IPB

Bem-vindo, visitante ( Entrar | Registrar )

Perfil
Foto do membro
Avaliação
 
Opções
Opções
Quem sou eu
Trying be a simple kind of man.
Informações pessoais
Silva
Família, Liberdade, e Paz
Idade não informada
Masculino
Liberland
Nascimento não informado
Interesses
Sem informação
Estatísticas
Cadastrado em: 19-December 12
Visualizações: 9,495*
Última atividade: Privado
Horário local: Feb 22 2017, 12:18 PM
6,104 posts (4 posts por dia)
Contatos
AIM Sem informação
Yahoo Sem informação
ICQ Sem informação
MSN Sem informação
Contact Privado
* As visualizações do perfil são atualizadas de hora em hora

Silva

Debate PTD

******


Tópicos
Posts
Comentários
Amigos
Meu Conteúdo
11 Jan 2017
Felipe Melo cria seu “próprio Facebook” para alavancar carreira na volta ao Brasil

O jogador quer reunir fãs em uma plataforma na qual tenha autonomia para coletar dados, se comunicar e vender publicidade. Mas vai depender do sucesso dentro de campo pelo Palmeiras e do empenho midiático fora dele



Felipe Melo aposta em um “Facebook próprio”, a Área Felipe Melo, para faturar na volta ao Brasil após mais de uma década em clubes estrangeiros. O atleta assinou com o Palmeiras. O plano é agrupar os fãs conquistados ao longo da carreira em um lugar só, estreitar o relacionamento com eles e usar a plataforma para gerar acordos publicitários. Ninguém arriscou essa jogada até agora.

O Facebook do jogador funciona como o Facebook de Mark Zuckerberg: o torcedor se cadastra, tem um perfil próprio e pode curtir, compartilhar ou comentar. A diferença é que ele vê, sobretudo, os conteúdos publicados por Felipe Melo e pode interagir com ele. O atleta tem o amparo de profissionais como Michel Cardoso, responsável por administrar o conteúdo e gerar negócios.

A ferramenta está no ar há uma semana e teve cerca de 4 mil visitantes. O Brasil lidera em país de origem dos usuários, seguido pela Turquia, onde o brasileiro jogou. A expectativa da Maciv, a empresa espanhola que cuida da parte técnica, é que Felipe consiga “migrar” boa parte dos seguidores que ele possui em outras redes sociais – 1,9 milhão no Twitter, 1,7 milhão no Facebook – para a dele.

A jogada, se der certo, faz sentido. Caso consiga um número razoável de fãs, Felipe terá os dados deles e poderá interagir com mais precisão – ele pode comparecer a um evento quando o Palmeiras jogar no Recife, em Pernambuco, e convidar apenas os fãs que residem na região. Vai poder ganhar um dinheiro com publicidade que hoje está na mão do Facebook. O fato de ser dono da plataforma dá autonomia em negociações ao atleta. O retorno vai depender do desempenho de Felipe Melo dentro de campo com a camisa do Palmeiras e da postura, necessariamente midiática, fora dele.

Fonte: Época

Link do site do Felipe Melo: http://areafelipemelo.com/

30 Nov 2016
Estou profundamente emocionado com a atitude do povo colombiano, nunca vi nada igual.

Vídeo da homenagem na íntegra:



28 Nov 2016
Como era o mundo da última vez que o Palmeiras foi Campeão Brasileiro

novembro 28, 2016 por siamopalestra



Nos últimos dias, muita gente andou publicando uma matéria sobre como era o mundo quando vencemos o último Brasileirão. Mas, sincera e honestamente, nem precisava dessa balbúrdia toda: a gente se lembra muito bem.

Porque o mundo daquele 18 de dezembro de 1994 era incrível! Naquele domingo a tarde, nos sagramos bicampeões brasileiros em cima do nosso maior rival, em um Pacaembu lotado. Bastou um gol esquisito do Rivaldo e um empate simples, já que havíamos metido 3 a 1 no primeiro jogo e estávamos bem confortáveis.

Na verdade verdadeira, ali nós éramos bicampeões brasileiros, bicampeões paulista e campeões do Rio-São Paulo. E pra título de curiosidade, dos cinco títulos na sequência, três tiveram o mesmo vice-campeão…

Se querem saber como o mundo se comportou dali em diante, ele só melhorou. Ficou mágico com o time dos 102 gols em 1996, ganhou ares de suor e lágrimas com a Copa do Brasil e a Copa Mercosul de 1998, ficou insuportavelmente verde com a Libertadores 99 e, mesmo quando não levantamos o caneco, fizemos a festa eliminando o mesmo de sempre em 2000 – ano em que, já ia me esquecendo, levantamos o Rio-São Paulo novamente.

A coisa só degringolou em 2002. Ali, de fato, o verde ficou opaco e tristeza amadureceu. Foram anos pesados para qualquer palmeirense de corpo e alma que, a cada nova pancada, sentia na pele e chorava de espírito (de porco). Exceto pelo Paulista/08 e a Copa do Brasil/12, tudo o que vimos foi uma enxurrada de fracassos passando por baixo dos Jardins Suspensos da Água Branca.

Até que, em dezembro do ano passado, as coisas mudaram. Não pelo título da Copa do Brasil, que três anos atrás havia nos iludido, mas porque tudo mudou. Estádio novo, jogadores novos, espírito e orgulho renovados.

Quando Fernando Prass encheu o pé naquela penalidade, encheu também o peito de 16 milhões de palestrinos de esperança (que, vocês bem sabem, é verde). O que aconteceu ontem foi só a concretização de algo que já sabíamos: que, em 2016, o Brasil voltou a ser verde e branco. Haja cheiro verde pra temperar essa festa que vai durar muito tempo ainda!

E para quem queria saber como era o mundo em 1994, basta olhar em volta e ver como ele está agora. 22 anos se passaram, mas o maior campeão continua o mesmo – bem como nosso maior freguês. Vai, Palmeiras!


fonte: https://siamopalestra.wordpress.com/2016/11...eao-brasileiro/
28 Nov 2016









Comemorem seus Enea!!! E se divirtam, mas zoe muito, mas muito aquele seu vizinho, parente, colega de trabalho, de faculdade chatos... laugh.gif laugh.gif laugh.gif
Últimos visitantes


11 Feb 2017 - 23:55


11 Feb 2017 - 18:56


11 Feb 2017 - 17:55


2 Feb 2017 - 17:23


31 Jan 2017 - 10:26

Comentários
Outros usuários não deixaram comentários para Silva.

Amigos
Não há amigos para mostrar.
 
Versão Simples Horário: 22nd February 2017 - 12:18 PM
Fórum Palmeiras Todo Dia - Design by: IPB Skin & Free Proxy