IPB

Bem-vindo, visitante ( Entrar | Registrar )

2 Páginas V   1 2 >  
Reply to this topicStart new topic
> Paulo Nobre fala sobre a divisão de cotas da RGT
Tadeu_Diadema
post Jul 30 2015, 11:56 AM
Post #1


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 1,734
Registrado: 14-October 11
Membro N°: 146,192



http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-...-mais-justa.htm

No Brasil, a divisão das cotas de transmissão das partidas pela TV RGT sofre com desigualdades: é dividida em seis grupos. Corinthians e Flamengo, únicos no primeiro patamar, chegam a receber R$ 30 milhões a mais do que o São Paulo, no segundo, e até R$ 80 milhões a mais do que os clubes do sexto escalão. Em entrevista ao UOL Esporte, o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre (o alviverde está no terceiro patamar), se mostrou favorável a uma distribuição mais justa dos recursos da televisão.

"Sinto que existe vontade (de rediscutir o modelo) de uma maioria muito apertada, e não existe de uma esmagadora minoria que tem uma vantagem muito grande em relação aos demais. A maneira que se distribui também precisa ser aperfeiçoada. Quando voceê assina um pacote de Pay Per View ninguém pergunta que time torce. É feito tudo pelo Ibope, tomando como base as capitais. O Palmeiras tem grande parte da torcida dele no interior. Até outro dia, a cidade de Santos não era considerada", explicou Nobre.

O alviverde, recentemente, teve menos partidas transmitidas do que seus principais rivais. No ano passado, Palmeiras e Santos juntos tiveram seis jogos a menos na TV do que o Corinthians e dois a menos que o São Paulo.

Na análise do mandatário alviverde, no longo prazo, a discrepância entre as cotas pode levar o Brasileirão para um rumo similar ao do Campeonato Espanhol, que quase todo ano tem Barcelona ou Real Madrid como campeões. Isso poderia atingir a competitividade do futebol brasileiro, um de seus maiores atrativos.

"Precisa tomar cuidado para não "espanholizar"o futebol brasileiro. Você não pode ter dois clubes ganhando muito mais do que todos os clubes. A magia do futebol brasileiro está no fato de que no inicio da temporada, de 20 clubes, 12 são candidatos ao título. Em 2013, ninguém falava do Cruzeiro. Na história do Brasileiro, quantos clubes já foram campeões? É lindo isso. É diferente de outros lugares onde dois são campeões, um terceiro de vez em quando, um quarto a cada 50 anos. Não pode acabar isso no futebol brasileiro. Hoje a coisa não está tão equilibrada".

Apesar de acreditar que o modelo precisa ser repensado, Nobre reconhece que houve evolução nos últimos anos. "Tenho certeza que a TV tenta encontrar a forma mais justa de fazer isso, e que a cada renovação se esforce para tornar ainda mais justo".

O Palmeiras têm reduzido sua dependência de receitas de televisão e tem faturado em outras frentes, como a bilheteria do Allianz Parque, o programa sócio-torcedor Avanti e os diferentes patrocínios com o grupo empresarial da Crefisa. Hoje, o clube vive uma situação financeira saudável e é o único dos quatro grandes do estado que não atrasou salários ou direitos de imagem de seus atletas.

O caminho para o aperfeiçoamento da distribuição das cotas de televisão do futebol brasileiro é um só, e passa por uma união de clubes. Nobre acha que isso pode acontecer, mas não vê isso acontecendo neste momento.

"Não vejo como inviável, acho factível se pensar nisso, mas hoje não estou sentindo que isso esteja acontecendo", finalizou.


--------------------
PALMEIRAS,DESDE 1972 MINHA ETERNA PAIXÃO!!!
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Fábio
post Jul 30 2015, 12:07 PM
Post #2


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 2,289
Registrado: 17-January 08
De: Jundiaí SP
Membro N°: 219



QUOTE(Tadeu_Diadema @ Jul 30 2015, 11:56 AM) *
http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-...-mais-justa.htm

No Brasil, a divisão das cotas de transmissão das partidas pela TV RGT sofre com desigualdades: é dividida em seis grupos. Corinthians e Flamengo, únicos no primeiro patamar, chegam a receber R$ 30 milhões a mais do que o São Paulo, no segundo, e até R$ 80 milhões a mais do que os clubes do sexto escalão. Em entrevista ao UOL Esporte, o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre (o alviverde está no terceiro patamar), se mostrou favorável a uma distribuição mais justa dos recursos da televisão.

