Paulo Adriano

Palmeiras não topa redução e segue sem acordo com a RGT para 2019

1.252 posts neste tópico

2 horas atrás, Palestrante Palmeiras disse:

 

Não é, não! Ele é de minha cidade natal ... Há alguns anos atrás tinha um programa na TV Local somente sobre o Palmeiras. Ele e o filho dele... salvo que ele tenha virado casaca nestes anos.., Inclusive a parentada dele é tudo descendente de italianos , e os três primos dele que são meus amigos de infância são palmeirenses também... e roxos

Legal saber, obrigado! Mas é um jornalista/narrador do tipo alguns usuários deste forum então, fala mais mal que bem da SEP. KKKKK 
Abs

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hoje, gosto das narrações da radio band de SP, principalmente do Ulisses Costa, que é Palmeirense. 

Apesar de ter alguns repórteres de campo gambás, pra mim ainda é a melhor rádio para acompanhar jogos.

Gosto dos comentários do Zaidan também, apesar de Santista, me parece bem neutro. Fabio Piperno também é bom comentarista, além de também ser Palmeirense.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Maresia disse:

Hoje, gosto das narrações da radio band de SP, principalmente do Ulisses Costa, que é Palmeirense. 

Apesar de ter alguns repórteres de campo gambás, pra mim ainda é a melhor rádio para acompanhar jogos.

Gosto dos comentários do Zaidan também, apesar de Santista, me parece bem neutro. Fabio Piperno também é bom comentarista, além de também ser Palmeirense.

 

O José Silvério saiu da Bandeirantes?  Para mim ainda é o melhor narrador de rádio. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falando em narrador de rádio , o que mais gostava era do Falecido Deva pascovich ( não sei se é assim que se escreve o sobrenome)

 

Ele fazia qualquer jogo parecer um final emocionante era foda demais.

Que Deus o tenha .

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
25 minutos atrás, Italiano1914 disse:

Falando em narrador de rádio , o que mais gostava era do Falecido Deva pascovich ( não sei se é assim que se escreve o sobrenome)

 

Ele fazia qualquer jogo parecer um final emocionante era foda demais.

Que Deus o tenha .

Voto com o ouvinte

Saudoso Deva Pascovich

Ira Verde curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 01/02/2019 em 20:21, MONTE VERDE disse:

O José Silvério saiu da Bandeirantes?  Para mim ainda é o melhor narrador de rádio. 

Não saiu, mas ele narra poucos jogos hoje. Com certeza é o mestre dos narradores, apesar de nos últimos anos já estar um pouco gaga e reclamão. É um mito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Maresia disse:

Não saiu, mas ele narra poucos jogos hoje. Com certeza é o mestre dos narradores, apesar de nos últimos anos já estar um pouco gaga e reclamão. É um mito.

         Concordo, mas o Osmar Santos foi o melhor de todos os tempos, um gênio.

Henrique Campanilli curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
9 horas atrás, Caiser Soze disse:

         Concordo, mas o Osmar Santos foi o melhor de todos os tempos, um gênio.

Opa, aí não vale. Osmar Santos não conta. Ele é incomparável, simplesmente um gênio mesmo. 

Henrique Campanilli curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vocês acreditam que a RGT pode retaliar o Palmeiras? De que modo?

Pensamos junto: o Palmeiras somente pode sentar e negociar, tendo o risco de não fechar o contrato, por ter contas bem estruturadas.

A situação tem pilares sólidos, como o forte patrocínio da Crefisa, material esportivo da Puma e a arrecadação de arquibancada. Nem falo das receitas do Allianz Parque como um todo, pois salvo engano a WTorres não está repassando como deveria.

Sabemos que o estádio do Palmeiras possui um custo de operação alto por partida. É o preço de ter a melhor arena de futebol do país.

