabalhar e só sabemos reagir verticalmente chutando a bola em cima do Deyverson ?
Mudar o jogo é colocar um magrelinho que corre bastante ? Porra não estamos mais nos anos 90 !!!!

Palmeiras precisa se virar e encontrar um treinador com potencial.
Igual " inventou " o Luxemburgo em 1993. Não me peçam pra citar, não sei. Por cima o do Athlético PR parece promissor, mas não acompanho mais futebol como fazia outrora.
Felipão é ótimo gerindo vestiário, e se ele aceitar que o mantenham nessa função. Mas como estrategista...

Outra coisa : planejamento. Contratações que possam jogar.

Trouxe Artur Cabral e Matheus Fernandes ? Então é pq viram potencial.
Precisam ficar quase 8 meses PARADOS enquanto a comissão técnica não sabe se podem jogar ?

Então, algum erro GROSSEIRO aconteceu ali.

Quanto o Palmeiras gastou esse ano e quanto precisava ter gasto ?

Emerson Santos, Matheus Fernandes, Zé Rafael, Felipe Pires, Goulart, Carlos Eduardo, Artur... quem deu certo ?
A pergunta é : Praticamente em AGOSTO, se não viesse NINGUÉM, teria mudado um centímetro nosso ano ?
Minha resposta pessoal : Só o Zé Rafael.

Tá errado.

Tivemos TUDO para dominar o futebol Brasileiro nos últimos 4 anos. E não conseguimos.
Ajuda de bastidores, esquemas e desonestidade a parte - e nunca podemos desconsiderar isso - gambás com menos fizeram mais em sua boa fase.

Falou e disse!! 

Só acrescentando 3 pontos:

- o time vinha jogando de forma previsível, mas a defesa estava muito ajustada... confesso que achei que o Felipão tinha acertado o time pro estilo de mata mata ... mas o perfil psicológico fraco do time falou (como sempre) mais alto..

- o trabalho do Mattos nos últimos 2 anos é fraco na minha opinião... vejo times com menos recursos contratando muito melhor que nós.. não é hora de se avaliar pra 2020? O Galiotte deveria, no mínimo, cobra-lo...

- a reformulação precisa ser grande no ano que vem.. não temos craques... e acho que o ciclo de muitos bons coadjuvantes já se encerraram por aqui... o fundamental para mim, é formar um meio mais leve. Se vai ficar o Felipe Melo, mais um motivo pra por alguém mais leve, com mais pegada .. e vende Veiga, Lucas Lima, etc e traz um 10 de verdade ..

Share this post


Link to post
Share on other sites

A realidade é uma só, o time esta mal e tem que reagir, pois a janela de transferências fecha terça-feira, logo não vai vir ninguém de fora, e aqui no Brasil não tem ninguém, ao invés de contratar o centroavante que precisamos, trouxeram o Henrique, esse é o time que vai até o final, Felipão que faça o time jogar bola de novo, Mattos e Galliote que encontrem o erro de planejamento e o resolvam, pra não voltar a acontecer, cometeram o mesmo erro de 2017 e falharam na montagem do elenco.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.