Jump to content

Bitous

User
  • Content Count

    2,971
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Everything posted by Bitous

  1. Pra mim o que ele disse é bem mais profundo do que defender ou ser contra tecnico brasileiro ou estrangeiro. Ele reconheceu que o Jesus foi bem, relembrou outros técnicos estrangeiros que foram vitoriosos aqui, como o nosso Filpo Nuñez, que a imprensa não relembra, por sinal. Mas disse que os técnicos brasileiros tem sua história e seus méritos também, e a gente jogou todos na lata do lixo. Inclusive queimamos alguns bons técnicos jovens por avançar etapas com nossos modismos. Se eu fosse técnico brasileiro ia ficar incomodado também, aqui o cara faz meia dúzia de jogos ruins já é xingado, chamado de burro e demitido, sem falar que fica uns otários na tv que NAO ENTENDEM NADA e só te metem o pau e nunca reconhecem teus meritos...aí chega algum estrangeiro e todo mundo tem a maior boa vontade. É só ver a diferença que muitos aqui tratam o Felipão e o Gareca, por exemplo. Tudo que o Felipão ganhou no Brasil e o que fez na seleção de Portugal, ele deveria ser reverenciado, mas não, tirando uma parte da torcida do Palmeiras e do Grêmio, ele sempre foi mal tratado e esculhambado. Chegou em 2019, empilhou vitórias e ganhou o Brasileiro que parecia perdido...aí na primeira má fase o cara é chutado. E o Gareca, que eu gosto também, não fez porra nenhuma aqui e o pessoal tem um baita saudosismo de um futebol que nunca se provou. Você vê um cara vitorioso como o Abel, um cara super gente boa, sempre tratou todo mundo bem, todo mundo no futebol gosta do cara, passou por uma verdadeira tragédia na família e continuou trabalhando com dignidade...o que fizeram com esse cara no Flamengo foi nojento, o trabalho podia não ser excelente, mas fizeram uma #*&! campanha pra ele sair, qualquer coisa que ele falasse era criticado, quando acertava algo não era reconhecido, só viam os defeitos e o cara foi praticamente chutado de lá como se fosse um marginal. Eu acho natural essa atitude protecionista do Luxemburgo, os técnicos aqui foram jogados na lata do lixo, se esqueceu suas histórias e suas glórias. E aí enfiaram técnico jovem, e viram que o buraco é mais em baixo...enfiaram técnico estrangeiro, legal o Jesus destruiu, mérito dele, e os outros? Coudet chegou no Inter jogando na retranca pra passar da pré libertadores e não falaram um "a", agora está aí apanhando do Grêmio. É um ótimo técnico, mas se fosse brasileiro, já ia ter muita gente fazendo várias críticas e pedindo sua cabeça lá no Inter, mas como é estrangeiro a paciência é maior. E porque não é assim com os técnicos brasileiros? Porque o Luxemburgo tem que chegar no Palmeiras e revolucionar tudo em 6 meses e o Coudet pode ser retranqueiro quando convém e apanhar do maior rival que "o trabalho tem que ter prosseguimento"? Só pra não me chamarem de clubista...pega a maneira que o Carille saiu demitido dos gambás. O cara ganhou um Brasileiro absurdo em 2017, com as ressalvas da arbitragem, mas ganhou um Paulista na nossa casa depois de perder o primeiro jogo. Aí ele volta, os caras com um time horrível e o cara é o super culpado de não fazer o time jogar, sai com o carimbo de retranqueiro na testa, sendo que o cara tirou muito leite de pedra lá. Aí quando não tem um ano muito bom, vai pro lixo. Já estão fazendo a mesma coisa com o Thiago Nunes, é um bom técnico, mas é muito difícil revolucionar tudo em 6 meses, ainda mais com o time ridículo dos caras, mas se ele joga de modo pragmático pra tentar atingir os objetivos de curto prazo ele é criticado, mas o Coudet pode, não tem problema. Mesma coisa o Odair Hellman, BAITA trabalho no Inter, pegou os caras capengando na série B e fez um time super competitivo, chegando nas fases finais de vários torneios. Mas por causa de um ou outro jogo, pega a fama de retranqueiro, e jogou contra o Flamengo na Libertadores com D'Ale, Sobis e Guerrero no ataque, e o meio tradicional com Evanilson, Patrick e Lindoso, aí por não ter conseguido atacar tanto foi acusado de ser retranqueiro. Aí o ENGRAÇADO, chegou no Flu, fazendo um bom trabalho, deu um baita sufoco na final pro Flamengo e foi elogiado pela mesma imprensa por ter jogado com coragem e tudo mais. Tipo, são análises simplistas, toscas, por sorte o Odair está conseguindo se reerguer depois do que fizeram com ele, mas depois do que ele fez no Inter ele deveria ter sido muito elogiado, mas só chutaram o cara e colocaram a fama de retranqueiro na testa dele.