"Sinto que existe vontade (de rediscutir o modelo) de uma maioria muito apertada, e não existe de uma esmagadora minoria que tem uma vantagem muito grande em relação aos demais. A maneira que se distribui também precisa ser aperfeiçoada. Quando voceê assina um pacote de Pay Per View ninguém pergunta que time torce. É feito tudo pelo Ibope, tomando como base as capitais. O Palmeiras tem grande parte da torcida dele no interior. Até outro dia, a cidade de Santos não era considerada", explicou Nobre.

O alviverde, recentemente, teve menos partidas transmitidas do que seus principais rivais. No ano passado, Palmeiras e Santos juntos tiveram seis jogos a menos na TV do que o Corinthians e dois a menos que o São Paulo.

Na análise do mandatário alviverde, no longo prazo, a discrepância entre as cotas pode levar o Brasileirão para um rumo similar ao do Campeonato Espanhol, que quase todo ano tem Barcelona ou Real Madrid como campeões. Isso poderia atingir a competitividade do futebol brasileiro, um de seus maiores atrativos.

"Precisa tomar cuidado para não "espanholizar"o futebol brasileiro. Você não pode ter dois clubes ganhando muito mais do que todos os clubes. A magia do futebol brasileiro está no fato de que no inicio da temporada, de 20 clubes, 12 são candidatos ao título. Em 2013, ninguém falava do Cruzeiro. Na história do Brasileiro, quantos clubes já foram campeões? É lindo isso. É diferente de outros lugares onde dois são campeões, um terceiro de vez em quando, um quarto a cada 50 anos. Não pode acabar isso no futebol brasileiro. Hoje a coisa não está tão equilibrada".

Apesar de acreditar que o modelo precisa ser repensado, Nobre reconhece que houve evolução nos últimos anos. "Tenho certeza que a TV tenta encontrar a forma mais justa de fazer isso, e que a cada renovação se esforce para tornar ainda mais justo".

O Palmeiras têm reduzido sua dependência de receitas de televisão e tem faturado em outras frentes, como a bilheteria do Allianz Parque, o programa sócio-torcedor Avanti e os diferentes patrocínios com o grupo empresarial da Crefisa. Hoje, o clube vive uma situação financeira saudável e é o único dos quatro grandes do estado que não atrasou salários ou direitos de imagem de seus atletas.

O caminho para o aperfeiçoamento da distribuição das cotas de televisão do futebol brasileiro é um só, e passa por uma união de clubes. Nobre acha que isso pode acontecer, mas não vê isso acontecendo neste momento.

"Não vejo como inviável, acho factível se pensar nisso, mas hoje não estou sentindo que isso esteja acontecendo", finalizou.


o que a RGT vem fazendo é claro o amplo favorecimento para "espanholizar" o futebol BR favorecendo gambás e urubus. Eu não estou tão otimista quanto o PN no que se diz respeito que a TV tenta encontrar a forma mais justa. Ainda pesa os interesses econômicos da emissora.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Gerson SEP
post Jul 30 2015, 12:12 PM
Post #3


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 2,705
Registrado: 11-January 15
De: São Paulo
Membro N°: 441,150



QUOTE(Fábio @ Jul 30 2015, 12:07 PM) *
o que a RGT vem fazendo é claro o amplo favorecimento para "espanholizar" o futebol BR favorecendo gambás e urubus. Eu não estou tão otimista quanto o PN no que se diz respeito que a TV tenta encontrar a forma mais justa. Ainda pesa os interesses econômicos da emissora.

Acho que ele não quis sair feio na foto. 70 milhões a menos é muita diferença.


--------------------
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Tadeu_Diadema
post Jul 30 2015, 12:16 PM
Post #4


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 1,734
Registrado: 14-October 11
Membro N°: 146,192



QUOTE(Gerson SEP @ Jul 30 2015, 02:12 PM) *
Acho que ele não quis sair feio na foto. 70 milhões a menos é muita diferença.


É uma diferença absurda e ano que vem irá aumentar ainda mais!!!

Só no PPV a diferença é maior que nossa receita do patrocinador Master e da receita liquida do Allianz

Nossa sorte é que estes times da RGT são muito mal administrados!


