IPB

Bem-vindo, visitante ( Entrar | Registrar )

Perfil
Foto do membro
Avaliação
 
Opções
Opções
Quem sou eu
Fábio não escreveu sobre ele(a).
Informações pessoais
Fábio
Categoria Estrela
47 anos
Masculino
Jundiaí SP
Nascido em: Jun-3-1969
Interesses
Sem informação
Estatísticas
Cadastrado em: 17-January 08
Visualizações: 3,619*
Última atividade: Ontem, 05:45 PM
Horário local: Mar 25 2017, 04:54 PM
2,205 posts (1 posts por dia)
Contatos
AIM Sem informação
Yahoo Sem informação
ICQ Sem informação
MSN Sem informação
* As visualizações do perfil são atualizadas de hora em hora

Fábio

Membros

*****


Tópicos
Posts
Comentários
Amigos
Meu Conteúdo
8 Nov 2016
Deu no site do lanche. Mídia marrom e a corja de sempre querendo nos prejudicar.

Vejam matéria e link. http://www.lance.com.br/palmeiras/sindicat...rem-contra.html

Marçal Mendes, presidente do Sintrace-RJ (Sindicato dos Trabalhadores da Arbitragem Esportiva do Estado do Rio de Janeiro) diz que há pressão para que os árbitros não errem em jogos do Palmeiras. De acordo com o relato, esta recomendação veio do presidente da CBF, Marco Polo Del Nero. O dirigente é também conselheiro do Verdão, líder do Brasileiro.

- Se o árbitro erra contra o Palmeiras, lá dentro (do Allianz Parque), fica fora da escala. Duvido que seja indicado para uma vaga da Fifa (...) Todo mundo sabe o motivo. Sabe que Marco Polo é sócio benemérito do Palmeiras - disse Mendes, ao "portal Uol".

Na campanha do Brasileiro, o Palmeiras teve apenas três jogos com árbitros cariocas: Bruno Arleu de Araújo e Vagner do Nascimento Magalhães. O primeiro trabalhou na estreia do Brasileiro (4 a 0 sobre o Atlético-PR) e quase errou contra o Verdão (veja mais abaixo). Wagner do Nascimento Magalhães apitou na derrota para o Atlético-MG e na vitória sobre o América-MG, em Londrina. Nestes jogos, o árbitro não foi questionado.

A arbitragem tem sido tema recorrente nesta edição do Brasileiro. O Verdão quando se sente prejudicado costuma mandar documentos e vídeos à CBF, mas no último mês convocou uma entrevista para questionar a pressão do Flamengo. O time rubro-negro, por sua vez, também alega que o Palmeiras tem sido beneficiado nesta reta final.

Os lances polêmicos contra e a favor do Palmeiras e os árbitros envolvidos:

Palmeiras 4 x 0 Atlético-PR - "Quase expulsão" de Barrios
O árbitro Bruno Arleu de Araújo mostrou o cartão vermelho a Lucas Barrios, que já tinha amarelo, alegando que ele simulou uma falta em lance com Paulo André. Alertado pelo assistente, voltou atrás e confirmou corretamente a infração a favor do Palmeiras. O juiz voltou a trabalhar na Série A apenas depois de 12 rodadas.



Ponte Preta 2 x 1 Palmeiras - Gol mal anulado de Jesus e expulsão de Cuca
Após cruzamento da esquerda, Gabriel Jesus mata no peito e toca por cima do goleiro. O atacante estava adiantado desde o início da jogada, mas recebeu a bola após um desvio de cabeça de um defensor da Ponte Preta, o que o coloca em condição de jogo. A arbitragem marcou impedimento. No mesmo jogo, Leandro Vuaden expulsou o técnico Cuca por reclamação, mas o técnico tinha razão no lance: Tchê Tchê não cometeu a falta assinalada pelo juiz. Vuaden ficou só duas rodadas sem ser escalado.

São Paulo 1 x 0 Palmeiras - Suposta falta em Dudu
Alguns palmeirenses reclamam que Wesley teria cometido falta em Dudu ao desarmá-lo na jogada que terminou em gol de Paulo Henrique Ganso. O próprio Dudu, porém, deixou o gramado dizendo que não tinha nenhuma reclamação a fazer sobre o árbitro Ricardo Marques Ribeiro. O juiz ficou apenas uma rodada sem trabalhar na Série A.