  2. A gente não pode cair na onda da imprensa. Ninguém que voltou da pandemia está jogando um grande futebol, nem o badalado Flamengo jogou bem, e lá eles só jogaram contra galinha morta. Nós não jogamos um grande futebol OFENSIVAMENTE, mas isso leva tempo pra ajustar. Nenhum treinador no Palmeiras nos últimos anos, tirando o Cuca em 2016, conseguiu montar um bom sistema ofensivo, isso leva tempo e não é fácil. Se não tivermos paciência, não vamos conseguir melhorar nunca. Eu era contra a vinda do Luxa, mas ele nos ajudou a ganhar uma final dos gambás, isso é enorme! Se essa cambada de jornalista não sabe o que é isso, problema deles, nós sabemos! Fiz todas as mandingas possíveis pra gente ganhar essa porra e ainda tivemos algo sobrenatural que foi um pênalti contra no último lance. Ou seja, não era fácil, o nosso rival é um time encardido que tira uns gols malucos do rabo e que se defende muito bem. Mas antes de criticar, lembrem que hoje temos praticamente um armador jogando de zagueiro, dois moleques da base voando no meio. Com tempo vamos ajustar o ataque e as coisas vão fluir, porque a ideia é ser um time ofensivo e dominante. Mas se nós mesmos ficarmos jogando contra vai ser difícil. Temos que cobrar mas com responsabilidade e inteligência, não pode toda hora querer acabar com um trabalho. Não caiam na onda desses FDPs que ficam chamando nosso time de "catado" desrespeitando todo o trabalho que os caras fazem dentro do clube, não vão na onda desses PNC da imprensa que em TODOS os títulos que conquistamos de 2015 pra cá os caras só nos criticaram e encontraram defeito. Pau no cu dessa imprensa maldita, somos nós por nós mesmo, se ficar comprando discurso desses caras, vamos ficar andando em círculos pra sempre. Nos cobramos entre nós de maneira inteligente, e vamos amar nossas conquistas. Não importa se era Paulistinha ou o que seja, ganhamos daquela raça maldita mesmo com um #*&! trauma nas costas e um trauma fudido no final do jogo. Ganhar isso é pra gente grande, então vamos valorizar o que fizemos e foda-se essa imprensa de merda, ontem foi meu limite com esses arrombados. Como dis uma das faixas de ontem...SIAMO NOI! E pau na bunda do restk
  3. Velho, é muito simples...é só não jogar. Lança uma nota hoje a noite dizendo que não vai ter mais final, independente se os gambás mudarem de posição e fizerem os testes. Esses caras ficam de joguinho, mexendo com coisa séria, SÓ PRA TUMULTUAR, manda a merda essa porra e foca no Brasileiro.