--------------------
PALMEIRAS,DESDE 1972 MINHA ETERNA PAIXÃO!!!
Go to the top of the page
 
+Quote Post
WAGA
post Jul 30 2015, 12:17 PM
Post #5


Categoria Master
******

Grupo: Debate PTD
Posts: 12,482
Registrado: 23-January 08
De: São Paulo - SP
Membro N°: 485



Isso precisa mudar. E se na RGT tivesse mais gente competente, eles perceberiam que a espanholização só vai reduzir drasticamente a audiência, no futuro.
Se apenas dois times ficarem disputando, os torcedores dos outros times, que somados são imensa maioria, podem perder o entusiasmo e passar a se interessar por outras distrações.
Seria por isso (falta de competência) que a audiência da RGT tem DESABADO recentemente ?


--------------------
TRAGAM UM MEIA !!!
Go to the top of the page
 
+Quote Post
lotozzi
post Jul 30 2015, 12:19 PM
Post #6


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 1,003
Registrado: 3-January 14
Membro N°: 412,657



Não acredito em "espanholização". Eis os motivos:

- O Brasil é muito, mas muito maior que a Espanha. Há clubes importantes em quase todos os centros (por importantes eu digo clubes com muitos títulos e relevância nacional). Não acho que vá ocorrer, mas caso a RGT intensifique o favorecimento a SCCP e CRF, é questão de tempo para os demais clubes se unirem e buscarem alternativas em conjunto - não haveria muito que a RGT pudesse fazer;
- O futebol brasileiro é mais distribuído nacionalmente que o espanhol: acho impossível que um torcedor gaúcho, por exemplo, se interesse em torcer pelo CRF, por mais que este possa estar em destaque e os clubes gaúchos na draga;
- Há muitos times com excelente estrutura para que toda a grana se concentre em dois, sendo que um desses dois mal tem patrimônio.

O que eu acredito que seja o desejo da emissora, visando exclusivamente audiência, é uma "gauchização" (desculpem o termo horroroso), ou mesmo uma "espanholização" regional, isto é, que cada Estado ou região tenha dois clubes que se destaquem muito mais que os outros. Isto já ocorre em MG, RS, BA, CE etc. mas em SP, RJ, PE não. É aí que podemos nos lascar, porque se isso ocorrer, ficaria entre nós e SPFC a briga pelo "segundo lugar" (já estou descartando o Santos). Além disso, nessa possibilidade, dificilmente haveria uma união forte de clubes contrários, pois a maioria dos grandes clubes estaria se beneficiando com isso (inclusive nós, talvez).

De qualquer forma, ambas as opções são catastróficas para o futebol brasileiro, se pensarmos nele como um todo. O Palmeiras deveria se opor a isso de todas as formas, mesmo que, individualmente, possa se beneficiar.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Paulinho RO
post Jul 30 2015, 12:22 PM
Post #7


Categoria Estrela
*****

Grupo: Membros
Posts: 1,253
Registrado: 16-January 08
De: Curitiba
Membro N°: 130



a tendencia é aumentar...


a unica maneira e que na proxima renovação, todos os times da seria A (tirando o gambas e urubus) reunirem e fazerem uma proposta a RGT. Caso não aconteça. fazer a proposta para Record


--------------------
" Quem deixa para depois o que pode fazer logo, perde o que nunca mais vai encontrar: O tempo " Paulo Coelho

Go to the top of the page
 
+Quote Post
PACO
post Jul 30 2015, 12:28 PM
Post #8


Categoria Estrela
*****

Grupo: Debate PTD
Posts: 1,652
Registrado: 19-April 09
De: MANAUS -AM
Membro N°: 11,497



QUOTE(WAGA @ Jul 30 2015, 02:17 PM) *
Isso precisa mudar. E se na RGT tivesse mais gente competente, eles perceberiam que a espanholização só vai reduzir drasticamente a audiência, no futuro.
Se apenas dois times ficarem disputando, os torcedores dos outros times, que somados são imensa maioria, podem perder o entusiasmo e passar a se interessar por outras distrações.
Seria por isso (falta de competência) que a audiência da RGT tem DESABADO recentemente ?


Acho que eles já estão percebendo isto. nesta semana no programa Seleção STV comandado pelo sósia do DIDI, Marcelo Barreto, os comentaristas da casa criticaram esta diferença grande entre os clubes e defenderam o modelo inglês. Como naquela casa os funcionários só podem falar o que a direção manda, acredito que o comando da RGT já percebeu que privilegiar apenas dois clubes não esta sendo vantajoso para eles comercialmente.