Palmeiras 4 x 3 Grêmio - Gol impedido do Grêmio
Bressan estava impedido no lance do primeiro gol do Grêmio. Depois da partida, o técnico Cuca disse que absolvia o auxiliar Rodrigo Henrique Correa, responsável por deixar o lance seguir. Neste caso houve gancho: ficou oito rodadas sem ser escalado para partidas na Primeira Divisão.

Palmeiras 2 x 1 Flamengo - Pênalti não marcado para o Verdão
O árbitro Dewson Freitas acertou ao marcar pênalti e expulsar César Martins, que evitou um gol de Gabriel Jesus com a mão. Antes disso, porém, deixou de marcar um pênalti de Léo Duarte, que também usou a mão dentro da área. Foram três rodadas sem trabalhar para o juiz que já apitou em outros três jogos do Palmeiras depois disto.

Coritiba 2 x 2 Palmeiras - Gol impedido do Coritiba
O árbitro Anderson Daronco e seu auxiliar erraram ao validar o gol de Leandro, nos acréscimos, impedido. O lance tirou a vitória do Verdão no Couto Pereira. Neste caso, o juiz continuou trabalhando e cinco rodadas depois foi quem apitou a vitória do Verdão sobre o Sport.

Palmeiras 3 x 1 Santa Cruz - Gol impedido de Grafite
O gol de honra do Santa Cruz no Allianz Parque foi marcado de forma irregular pelo atacante, que estava impedido.​ Neste caso, o árbitro Eduardo Tomaz de Aquino Valadão seguiu trabalhando normalmente.



Inter 0 x 1 Palmeiras - Suposto pênalti de Zé Roberto em Ariel
Na primeira vitória do Verdão no Beira-Rio desde 1997, os colorados reclamaram de um pênalti de Zé Roberto não marcado em Ariel. Andre Luiz de Freitas Castro continuou trabalhando também.



Chapecoense 1 x 1 Palmeiras - Gol impedido de Kempes
Kempes, autor do gol da Chape, estava impedido no lance em que Vagner cometeu a falha que o tirou do time. Depois deste jogo, o árbitro Wilton Pereira Sampaio apitou uma partida da Copa do Brasil, mas no Brasileiro ficou um mês sem ser escalado.

Palmeiras 2 x 1 São Paulo - Gol de Mina impedido
Neste caso, o gol da vitória do Verdão foi marcado de forma irregular pelo zagueiro colombiano. Sandro Meira Ricci voltou a arbitrar cinco rodadas depois, em São Paulo 0 x 0 Flamengo. Após duas semanas, trabalhou no confuso e polêmico Fla-Flu.



Corinthians 0 x 2 Palmeiras - Gol de Mina impedido
Mesmo caso do Choque-Rei: o camisa 26 estava em posição irregular no segundo gol da vitória alviverde. Heber Roberto Lopes desde então trabalhou em apenas mais um jogo: o empate entre Ponte Preta e Atlético-MG pela Copa do Brasil.



Figueirense 1 x 2 Palmeiras - Pênalti discutível em Gabriel Jesus, além de pênaltis não marcados em Rafael Silva e Dudu
A partida revoltou os donos da casa por considerar que a maioria dos lances decisivos foram apitados em favor do líder. Desde então, o árbitro Igor Junio Benevenuto não foi mais escalado.​

Palmeiras 2 x 1 Sport - Pênalti de Mina não marcado no lance do primeiro gol
Na jogada em que o Sport reclama de um toque na mão do zagueiro, o Verdão abriu o placar da vitória por 2 a 1, com Dudu. Ricardo Marques Ribeiro não trabalhou desde então na Série A. Está escalado para apitar nesta terça Londrina x Atlético-GO, pela Série B.