  4. Pois é...a verdade é que o Palmeiras tá cortando despesa. Vende quem aparece com proposta, quer pagar pouco por técnico, contratar pouco (provavelmente foram esses os motivos de não ter fechado com o Sampaoli), em algumas situações isso é bom como as contratações pontuais que foram bem feitas, em outras enfraquece muito o time. Em outros tempos o Palmeiras tentaria pelo menos segurar o Dudu, convence-lo a ficar, agora ele pediu pra ser negociado e o Palmeiras já tava fazendo vídeo de despedida, nem tentaram convencer o cara a ficar. Com o Gomez agora, já tinha um acordo prévio? Então tem que cumprir, era mais fácil não ter negociado antes nada em relação a câmbio, paga X reais e o jogador que se vire pra transformar isso em dólar. Nossa moeda é instável, qualquer pessoa consciente e preparada saberia que poderia acontecer algo e o dólar disparar, como daqui a pouco pode despencar, eu não acho certo fazer acordos assim, mas já que fez, tem que cumprir. Ah mas tem a pandemia, fecha o contrato com o cara e depois negocia uma redução por alguns meses, o jogador não vai fechar um contrato de 5 anos com valor reduzido por causa de uma pandemia que pode acabar até o fim do ano. Enfim, se perder o Gomez o nível do time vai cair demais. VH é muito gente boa, mas é fraco, não sabe levantar a cabeça e dar um passe mais vertical. Gosto do Luan, mas ele e o Felipe Melo acho que fica meio lento, além dos dois só jogarem do lado direito... Enfim, bem complicado isso...a diretoria quer cortar despesas e custos, mas tá fazendo isso a custo dos bons jogadores de potencial...as carniças continuam no elenco e sem previsão de saída.
  5. Não sei o que me preocupa mais, a gente já estar cogitando a troca do técnico ou um monte de gente pedindo o Cuca. Complicado demitir o Luca agora, ele nem deveria ter sido contratado, mas seria repetir o mesmo erro de todo ano demitir por causa de um Paulista. Mas caso ele fosse demitido, deveríamos fazer o que a diretoria do Flamengo está fazendo...rodar a Europa e buscar algum técnico que de fato seja bom, bem atualizado, com bons trabalhos recentes, analisar perfis e tudo mais. Caso não seja possível trazer alguém da Europa, conversar com alguns nomes da América Latina mesmo. Se nada disso der certo, deixaria o Wesley Carvalho até aparecer alguma oportunidade de contratar um bom técnico, que era o que a diretoria deveria ter feito depois de não ter fechado com o Sampaoli. O único nome no Brasil que eu vejo como potencial para bom técnico é o Ceni, mas ele já chegaria com uma rejeição enorme da torcida e o Galiote não teria culhão pra bancar. Mas se analisar o trabalho que o cara fez no Fortaleza é sensacional, não só pelas conquistas mas pelo time de fato jogar um ótimo futebol.
  6. Caramba, povo chato hein...o time dominou completamente o jogo, não sofreu nada contra o Guarani, poderia ter feito um gol logo de cara com 2 minutos de jogo...e quando abriu o placar, continuou em cima do adversário...e o pessoal continua malhando o técnico. Queriam o que? Ganhar de 6x0 dos caras? Pra mim o que era principal ele corrigiu, que era a movimentação do quarteto de ataque, eles se movimentaram bastante e a postura do time depois de abrir o placar, de não recuar e continuar em cima. Até uma linha mais alta da defesa eu vi em alguns momentos, que é algo que me incomoda, pois acho que eles recuam demais. Ajustes vão ser feitos, com o tempo ele vai percebendo se vai poder contar com Ramires, por enquanto ele está fazendo o certo que é dar continuidade pro cara, pra ver se ele começa a render, essa época da temporada é pra isso. E tem outra coisa, adoro o Patrick, mas ele claramente não aguenta ainda 90 minutos, nos dois jogos de titular que fez recentemente, um ele teve que ir pro ataque (já tinha feito as 3 alterações) e no outro teve que ser substituído, então vamos com calma...naturalmente ele vai ganhar a posição, é só continuar evoluindo.