Desde 2015, ainda com o Paulo Nobre, presidente que reestruturou as contas do público a torcida precisa pagar um valor acima dos demais clubes para assistir a uma partida de futebol. Isso afastou alguns torcedores, mas, principalmente, boa parte da TO. Sem ela vencemos três títulos nacionais.

Eis que surge uma forte tendência em criticar essa fonte de renda do Palmeiras. Na verdadeira, primeiro tentaram melar o bom relacionamento com a Crefisa. Pensaram que a Leila seria uma destrambelhada, que por ciumes da fraude Blackstar se afastaria. A resposta foi um contrato ainda maior do que o anterior. Agora sim, o estádio.

O que o Palmeiras deve fazer? Se igualar ao preço de outros times, que possuem estádios piores, quando tem estádio, com times mais baratos do que o nosso e que a tempos administram os clubes com o pires na mão ou se manter firme no propósito e buscar de todo modo fortalecer o programa Avanti que oferece descontos consideráveis aos frequentadores?

Pode parecer teoria da conspiração? Não é. Cuidado com o que a imprensa tradicional diz. Cuidado com os interesses escusos da TO que raramente grita o nome do clube no jogo e muitas vezes torce contra. 

Não devemos ser massa de manobra. Não facilitar para a RGT que quer a todo custo enfraquecer o Palmeiras. Recentemente existe uma força grande para o Palmeiras se desfazer de um ativo que custou milhões (sim, estou falando do Deyverson).

Cuidado pessoal para não serem papagaio de pirata.

O ingresso é caro? Depende do ponto de vista. Quanto custa o ingresso de um show musical na Arena? Quanto se paga na estrutura? Proporcionalmente, quanto se paga de salários para os jogadores do Palmeiras? A lábia do Mattos sem dinheiro não serve de nada. Não existe almoço grátis.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Exagerado disse:

Vocês acreditam que a RGT pode retaliar o Palmeiras? De que modo?

Pensamos junto: o Palmeiras somente pode sentar e negociar, tendo o risco de não fechar o contrato, por ter contas bem estruturadas.

A situação tem pilares sólidos, como o forte patrocínio da Crefisa, material esportivo da Puma e a arrecadação de arquibancada. Nem falo das receitas do Allianz Parque como um todo, pois salvo engano a WTorres não está repassando como deveria.

Sabemos que o estádio do Palmeiras possui um custo de operação alto por partida. É o preço de ter a melhor arena de futebol do país.

Desde 2015, ainda com o Paulo Nobre, presidente que reestruturou as contas do público a torcida precisa pagar um valor acima dos demais clubes para assistir a uma partida de futebol. Isso afastou alguns torcedores, mas, principalmente, boa parte da TO. Sem ela vencemos três títulos nacionais.

Eis que surge uma forte tendência em criticar essa fonte de renda do Palmeiras. Na verdadeira, primeiro tentaram melar o bom relacionamento com a Crefisa. Pensaram que a Leila seria uma destrambelhada, que por ciumes da fraude Blackstar se afastaria. A resposta foi um contrato ainda maior do que o anterior. Agora sim, o estádio.

O que o Palmeiras deve fazer? Se igualar ao preço de outros times, que possuem estádios piores, quando tem estádio, com times mais baratos do que o nosso e que a tempos administram os clubes com o pires na mão ou se manter firme no propósito e buscar de todo modo fortalecer o programa Avanti que oferece descontos consideráveis aos frequentadores?

Pode parecer teoria da conspiração? Não é. Cuidado com o que a imprensa tradicional diz. Cuidado com os interesses escusos da TO que raramente grita o nome do clube no jogo e muitas vezes torce contra. 

Não devemos ser massa de manobra. Não facilitar para a RGT que quer a todo custo enfraquecer o Palmeiras. Recentemente existe uma força grande para o Palmeiras se desfazer de um ativo que custou milhões (sim, estou falando do Deyverson).

Cuidado pessoal para não serem papagaio de pirata.