--------------------
VAMOS GANHAR, PORCO!!!

PALMEIRAS, MINHA VIDA É VOCÊ!!!
Go to the top of the page
 
+Quote Post
WAGA
post Jul 30 2015, 12:30 PM
Post #9


Categoria Master
******

Grupo: Debate PTD
Posts: 12,482
Registrado: 23-January 08
De: São Paulo - SP
Membro N°: 485



QUOTE(PACO @ Jul 30 2015, 12:28 PM) *
Acho que eles já estão percebendo isto. nesta semana no programa Seleção STV comandado pelo sósia do DIDI, Marcelo Barreto, os comentaristas da casa criticaram esta diferença grande entre os clubes e defenderam o modelo inglês. Como naquela casa os funcionários só podem falar o que a direção manda, acredito que o comando da RGT já percebeu que privilegiar apenas dois clubes não esta sendo vantajoso para eles comercialmente.


É o lógico, sensato, razoável. Tomara que a razão vença a incompetência.

QUOTE(Paulinho RO @ Jul 30 2015, 12:22 PM) *
a tendencia é aumentar...


a unica maneira e que na proxima renovação, todos os times da seria A (tirando o gambas e urubus) reunirem e fazerem uma proposta a RGT. Caso não aconteça. fazer a proposta para Record


Concordo.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Coutinho
post Jul 30 2015, 12:41 PM
Post #10


Pra quem tem fé!
Ícone do grupo

Grupo: Moderador
Posts: 26,001
Registrado: 19-November 08
De: Sao Paulo
Membro N°: 3,184






Tá certo o Nobre, não se pode chegar com os 2 pés do peito da RGT.
O Palmeiras agora tem argumentos para negociar uma coisa mais vantajosa para o clube e indiretamente aos outros, para tirar a vantagem dos 2 "queridinhos".
É preciso desfazer o que o Banana e outros bananas concordaram e assinaram.




--------------------

Acesse e leia as regras de conduta do fórum:
http://www.forumptd.com/index.php?showtopic=88192
@abcout
"A Fé na vitória tem que ser Inabalável"
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Guest_guz_*
post Jul 30 2015, 12:50 PM
Post #11





Guests






Não se enganem, a negociação pelos direitos de TV já começou amigos. Basta ler as entrelinhas. Só perceber que já há um movimento para isso. Os clubes da série B já estão se movimentando. E eu acho que a propria RGT deve fazer uma divisão mais justa (até por que, provavelmente, os direitos ficariam mais baratos assim),
Go to the top of the page
 
+Quote Post
johnfe
post Jul 30 2015, 12:54 PM
Post #12


Categoria Profissional
***

Grupo: Membros
Posts: 426
Registrado: 10-March 11
Membro N°: 84,280



O problema já começa quando só a RGT divide cota, a centralização, o monopólio...poderia vender cotas mais baratas para outras emissoras transmitirem em TV aberta jogos em horários que não interessam à RGT tipo, quarta e quinta às 19h30, sábado às 18h30 e às 21h, domingo ás 11h, às 18h30. Imagina se estes horários fossem comercializados para outras emissoras, seria o mundo perfeito. Quem paga mais, no caso a RGT, tem direito de escolher os melhores horários, ou pelo menos aqueles que interessam, e os demais ficariam disponiveis para BAND, RECORD, REDETV, etc.


--------------------
Palmeiras miha vida é você!
Go to the top of the page
 
+Quote Post
VICIADO
post Jul 30 2015, 01:01 PM
Post #13


Sou Palmeiras aonde quer que ele esteja.
******

Grupo: Debate PTD
Posts: 7,908
Registrado: 11-September 09
De: São Paulo - SP
Membro N°: 20,068



se os clubes se unirem....a coisa muda...
porém muitos tem o rabo preso com a emissora e não podem sequer argumentar nada....
muitos já tem direitos até adiantados....

não vai adiantar o Nobre falar bonito desse jeito....se ninguem mais chegar junto e participar.