  7. Hoje pra mim a culpa é mais dos jogadores do que do técnico. O jogo estava controlado, era matar a Ferroviária. Mas esse time não tem esse espírito de sangue nos olhos de acabar com a partida. Faz 1x0 e já se acomoda, Weverton já fica enrolando pra por a bola em jogo, os caras começam a ficar displicentes nas finalizações, e no geral o time perde intensidade, que é justo quando o time deveria crescer, porque o adversário sente o gol.
  8. Me dá uma raiva quando falam que o Dudu é o craque, que decide tudo...é óbvio que é ele quem decide, a porcaria do time só sabe tocar pra ele e esperar. Ele erra quase todas, aí quando acerta é exaltado, mas não enxergam quantas oportunidades perdemos por lances que ele erra, algumas até meio bizonha. Tem uma razão dele não ser convocado pra seleção, e não porque o Tite é gambá, é porque o Dudu erra demais.
  9. tá coçando o dedo aqui pra extravasar a raiva naquele tópico. Melhor os moderadores esperarem um tempo mesmo kkkkk
  10. Bitous

    Tigre-ARG x Palmeiras

    until

    É isso que não entendo...o cara fala uma coisa na entrevista, ai passa duas semanas ele faz o oposto. Ele foi muito categórico em dizer que o Dudu não era meia...aí escala o cara de titular ali, em um jogo de Libertadores em que não há aquele espaço no meio pro Dudu kkkkkk bizarro
  11. Acho interessante um empréstimo do Ângulo pro Cruzeiro, lá tem tão poucos jogadores que se ele for bem, vai conseguir ter uma boa sequência. Infelizmente no Palmeiras a concorrência na posição dele é muito alta. Acho que até jogadores como Esteves e o Alan vamos ter que considerar emprestar, vai ser melhor do que deixar eles apenas treinando e nunca tendo chance.
  12. Pra mim é óbvio que é orientação do Luxa, INFELIZMENTE. Seria uma grande decepção pra mim, mas é o que está indicando nesses dois clássicos. Contra o São Paulo ele admitiu que a estratégia era esperar mais o adversário e explorar os espaços. Ontem pelo que vi ele não admitiu isso (e também acho que não perguntaram) mas é bem nítido. Olha o início do jogo, a partida começa e o Palmeiras nem faz aquela tradicional pressão de início, já se coloca atrás da linha do meio de campo e espera o Santos, então é claro que isso foi orientação do técnico. E o pior é que é uma estratégia burra, contra o SP faz sentido até, mas contra o Santos não, já que é um time que não se lança tanto ao ataque, não ia dar muito espaço ao Palmeiras, essa postura só serviu pro Santos nos amassar no primeiro tempo. No segundo tempo ele colocou uma correria, e começou a dar certo, mas era bem nítido que era uma coisa muito desorganizada, tanto que o jogo nos últimos 15 minutos virou uma pelada. O jogo de ontem me desanimou bastante, não pela qualidade técnica, erro dos jogadores e tudo mais, mas sim pela postura da equipe. Nos venderam que o Palmeiras teria uma postura mais agressiva nos jogos, iria se impor mais e os dois clássicos até agora foram a gente jogando a la Scolari de novo, aguardando e tentando sair no contra ataque. Ai fico vendo os bambis jogar hoje, e simplesmente dominando, linha alta, os zagueiros lá em cima e fico ainda com mais raiva e me perguntando porque não podemos ter um futebol assim aqui no Palmeiras?
