IPB

Bem-vindo, visitante ( Entrar | Registrar )

Perfil
Foto do membro
Avaliação
 
Opções
Opções
Quem sou eu
sander.manzoli não escreveu sobre ele(a).
Informações pessoais
sander.manzoli
Categoria Craque
Idade não informada
Sexo não informado
Localização não informada
Nascimento não informado
Interesses
Sem informação
Estatísticas
Cadastrado em: 30-December 14
Visualizações: 1,998*
Última atividade: Ontem, 03:53 PM
Horário local: Aug 23 2017, 06:59 AM
706 posts (1 posts por dia)
Contatos
AIM Sem informação
Yahoo Sem informação
ICQ Sem informação
MSN Sem informação
Contact Privado
* As visualizações do perfil são atualizadas de hora em hora

sander.manzoli

Membros

****


Tópicos
Posts
Comentários
Amigos
Meu Conteúdo
20 Mar 2017
O período do fogo alto passou, e Eduardo Baptista saiu imune às labaredas. Mais do que isso: o técnico palmeirense hoje está blindado a qualquer maçarico disposto a disparar rajadas de amendoins diretamente da arquibancada ou das entranhas do Allianz Parque. Os resultados e o desempenho dos últimos (e fundamentais) quatro jogos – os primeiros da Libertadores e mais dois clássicos – serve como escudo para as granadas de paçoca que já começavam a ser empunhadas pela sempre irascível artilharia palmeirense.

Com a vitória na Vila Belmiro, que quebrou jejum de seis anos, o Palmeiras assumiu a liderança geral do campeonato paulista, coroando uma sequência cavernosa de desafios. Na contenda estadual, são sete vitórias e apenas duas derrotas – a última vez que perdeu, no clássico contra o Corinthians, já faz um mês; a outra, ainda na segunda rodada, quando as melancias se ajeitavam, contra o Ituano. O time, portanto, não tem relação íntima com as derrotas, o que é a característica primordial de quem pretende ser campeão – e se manter campeão.

Nesses quatro desafios de grosso calibre, o Palmeiras mostrou várias facetas. Um jogo de superação, em grande parte com um jogador a menos, diante do Tucumán. Incontestável goleada com autoridade e direito a chocolate 80% cacau diante de um São Paulo domesticado à força. E duas vitórias conquistadas com a corda esticada até o fim, em cenários distintos e contra adversários de tamanho opostos: Jorge Wilstermann e Santos.

Ontem, no monumental clássico disputado na Vila Belmiro, um aspecto chamou a atenção, tanto quanto as substituições de Eduardo Baptista, as participações yashinianas dos arqueiros ou as disparadas do indomável Roger Guedes: contra um adversário de respeito, em terreno sempre hostil aos visitantes, o Palmeiras não se contentou com o empate que havia conquistado quando faltavam poucos minutos para o fim. É dessa contundência e inconformidade, afinal de contas, que se alimentam os campeões.

Neste emblemático recorte de quatro jogos, o Palmeiras mostrou diferentes aspectos que se complementam e uma capacidade de adaptação às circunstâncias que permitem às verdejantes almas, eternamente aflitas, manterem o peito aberto para toda forma de felicidade. E, em todas as ocasiões, uma característica em específico saltou aos olhos: o Palmeiras quase sempre busca um futebol de imposição e velocidade, mas mantendo a bola na grama, que é seu HABITAT.

Aí reside o maior mérito e provavelmente também uma vitória pessoal de Eduardo Baptista. Contratado para comandar o atual campeão brasileiro, nos seus primeiros meses o técnico conviveu (e provavelmente ainda vai conviver) com uma atroz desconfiança da sempre ressabiada torcida palmeirense. O elenco do Palmeiras não permite margem para tropeços, e o temor é que haviam colocado o Chico Bento para dirigir o Batmóvel. A verdade é que, pelo menos até agora, Eduardo Baptista mostra que não apenas está à altura da empreitada, mas que talvez seja ele mesmo um reforço em relação ao time campeão de 2016.



http://globoesporte.globo.com/blogs/especi...s-campeoes.html
24 Nov 2016
Devem ter diagnosticado no máximo na terça, com imagens... nem sei se foi a mesma perna, se foi grave, qtos dias de recuperação... se se fala "é dúvida contra a Chape"... é dúvida ou não joga mais esse ano??
10 Nov 2016
Qdo o Palmeiras estava mal, o Avanti explodiu... passamos de 120 mil.... aí pararam com tudo, pararam as propagandas, fomos passados pelos gambás com 130mil, bambis grudaram com 110mil... este ano o Palmeiras foi um monstro, líder por 25 rodadas e nada de se ouvir do Avanti e NADA de novos sócios torcedores... deixaram apeteca cair... eramos pra estar com mais de 200mil com o que aconteceu esse ano... será que foi o embróglio das cadeiras com a WTORRE? Freiaram? precisa voltar, AVANTI!!!!!!!!!!!!! Se formos campeões precisa chamar os caras e chegaremos em 200 mil!!!!!!!! AVANTI!!!!!!!!!!!
1 Nov 2016
Hoje o Galo deixou vazar que querem mas não podem continuar com Pratto apesar do contrato ir até 2018, precisam se equilibrar financeiramente (saiu em vários cantos, basta googlar).
Imagine um dia milagroso, onde o Barrios estivesse no pico, em plena forma, na ponta dos cascos e jogando bem, sem se contundir há meses. Nesse dia milagroso, que nunca acontecerá, ele jogaria 75% do que joga o Pratto na média após uma feijuca com pé, rabo e orelha.
O Banana então nem falo nada pois é um terceiro reserva que acredito ser barato.

Vai pra cima do Pratto Mattos! Era seu sonho há 2 anos!!!!
Últimos visitantes


25 Jul 2017 - 13:09


23 Jul 2017 - 22:35


19 Jun 2017 - 13:49


25 May 2017 - 15:02


24 May 2017 - 1:57

Comentários
Outros usuários não deixaram comentários para sander.manzoli.

Amigos
Não há amigos para mostrar.
 
Versão Simples Horário: 23rd August 2017 - 06:59 AM
Fórum Palmeiras Todo Dia - Design by: IPB Skin & Free Proxy