14 Oct 2016
O site do GE da RGT traz um simulador bem fácil para avaliar os 3 times que estão com mais chances de título.
Para quem quer fazer contas segue o link.
http://app.globoesporte.globo.com/futebol/...eao-brasileiro/

Fiz uma projeção acreditando no título do Palmeiras e por essa simulação o título vem na penúltima rodada contra a Chapecoense e no final

Palmeiras 76 (tentei ser o mais realista com o Palmeiras)
vence: Figueirense, Sport, Inter, Botafogo e Chapecoense.
perde: Santos, Atlético MG e Vitória.

Atlético 75 (fui muito otimista com o Galo)
vence: Figueirense, Flamengo, Palmeiras, Santa Cruz, S.Paulo e Chapecoense
perde: Coxa

Flamengo 74 (tentei ser realista com a Mulambada)
vence - Corinthians, Botafogo, América, Coxa,
empate - Santos
perde - Atlético PR.
18 Aug 2016

O fim da Academia com Ademir, para quem não vivenciou segue esta matéria da ESPN.

do site espn
link http://espn.uol.com.br/noticia/623451_ha-4...rde-no-palestra

Há exatos 40 anos, o antigo Palestra Itália vivia uma noite histórica. Em 18 de agosto de 1976, na conquista derradeira de Ademir da Guia, o Palmeiras ganhou o Campeonato Paulista ao bater o XV de Piracicaba com o recorde de público do estádio. Após um longo jejum, o clube voltaria a comemorar um título apenas em 1993.

A chance de ganhar o título estadual na penúltima rodada diante da equipe do interior atraiu os milhares de palmeirenses ao estádio. De acordo com pessoas que foram ao jogo, havia mais de 40.283 no Palestra Itália naquela noite de quarta-feira, mas o número acabou oficializado nos registros históricos.

O recorde de público do estádio palmeirense pode ser batido ainda em 2016, já que os clássicos com torcida única permitem a entrada de mais público em função da inexistência de separações nas arquibancadas. Na arena, o recorde foi alcançado no último jogo contra o Santos, pelo Campeonato Brasileiro, assistido por 40.035 pessoas.

Há exatos 40 anos, os palmeirenses vibraram por um título histórico. Com alguns remanescentes da Academia de Futebol, como como Edu Bala, Nei e Leão, além de Ademir da Guia, o time ainda contou com jovens inspirados, a exemplo do volante Pires, formado nas categorias de base.


"Antes da volta olímpica, um espetáculo pirotécnico. Os fogos espocavam junto aos trampolins do conjunto de piscinas", relatou o jornal A Gazeta Esportiva, em 19 de agosto de 1976. "Os torcedores não abandonavam o estádio. Depois de muito tempo é que alguns começaram a caminhar para o Palácio das Festas para uma chopada", noticiou.

Então com 34 anos de idade, Ademir da Guia manteve o alto nível em seu 11º título no Palmeiras. Pelo time alviverde, ele ganhou cinco edições do Campeonato Paulista (1963, 1966, 1972, 1974 e 1976), uma do Rio-São Paulo (1965) e duas do Brasileiro (1972 e 1973), além de uma Taça Brasil (1967) e dois Robertões (1967 e 1969).

"Esse campeonato foi diferente. Esse e o de 1963. Em 1963, porque foi o primeiro título aqui. E agora, por causa das dificuldades que surgiram. Pouca gente acreditava em nosso time e por isso foi diferente. Quando o juiz apitou o fim do jogo, não chorei, mas fiquei muito satisfeito. Muito mesmo", disse Ademir da Guia na época.

O título estadual de 1976 foi a última parceria de sucesso entre Ademir da Guia e Dudu. Após uma série de conquistas, o volante encerrou sua trajetória como jogador em janeiro e, em maio, assumiu como técnico no lugar de Dino Sani durante o Paulista. Com uma campanha de 12 vitórias e quatro empates, ele acabou como campeão.
9 Jun 2016
Segue a matéria no site da RGT. Parabéns ao Prass e ao Mauricio de Souza.