  13. Ele parece ser um bom jogador, cumpre bem a função, inteligente e bem físico. Mas o Independiente também está meio bagunçado, muita pressão da torcida...ofensivamente o time não criou praticamente nenhuma grande chance, e ele também não se destacou por ali, mas por exemplo, acho que ele não perdeu a bola nenhuma vez, pode não brilhar, mas faz a jogada certa, com bom passe e é difícil desarma-lo. É o tipo de cara que não vai te comprometer, joga direitinho. Como disseram aqui, nossos laterais são bons, as vezes me irrito com o Rocha, acho meio burro e peladeiro, mas é inegável que ele joga bem. Eu traria tanto o Munoz quanto o Bustos se tivesse uma sensação bem nítida de que o Maike não vai estar 100% nunca ou tivesse alguma oportunidade de venda tanto dele ou do Rocha. Caso tenha confiança na recuperação plena do Maike e nenhum tenha a projeção de receber alguma proposta, talvez eu mantivesse os nossos laterais, não vejo Munoz e Bustos muito melhor que os que já temos, o que é diferente da situação que vivíamos na lateral esquerda.
  14. Pelo que olhei, talvez o maior defeito do Bustos seja o cruzamento, e no Brasil as pessoas não aceitam muito bem um lateral que não cruze bem. Assisti o último jogo do Independiente no campeonato argentino, e de fato, as duas vezes que ele cruzou na área não foram bons cruzamentos.
  15. O que o Felipão desperdiçou de talento aqui ano passado não está escrito. A prova mais certa disso é em relação ao Zé Rafael que ele teimava em dizer que jogava na mesma posição do Dudu, e hoje está ai jogando muito em uma posição que o Felipão nunca sonharia escala-lo. Estou com medo até de um Carlos Eduardo vir um bom jogador lá no Athletico.
  16. Tenho a impressão de que o Scarpa já esteja meio certa sua venda no meio do ano, caso o Almería suba pra primeira divisão da Espanha, por isso ele vem sendo pouco utilizado. Mas quanto ao meia, acho que o Luxa está testando, deu uns jogos pro Lucas Lima e agora vai deixar o Veiga. Eu particularmente acho que o Veiga traz mais consistência ao time. Quanto ao Luiz Adriano, pra mim ele é muito bom, tem uma lucidez muito grande e ajuda demais o time a criar chances. Não acho que esteja perdendo oportunidades incríveis de gol assim. É uma posição que eu não mexeria. Em relação ao Patrick e ao G. Menino, acho eles excelentes, mas Bruno e Zé também estão jogando em alto nível, e são mais experientes, não precisa forçar o Gabriel e o Patrick a serem titulares agora, eles serão utilizados durante a temporada, e naturalmente vão brigar pela posição quando estiverem mais maduros.
  17. Pessoal fica falando de meia...esqueçam, essa posição não existe mais!!! Todo time sofre com ela, todo camisa 10 que ainda tem por aí é criticado por ser irregular. Isso não é aqui só, é em todo time brasileiro. Ainda temos essa cultura do 10 que vai ficar metendo bola pros atacantes, deixando eles na cara do gol. Pra mim ontem o Veiga foi bem na função que ele tem que ocupar, terceiro homem de meio, que dá sustentação para a equipe. Ficamos mais de 50% da nossa posse de bola no campo de ataque do Guarani no primeiro tempo (o que é difícil um time conseguir fazer) e isso se deve na minha opinião a nossa trinca de meio de campo, que todos jogam, sabem passar a bola, se apresentam, infiltram na área e ajudam a marcar. Tanto que ontem, quase não demos espaço naquela região na frente da zaga (só uma vez o Guarani conseguiu criar por ali, no segundo tempo). Reparem no gol do Dudu a movimentação do Raphael Veiga quando a bola chega no William, isso é um jogador inteligente que sabe ler as jogadas, infiltrou na área, abriu espaço pro William passar pro Dudu. Esse negócio de ficar pedindo um 10 estilo Valdivia (de quem eu sou fã, só pra esclarecer), que toda bola passe por ele, não existe mais, não tem mais espaço para jogadores assim, tem espaço para caras como o Luiz Adriano, que recuam ocasionalmente para fazer essa função, ou então Bruno Henrique e Veiga que avançam ocasionalmente para essa função. Futebol moderno é isso, foi isso que pediram, e é isso que fizemos contra o Guarani. Quando ao Luiz Adriano, só uma coisa. Reparem como quase sempre ele finaliza de primeira ou então só dá um toque antes de chutar. Isso só quem é bom consegue fazer, mas é bem mais difícil, normal ele perder algumas chances. Mas nas duas que ele chutou (um no primeiro tempo que o goleiro foi muito bem, e outra no segundo tempo de canhota), se fosse qualquer centro avante mais ou menos, não ia nem conseguir finalizar direito pro gol.