--------------------
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Yusuke
post Jul 30 2015, 01:11 PM
Post #14



******

Grupo: Membros
Posts: 12,190
Registrado: 13-June 10
De: Ilhabela-sp
Membro N°: 38,460



RGT é o mal do futebol juntamente com a CBF


--------------------
" Palmeiras minha vida é você !!!!!! "
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Guest_Loading..._*
post Jul 30 2015, 01:12 PM
Post #15





Guests






O "triste" é que somos sim a maior torcida que da retorno ao clube. Porém mulambos e gambás, a princípio, são as duas que mais dão audiencia pela RGT? Tipo, não é uma coisa meio idiota dizer que os dois dão mais audiencia sendo que SÓ PASSAM JOGOS DESSES DOIS? Vocês acham, sinceramente, que, se passasse outro jogo que não fosse desses dois, lá pelo norte ou nordeste, onde dizem ser massante a quantidade de flamenguistas, os mesmos não iriam assistir? Isso se houver alum dispositivo que meça essas audiencias né. Enfim, o que quero dizer é que esses dois podem ter mais torcida sim, mas arrisco dizer que a maioria é torcedor passional. Por isso não creio que essa divisão de cotas seja por audiencia, acredito que esses malditos são uns cubistas fdps que só querem dar mais grana pro seu clube de coração. Mas do jeito que é o Brasil deve ter até política no meio disso. Lamentável.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
roteixeira
post Jul 30 2015, 01:32 PM
Post #16


Categoria Estrela
*****

Grupo: Debate PTD
Posts: 3,164
Registrado: 17-September 12
De: Oshawa/Canada
Membro N°: 231,994



A única coisa boa é que o Nobre profissionalizou o Palmeiras e conseguiu equilibrar na bola o que a RGT dá a mais para o Curica e Framengu.


--------------------




Leia meu blog Econoleigo em http://www.econoleigo.com :)
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Guest_Carlos Souza_*
post Jul 30 2015, 01:44 PM
Post #17





Guests






QUOTE(Gerson SEP @ Jul 30 2015, 12:12 PM) *
Acho que ele não quis sair feio na foto. 70 milhões a menos é muita diferença.

Antes de ser um apelo por justiça é um jogo politico!!
Tem que ser esperto, paciente e cuidadoso.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Guest_Romer99_*
post Jul 30 2015, 02:03 PM
Post #18





Guests






QUOTE(Paulo Nobre @ Jul 30 2015, 11:56 AM) *
"Sinto que existe vontade (de rediscutir o modelo) de uma maioria muito apertada, e não existe de uma esmagadora minoria que tem uma vantagem muito grande em relação aos demais. A maneira que se distribui também precisa ser aperfeiçoada. Quando voceê assina um pacote de Pay Per View ninguém pergunta que time torce. É feito tudo pelo Ibope, tomando como base as capitais. O Palmeiras tem grande parte da torcida dele no interior. Até outro dia, a cidade de Santos não era considerada", explicou Nobre.

"Precisa tomar cuidado para não "espanholizar"o futebol brasileiro. Você não pode ter dois clubes ganhando muito mais do que todos os clubes. A magia do futebol brasileiro está no fato de que no inicio da temporada, de 20 clubes, 12 são candidatos ao título. Em 2013, ninguém falava do Cruzeiro. Na história do Brasileiro, quantos clubes já foram campeões? É lindo isso. É diferente de outros lugares onde dois são campeões, um terceiro de vez em quando, um quarto a cada 50 anos. Não pode acabar isso no futebol brasileiro. Hoje a coisa não está tão equilibrada".


O que esse Nobre tá achando que é esse país? Falando em igualdade e tudo mais? Comunismo porra? Hehe
Go to the top of the page
 
+Quote Post
Roberto Marconi
post Jul 30 2015, 02:14 PM
Post #19


Categoria Master
******

Grupo: Debate PTD
Posts: 9,772
Registrado: 20-November 08
Membro N°: 3,202



QUOTE(Fábio @ Jul 30 2015, 12:07 PM) *
o que a RGT vem fazendo é claro o amplo favorecimento para "espanholizar" o futebol BR favorecendo gambás e urubus. Eu não estou tão otimista quanto o PN no que se diz respeito que a TV tenta encontrar a forma mais justa. Ainda pesa os interesses econômicos da emissora.

QUOTE(Gerson SEP @ Jul 30 2015, 12:12 PM) *
Acho que ele não quis sair feio na foto. 70 milhões a menos é muita diferença.

Óbvio que ele não pode comprar briga. Não hoje.