O goleiro Fernando Prass visitou o cartunista Maurício de Souza e a filha dele, Marina, na manhã desta quinta-feira. O idealizador da "Turma da Mônica" presenteou o ídolo alviverde com um desenho dele levantando a taça da Copa do Brasil ao lado do personagem Cebolinha, que é palmeirense nas histórias em quadrinhos.
– Hoje visitei o Maurício de Sousa e sua filha palmeirense de coração, Marina. Muito legal conhecer o estúdio onde a Turma da Mônica ganha vida – escreveu o goleiro, em seus perfis nas redes sociais.
Em um dos desenhos, Cebolinha, que sempre troca a letra "R" por "L", aparece com a camisa do Palmeiras e a inscrição: "Vai, Plass!"
A visita de Fernando Prass ao estúdio do cartunista se deu na gravação de uma matéria do STV, que irá ao ar na noite desta quinta-feira.

http://globoesporte.globo.com/futebol/time...-cebolinha.html
25 Apr 2016
Vi agora no ESPN penso que não vai dar em nada mas se fosse do lado do Palmeiras talvez a história seria diferente. Segue matéria abaixo e o link http://espn.uol.com.br/noticia/594338_gole...minar-palmeiras

Apesar dos dois gols de Gabriel, o goleiro Vanderlei acabou sendo o grande herói da classificação do Santos para a final do Campeonato Paulista, depois de pegar duas cobranças na decisão por pênaltis contra o Palmeiras, pela semifinal do Campeonato Paulista, no último domingo, na Vila Belmiro. Além do treino e do preparo natural, o arqueiro alvinegro ainda contou com uma ajudinha "extra".

Na súmula da partida, o árbitro Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza reportou que Vanderlei teve a ajuda de um "equipamento eletrônico de imagem", usado pelo preparador de goleiros santista, Sebastião Oliveira, para auxiliá-la antes das cobranças.

O método aparentemente funcionou, já que o goleiro acertou os cantos das cobranças de Lucas Barrios e Rafael Marques, agarrando o primeiro chute e espalmando o segundo. Depois, foi só contar com o chute de Fernando Prass na trave para comemorar a ida à semifinal.

No entanto, o tal "equipamento eletrônico" não foi bem aceito pela equipe de arbitragem, já que, também na súmula, Marcelo Aparecido informou que ordenou a retirada de Sebastião Martins do campo depois de perceber que o preparador não tinha autorização para estar lá.

"Informo ainda que ao final do segundo tempo de jogo e antes do início dos tiros do ponto penal, solicitamos a saída do Sr. Sebastião Martins Oliveira Júnior, preparador de goleiros da equipe do Santos FC, por estar dentro do campo de jogo e utilizando-se de um equipamento eletrônico de imagem, sendo que o mesmo não se encontrava relacionado entre os membros da comissão técnica da equipe do Santos FC", escreveu.

O próprio Vanderlei, por sua vez, garantiu que não "estudou" os lados das possíveis cobranças alviverdes, preferindo "deixar para o momento".

'Seria uma injustiça se o Santos saísse daqui com outro resultado que não fosse classificação'
"A gente trabalhou muito, sabia que podia acontecer. Nem procurei estudar, procurei deixar para a hora ali. Mais importante era não sair antes, esperar até o último momento para não facilitar para eles", declarou, logo após a partida.

O técnico Cuca, por sua vez, reclamou depois do jogo que o árbitro não permitiu a entrada do preparador de goleiros do Palmeiras no campo da Vila Belmiro, enquanto o profissional santista conseguiu ficar no gramado por alguns minutos conversando e mostrando vídeos a Vanderlei antes de ser retirado pelo juiz.



622 63b91099 9167 30ee 8729 4f0d6198dcf8
Amplitude e paciência: DataESPN analisa armas do Santos para bater o Palmeiras
Na final do Paulistão, o Santos encara o Audax, que eliminou o Corinthians.

As duas partidas estão marcadas para os próximos domingos (1º e 8 de maio)
Últimos visitantes


25 Dec 2016 - 16:45


22 Aug 2016 - 22:09


1 Jun 2014 - 17:17
Visitante


16 Jan 2014 - 10:03


10 Jan 2014 - 12:14

Comentários
Outros usuários não deixaram comentários para Fábio.

Amigos
Não há amigos para mostrar.
 
Versão Simples Horário: 25th March 2017 - 04:54 PM
Fórum Palmeiras Todo Dia - Design by: IPB Skin & Free Proxy