  18. Com os jogadores que temos atualmente seria: Weverton; Marcos Rocha, Felipe Melo, Gomez e Viña; Bruno Henrique, Zé Rafael e Raphael Veiga; Dudu, Luiz Adriano e Rony. Mas acho que precisamos de um lateral direito melhor que o M. Rocha
  19. Sei que o pessoal não vai gostar muito da comparação, mas por esse vídeo esse cara me lembrou um pouco o Fagner, mas sem a carnificina. Baixinho, mas duro, firme na defesa, baita pulmão, chega bem, com calma e bons passes. Eu acharia ótimo. Se for isso mesmo, a linha de zaga ali ficaria muito boa.
  20. O time das gambás é muito forte. As jogadoras deles parecem ser bem mais fortes que as nossas, e tecnicamente também, não a toa dominam o futebol feminino ai junto com a Ferroviária. Mas acho que dentro do possível as meninas foram bem, umas mais outras menos, vamos ver se conseguimos evoluir o time durante a competição. Pra quem não viu, o nosso golaço da Carla. Esse ângulo ainda não está muito bom, pela Band deu pra ver melhor ainda. Baita gol.
  21. Primeiro amistoso da equipe feminina, atropelo no Juventus. Se postarem os gols, colocarei aqui depois. Dia 9/2 tem clássico contra as gambás.
  22. Acho que não tem muito essa do Athletico querer aceitar nossa oferta. O Palmeiras já colocou na proposta o que o Athletico está pedindo, que são os tais dos 6 milhões de euros e provavelmente eles aceitaram. O que está pegando é essa treta do clube com o empresário do jogador, não tem como fechar o negócio enquanto isso não resolver. Se não tivesse isso, tenho certeza que já teríamos anunciado o Rony.
  23. Se o Palmeiras acha que o Rony é o "tiro certo" pro elenco, então pra mim está certo em NÃO retirar a proposta e continuar aguardando. Pelo que estou entendendo a confusão maior é entre Athletico e o jogador. Além disso sabemos que o Athletico é um clube difícil de negociar. Se fosse um diretor mais afoito já teria aumentado a proposta e oferecido mais dinheiro. Estamos sendo responsáveis, e acho isso um mérito, mas isso tem o ônus de fazer as negociações serem mais arrastadas. Se por um acaso os gambás conseguir um empréstimo e conseguir comprar o Rony vai ser problema deles (que com os juros do empréstimo ficará bem mais do que 6M), se preocupam demais com esse negócio de chapéu, baita babaquice. Vejo muito chilique, negociação com Athletico é dura e complicada mesmo, basta ver quanto tempo estão negociando o Bruno Guimarães também.
  24. Isso é meu medo, esses caras de uma temporada só. Passamos isso com o Borja agora. Tem que ser muito bem analisado Só discordo quanto ao esquema, aquele time dos gambás tinhas umas jogadas bem interessantes pela esquerda quando juntava o Arana e aquele Maicon. Mas era algo bem trabalhado, de movimentação que abria espaços ora pra um ora pra outro. Isso inclusive é algo que me preocupa, não é algo que a gente tenha. Até por isso acho que o Diogo Barbosa tenha dificuldades aqui, não tem muita jogada trabalhada pra ele. Só consegue sair alguma coisa quando o Dudu cai pela esquerda.
  25. Gerson se não me engano pelo menos foi titular na Fiorentina antes de ir pro flamengo. Não brilhava, mas ao menos jogava. Arana nem isso.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.