IPB

Bem-vindo, visitante ( Entrar | Registrar )

Perfil
Foto do membro
Avaliação
 
Opções
Opções
Quem sou eu
Marcelo Daniel não escreveu sobre ele(a).
Informações pessoais
Marcelo Daniel
Categoria Estrela
30 anos
Masculino
Localização não informada
Nascido em: Jan-1-1987
Interesses
Sem informação
Estatísticas
Cadastrado em: 15-April 11
Visualizações: 13,751*
Última atividade: Ontem, 12:12 PM
Horário local: Jul 25 2017, 05:31 AM
4,785 posts (2 posts por dia)
Contatos
AIM Sem informação
Yahoo Sem informação
ICQ Sem informação
MSN Sem informação
Contact Privado
* As visualizações do perfil são atualizadas de hora em hora

Marcelo Daniel

Membros

*****


Tópicos
Posts
Comentários
Amigos
Meu Conteúdo
13 Jul 2017
A premissa é simples, proibe-se o torcedor adversario de ir ao estadio, tirando o lugar reservado para ele, para evitar briga dentro e fora das arquibancadas.

O problema é que os gênios que tomam tais atitudes não estudam o comportamento do torcedor.

Primeiro porque a maior parte, se nao quase a totalidade, dos casos de briga de torcida ocorrem fora do estadio. Ou seja, nao deixar o cara virar a catraca não impede o sujeito de brigar na rua. Vide a morte de um torcedor a poucos kilometros do Allianz.

Segundo que o torcedor não mede esforços para estar junto do seu time, é capaz de comprar ingresso no meio da torcida adversaria correndo um risco eminente de ser descoberto e pagar um preço elevado pelo despeite de "invadir" o terreno alheio. Alias é isso que a proibição cria, um clima bélico onde qualquer torcedor adversario é visto como um invasor. Ontem tivemos inumeras confusões em diversos setores do allianz. No gol sul, onde estava vi pelo menos 3, sendo a mais grave ao final da partida quando descobriram um corinthiano e cercaram o cara, começaram a agredir e alguns tentando separar, até que chegou a policia distribuindo borrachada, gerando uma correria nos corredores de acesso.

Frequento estadio desde 1994, mais frequente a partir dos anos 00, ja fui em inumeros classicos no morumbi, pacaembu e palestra e afirmo com segurança que hoje em dia a violencia esta muito mais perto de todos do que antes. Os focos de confusao se espalharam pelo estadio, antes pelo menos sabiamos da onde poderia vir o problema.
3 Jul 2017
Fala rapaziada, no intervalo do jogo contra os marias fiz a promessa que se o time empatasse iria para BH. Pois, agora estou com passagem comprada e algumas dúvidas em relação à logística.

Meu voo chega às 19:40 em confins. Quanto tempo leva de táxi essa hora para chegar no mineirao?

Vou tentar arrumar ingresso antes, se não conseguir como é a venda aí? Uma zona igual o independencia? A entrada é minimamente organizada ou uma zona? Pois vou chegar meio em cima da hora.

Na volta é fácil pegar taxi ou uber?

Obrigado pela ajuda
27 Jun 2017
Uma das tarefas mais dificeis é reconhecermos nossos erros, assumi-los e tentarmos mudar. Muitas vezes paramos no primeiro degrau, sequer reconhecemos que erramos, vemos tudo com naturalidade, através de uma visão cheia de vieses ocultos que não nos damos conta.

Sendo assim é mais facil identificar certos erros de comportamento nos outros e, a partir dai, refletirmos se não temos a mesma postura quando estamos frente a problemas comuns do dia-dia.

Essa semana vi reação de algumas torcidas que, pelo menos para mim, são completamente descabidas. Olhando a distância com extrema razão e sem paixão vemos claramento que o comportamento da torcida apenas atrapalha e enfraquece o clube, desvalorizando seus ativos, minando um trabalho que entrega aquilo que pode.

Primeiro foram os torcedores da chapecoense que, ao termino da partida contra o galo protestaram contra os jogadores e chegaram a perseguir seus carros. Isso num clube que há 6 meses teve uma partida cancelada contra o mesmo atletico pois não tinha quem colocar em campo, num clube que em meio ano se reconstruiu, foi campeao e só não esta nas oitavas do maior torneio continental por uma questão extra-campo.

Depois foi o valente Botafogo, clube que esta a beira da falencia e mesmo asim se mantem vivo nas 3 competições mais importantes do nosso calendario, que estava a uma vitória de ocupar a 3º colocação no campeonato nacional. Tudo isso conquistado basicamente graças a dois nomes, Jair Ventura e Camilo, que foram vaiados ao final do jogo de ontem.

Podemos citar aqui outros exemplos como os bambis, atletico mineiro, mesmo o santos.

Mas enfim, voltemos ao Palmeiras, analisando o comportamento dessas torcidas, será que não fazemos o mesmo aqui? Quase jogamos um jogador do nível do Prass na sarjeta por causa de 3 jogos, sendo que ele vem de 3 anos excelentes. Tche-tche, Jean, Vitor Hugo, jogadores que nos ajudaram a dar um titulo que estava engasgado há mais de 20 anos e por uma queda normal de rendimento viraram atletas dispensaveis. O próprio Cuca que assumiu o time há 2 meses e não teve uma semana para treinar teve seu trabalhado questionado após um começo instavel, como era de se esperar.