O ingresso é caro? Depende do ponto de vista. Quanto custa o ingresso de um show musical na Arena? Quanto se paga na estrutura? Proporcionalmente, quanto se paga de salários para os jogadores do Palmeiras? A lábia do Mattos sem dinheiro não serve de nada. Não existe almoço grátis.

É muita teoria de conspiração pra um posto só.

 

Primeiro que o custo de operação do Allianz é um dos mais baixos entre as novas arenas. Segundo que o Paulo Nobre, rompeu com a organizada, mas não afastou ela do estádio pelo preço. Fato é que o Gol Norte está lotado todo jogo. Terceiro que a torcida, e a organizada tem um papel enorme nisso, foi fundamental pro titulo de 2015, como já havia sido com aquele catado de 2012.

 

Falar em força grande pra se desfazer de um ativo, chega a beirar o ridículo. O Deyverson foi moleque, a atitude dele foi desleal e o Palmeiras não é lugar de moleque. 

Menos, amigo. Bem menos

codigo13 e herick1987 curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Assisti o Petraglia do Atlético Paranaense na Espn e ele disse que eles não tem nenhuma negociação com a RGT nesse momento. Infelizmente o apresentador cortou ele e não deixou ele aprofundar no assunto. Disse que de Première a RGT pagará 120 milhões para Flamengo e Corinthians e ofereceu apenas 6 para o Atlético.

A nossa batalha com a RGT não será nada fácil. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
8 horas atrás, Exagerado disse:

Vocês acreditam que a RGT pode retaliar o Palmeiras? De que modo?

Pensamos junto: o Palmeiras somente pode sentar e negociar, tendo o risco de não fechar o contrato, por ter contas bem estruturadas.

A situação tem pilares sólidos, como o forte patrocínio da Crefisa, material esportivo da Puma e a arrecadação de arquibancada. Nem falo das receitas do Allianz Parque como um todo, pois salvo engano a WTorres não está repassando como deveria.

Sabemos que o estádio do Palmeiras possui um custo de operação alto por partida. É o preço de ter a melhor arena de futebol do país.

Desde 2015, ainda com o Paulo Nobre, presidente que reestruturou as contas do público a torcida precisa pagar um valor acima dos demais clubes para assistir a uma partida de futebol. Isso afastou alguns torcedores, mas, principalmente, boa parte da TO. Sem ela vencemos três títulos nacionais.

Eis que surge uma forte tendência em criticar essa fonte de renda do Palmeiras. Na verdadeira, primeiro tentaram melar o bom relacionamento com a Crefisa. Pensaram que a Leila seria uma destrambelhada, que por ciumes da fraude Blackstar se afastaria. A resposta foi um contrato ainda maior do que o anterior. Agora sim, o estádio.

O que o Palmeiras deve fazer? Se igualar ao preço de outros times, que possuem estádios piores, quando tem estádio, com times mais baratos do que o nosso e que a tempos administram os clubes com o pires na mão ou se manter firme no propósito e buscar de todo modo fortalecer o programa Avanti que oferece descontos consideráveis aos frequentadores?

Pode parecer teoria da conspiração? Não é. Cuidado com o que a imprensa tradicional diz. Cuidado com os interesses escusos da TO que raramente grita o nome do clube no jogo e muitas vezes torce contra. 

Não devemos ser massa de manobra. Não facilitar para a RGT que quer a todo custo enfraquecer o Palmeiras. Recentemente existe uma força grande para o Palmeiras se desfazer de um ativo que custou milhões (sim, estou falando do Deyverson).

Cuidado pessoal para não serem papagaio de pirata.

O ingresso é caro? Depende do ponto de vista. Quanto custa o ingresso de um show musical na Arena? Quanto se paga na estrutura? Proporcionalmente, quanto se paga de salários para os jogadores do Palmeiras? A lábia do Mattos sem dinheiro não serve de nada. Não existe almoço grátis.

Concordo contudo que você disse.

Eu particularmente por problemas pessoais não tenho ido ao estádio ver os jogos, mas sou aninante PPW e também sócio Avante.