QUOTE(lotozzi @ Jul 30 2015, 12:19 PM) *
Não acredito em "espanholização". Eis os motivos:

- O Brasil é muito, mas muito maior que a Espanha. Há clubes importantes em quase todos os centros (por importantes eu digo clubes com muitos títulos e relevância nacional). Não acho que vá ocorrer, mas caso a RGT intensifique o favorecimento a SCCP e CRF, é questão de tempo para os demais clubes se unirem e buscarem alternativas em conjunto - não haveria muito que a RGT pudesse fazer;
- O futebol brasileiro é mais distribuído nacionalmente que o espanhol: acho impossível que um torcedor gaúcho, por exemplo, se interesse em torcer pelo CRF, por mais que este possa estar em destaque e os clubes gaúchos na draga;
- Há muitos times com excelente estrutura para que toda a grana se concentre em dois, sendo que um desses dois mal tem patrimônio.

O que eu acredito que seja o desejo da emissora, visando exclusivamente audiência, é uma "gauchização" (desculpem o termo horroroso), ou mesmo uma "espanholização" regional, isto é, que cada Estado ou região tenha dois clubes que se destaquem muito mais que os outros. Isto já ocorre em MG, RS, BA, CE etc. mas em SP, RJ, PE não. É aí que podemos nos lascar, porque se isso ocorrer, ficaria entre nós e SPFC a briga pelo "segundo lugar" (já estou descartando o Santos). Além disso, nessa possibilidade, dificilmente haveria uma união forte de clubes contrários, pois a maioria dos grandes clubes estaria se beneficiando com isso (inclusive nós, talvez).

De qualquer forma, ambas as opções são catastróficas para o futebol brasileiro, se pensarmos nele como um todo. O Palmeiras deveria se opor a isso de todas as formas, mesmo que, individualmente, possa se beneficiar.

Discordo. A atuação da RGT é fortemente no sentido de fortalecer os queridinhos, mesmo que isto provoque perda de audiência.
E sim, dá para um gaucho torcer pra um time do Rio se durante 10 anos você só passar jogos do Rio no RS...
é o que acontece com ES, onde 90% aqui torce pros times do RJ e 99% torce pra times de fora.
Acontecia no norte do PR e Sul de MG, com torcedores do Palmeiras.
Acontece no NE e N, com torcedores dos times do Rio.
Não existe futebol em ES, MT, MS, CE, AL, AM, AC, RR, RO, MA. Dá sei lá, mais de 40 milhões de pessoas.
Só existe futebol em RS, SC (Agora, pq antes era uma bosta), PR, SP, RJ, MG, BA e PE.
Ainda sim os estaduais são sofríveis, com estádios capengas.

Só não vai ocorrer a espanholização do futebol Brasileiro porque ainda gente disposta a investir, há clubes como Palmeiras, Inter, Gremio, Cruzeiro e Atlético, que conseguem sobreviver com menos recursos...
QUOTE(PACO @ Jul 30 2015, 12:28 PM) *
Acho que eles já estão percebendo isto. nesta semana no programa Seleção STV comandado pelo sósia do DIDI, Marcelo Barreto, os comentaristas da casa criticaram esta diferença grande entre os clubes e defenderam o modelo inglês. Como naquela casa os funcionários só podem falar o que a direção manda, acredito que o comando da RGT já percebeu que privilegiar apenas dois clubes não esta sendo vantajoso para eles comercialmente.

Sim, é muita burrice, todos devem ser expostos para tornar o campeonato interessante.
Go to the top of the page
 
+Quote Post
ricardo_sep
post Jul 30 2015, 02:21 PM
Post #20


Categoria Master
******

Grupo: Debate PTD
Posts: 6,592
Registrado: 3-October 14
Membro N°: 432,039



Mais uma vez, parabenizo o Nobre por defender nossos interesses da maneira correta.

É o certo a se fazer, mas infelizmente, não vejo os clubes se unindo para discutir isso a sério, ao menos não hoje. Muitos têm o rabo preso com a Rede Esgoto.


--------------------


Go to the top of the page
 
+Quote Post

2 Páginas V   1 2 >
Reply to this topicStart new topic
1 usuário(s) está(ão) lendo este tópico (1 visitantes e 0 usuários anônimos)
0 membros:

 

Modos de Exibição: Padrão · Mudar para: Linear+ · Mudar para: Outline


 
Versão Simples Horário: 23rd June 2017 - 12:13 AM
Fórum Palmeiras Todo Dia - Design by: IPB Skin & Free Proxy