Enfim, acho que cabe uma reflexão individual sobre a nosso comportamento como torcedor. Será que nossas criticas são justas? são produtivas? Agregam em algo? Ou estamos, muitas vezes, apenas canalizando nossas frustações e expectativas não alcaçadas, sem nada a acrescentar e, muitas vezes, prejudicando o clube?
21 Jun 2017
Não sei se voces tem/usam twitter mas a conta do @allianzparque voltou a ser ativada e uma chuva de comentarios e pedidos pelos escudos na caixa de escada apareceram. Como resposta padrão o perfil oficial do allianz garante que esta emperrado devido a lei cidade limpa, mas ja estao em cotato com os orgaos competentes.

Balela.

Mas se isso esta fora do alcance da diretoria intervir, o Palmeiras poderia colocar um pouco da sua identidade no entorno ou mesmo dentro do estadio.

Na calçada ampla em frente a bilheteria da Matarazzo poderia fazer um hall da fama colocando estrelas lembrando nossos principais jogadores, os mais importantes poderiam deixar marca dos pés ou da mãos (casos de Marcos e Leão).

Do lado da turiassu pq não usar o bloqueio da PM como algo positivo, usando o espaço para realizar uma fanfest antes dos jogos? Usando nossos mascotes para interagir com o publico, colocando atrações musicais e alguns idolos para responderem pergunta dos torcedores? Tudo poderia começar 3h antes da partida e acabar 1 hora antes da bola rolar para atrair o publico mais cedo ao estadio sem criar tumulto na entrada.

A mancha ano passado começou uma campanha para pintar as casas do bairro de verde e branco, atitude muito legal. O palmeiras poderia muito bem colocar algumas bandeiras e simbolos do clube no entorno do estadio, reforçando nossa identidade.

Durante os jogos temos total controle do estadio, podendo colcoar simbolos, fotos e desenhos que fazem alusao a nossa historia nos corredores de acesso. Pq não tirar as taças das caixas empoeiradas e expo-las nos corredores, junto com outros itens que deveriam estar num museu?

Nos jogos noturnos poderiam colocar luzes verdes refletindo no inox perto das entradas.

Veja o que fizeram na inauguração do estadio:


18 May 2017
Gostaria antes de mais nada fazer uma retrospectiva dos fatos envolvendo nossa arena

Dia 19.11.14 voltamos para a nossa casa após um longo periodo de 4 anos

Ainda em 2014 o MP começou a voltar sua pontaria para a nossa torcida como mostra a materia a seguir

http://espn.uol.com.br/noticia/464932_mp-q...os-do-palmeiras

Não me surpreendeu o fato de nosso primeiro classico como mandante nossa torcida ser massacrada pela PM na porta de sua casa. O motivo? Uma confusao iniciada na rotatoria da avenida sumare envolvendo nao mais de 20 pessas. Vejam no que transformaram a entrada principal do estadio/clube

https://www.youtube.com/watch?v=DkQp5RIlYW8

Com os jogos sempre lotados e aglomeração de pessoas, obviamente os "expertos" começaram a se aproveitar

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016...nses-em-sp.html

Até que em outubro do ano passado, com a ajuda do nosso presidente, finalmente conseguiram dar o passo a frente

https://www.terra.com.br/esportes/lance/pol...064xwescg7.html

Assim, com quem não quer nada, o MP vai conseguindo aquilo que queria "acabar com a micareta" na frente do Allianz. A última cartada deles foi proibir os bares de fornecer garrafas de vidro aos torcedores, seria justo e seguro se a preocupação fosse somente com o bem estar do torcedor. Mas não, o que vemos antes dos jogos é ridiculo, policial andando em bandos entrando nos bares, filmando tudo, parece que vc esta dentro de um presidio. A sensação que passa é que querem arrumar motivo para ir fechando os bares e acabar com a venda de cerveja no entorno. Um questão de tempo eu diria.

Pior e mais triste é ver torcedor com ingresso para o jogo comprado nao podendo encontrar amigos antes dos jogo para confraternizar na região da rua palestra italia pois o ingresso não é do portão A. Ou seja o cerco não tem o intuito de acabar com o cambismo, ambulantes e ladrões. Ele quer acabar com a nossa confraternização, ou micareta como o MP prefere chamar.

Sei que o assunto é repetido e cansativo, mas nao podemos nos calar. Se não daqui a pouco vamos achar normal tudo isso, assim como nos acostumamos a ter um estadio sem bandeiras, sem bateria, sem poder entrar com uma faixa de boas vindas ao treinador, etc...

CHEGA!!

Olhem por nós, briguem por nós.
Últimos visitantes


13 Jul 2017 - 16:57


11 May 2017 - 20:55


2 Mar 2017 - 17:37


30 Jan 2017 - 8:58


14 Dec 2016 - 8:45

Comentários
Outros usuários não deixaram comentários para Marcelo Daniel.

Amigos
Não há amigos para mostrar.
 
Versão Simples Horário: 25th July 2017 - 03:31 AM
Fórum Palmeiras Todo Dia - Design by: IPB Skin & Free Proxy