Dizer que o ingresso é caro? Vai depender do bolso de cada um. Mas as vezes o pessoal acha que dá para cobrar o mesmo valor que os gambas cobram, pessoal esquece que esses FDP tem a mais de 10 anos uma ajuda financeira da RGT através dos "direitos de transmissão" que até o ano passado era o dobro do que o Palmeiras recebia e a partir deste ano pode chegar 3 x mais (falam tanto da patrocinadora, mas a RGT dá para gambas e mulambos 3 CREFISA por ano).

Sobre as T.O não tem o que falar. Elas são importantes nos jogos? Claro que sim, pois estão com Palmeiras em qualquer lugar. Mas lá não tem santo não. Tem custo isso ae!!!

 Por isso que a torcida do Palmeiras tem que estar fechada com o clube e bater de frente com a RGT. 

Minha família em casa assiste a todos os jogos possíveis no ano, mas já decidimos que caso o Palmeiras não feche com a RGT após o termino do Paulistinha cancelaremos o PPW!!!

 

Abs!!! 

Nelson Verdão, Exagerado e Borine curtiram isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 01/02/2019 em 17:13, MrSoa disse:

Legal saber, obrigado! Mas é um jornalista/narrador do tipo alguns usuários deste forum então, fala mais mal que bem da SEP. KKKKK 
Abs

Esta me parece ser a vertente e a marca registrada dos jornalistas e profissionais da imprensa no meio do futebol que torcem para o Palmeiras. Eles costumam ser muito críticos ao próprio time, anos-luz mais que os outros. E não vejo de forma negativa, muito pelo contrário.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, williamfloriani disse:

É muita teoria de conspiração pra um posto só.

Primeiro que o custo de operação do Allianz é um dos mais baixos entre as novas arenas. Segundo que o Paulo Nobre, rompeu com a organizada, mas não afastou ela do estádio pelo preço. Fato é que o Gol Norte está lotado todo jogo. Terceiro que a torcida, e a organizada tem um papel enorme nisso, foi fundamental pro titulo de 2015, como já havia sido com aquele catado de 2012.

Falar em força grande pra se desfazer de um ativo, chega a beirar o ridículo. O Deyverson foi moleque, a atitude dele foi desleal e o Palmeiras não é lugar de moleque. 

Menos, amigo. Bem menos

Eu sabia que trazer para a discussão os temas TO e Deyverson colocaria polêmica na ideia. Talvez tenha sido desnecessário mesmo.

Sim, concordo que o preço não tenha como finalidade afastar a TO. Sequer foi o que eu disse. Contudo, a nova concepção do estádio sempre previu que esse torcedor deixasse o setor central do estádio que sempre foi ocupado com eles. Cansei de ver quebra pau do Parque Antártica por causa disso. Quem se lembra das brigas da TUP e Mancha por espaço? E os arrastões que a Mancha fazia empurrando as famílias pouco antes das partidas? Por outro lado, você ajuda o argumento quando cita que o Gol Norte vive lotado. Afinal, não é tão caro assim, não é mesmo?

Vivemos no país em que a população pensa ter derrubado dois presidentes nas ruas, quando sabemos os interesses políticos que determinaram os afastamentos. Porque seria diferente uma consciência míope no futebol.

4 horas atrás, Siena disse:

Sobre as T.O não tem o que falar. Elas são importantes nos jogos? Claro que sim, pois estão com Palmeiras em qualquer lugar. Mas lá não tem santo não. Tem custo isso ae!!!

Por isso que a torcida do Palmeiras tem que estar fechada com o clube e bater de frente com a RGT. 

Concordo e essa foi a ideia mesmo. Se todo jogo a lotação for máxima aumenta os custos, como conciliar isso com ingressos mais baratos se o custo é maior? Na ideia da RGT é simples, aceitem o valor proposto e desigual em relação aos dois times favorecidos descaradamente.

A torcida tem que fechar com o clube mesmo e entender que além de um "custo lazer", no valor do ingresso está a manutenção da condição financeira que permite até resistir a pressão chinesa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Exagerado disse:

(...)Contudo, a nova concepção do estádio sempre previu que esse torcedor deixasse o setor central do estádio que sempre foi ocupado com eles. Cansei de ver quebra pau do Parque Antártica por causa disso. Quem se lembra das brigas da TUP e Mancha por espaço? E os arrastões que a Mancha fazia empurrando as famílias pouco antes das partidas? Por outro lado, você ajuda o argumento quando cita que o Gol Norte vive lotado. Afinal, não é tão caro assim, não é mesmo?

(...)

A torcida tem que fechar com o clube mesmo e entender que além de um "custo lazer", no valor do ingresso está a manutenção da condição financeira que permite até resistir a pressão chinesa.

Então, em todos os jogos que eu fui no antigo palestra as duas maiores T.O.s ficaram atrás do gol. A TUP na esquerda de quem olha do campo e a mancha na direita. Do mesmo jeito que é hoje. Quanto a empurrar as famílias, acho continua acontecendo, pq não acredito que a TO consiga ficar naquele canto direito sempre. Inclusive quando fui no Allianz, comprei bem no meio do gol norte pra não correr o risco.

Quanto a segunda parte, concordo em gênero, número e grau. A torcida tem que entender que pra bater de frente com a RGT o clube precisa de outras fontes de receita, e isso algumas vezes vai acabar espirrando na torcida. Inclusive já falei mais de uma vez nesse tópico que a torcida deveria comprar a briga e quando cancelar o premiere, fazer o Avanti, mesmo que o plano mais barato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Estava pensando sobre o caso da negociação com a RGT realmente se encerre e tive uma ideia que parece não ser irreal.

O Palmeiras deveria estreitar a parceria com o Esporte Interativo (EI) e propor um acordo de transmissão das partidas vinculado ao Programa Avanti.

Exemplo: a partir do plano prata (R$ 41,99), o sócio Avanti ganharia um Login e Senha do EI Plus, plataforma online que irá transmitir todos os jogos da Série A em 2019. Não é nada surreal em termos financeiros, já que a assinatura do EI Plus é de R$ 19,90 mensal, que restaria, por exemplo, R$ 22,09 para o Palmeiras, valor ainda superior ao Plano Bronze, que é de R$ 17,99.

Essa estratégia aumentaria a quantidade de Sócios Avanti e traria mais receita para o Palmeiras e para o EI Plus. O valor pago (R$ 41,99) é, em média, mais barato que o ingresso no Allianz (ainda mais pensando nos sócios de fora de SP) e quase metade do valor cobrado pela RGT pelo Premiere.  

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
24 minutos atrás, Gerson Q. disse:

Estava pensando sobre o caso da negociação com a RGT realmente se encerre e tive uma ideia que parece não ser irreal.

O Palmeiras deveria estreitar a parceria com o Esporte Interativo (EI) e propor um acordo de transmissão das partidas vinculado ao Programa Avanti.

Exemplo: a partir do plano prata (R$ 41,99), o sócio Avanti ganharia um Login e Senha do EI Plus, plataforma online que irá transmitir todos os jogos da Série A em 2019. Não é nada surreal em termos financeiros, já que a assinatura do EI Plus é de R$ 19,90 mensal, que restaria, por exemplo, R$ 22,09 para o Palmeiras, valor ainda superior ao Plano Bronze, que é de R$ 17,99.

Essa estratégia aumentaria a quantidade de Sócios Avanti e traria mais receita para o Palmeiras e para o EI Plus. O valor pago (R$ 41,99) é, em média, mais barato que o ingresso no Allianz (ainda mais pensando nos sócios de fora de SP) e quase metade do valor cobrado pela RGT pelo Premiere.  

Ideia boa, mas o EI teria que entrar em acordo com a RGT pois não tem o direito dos outros times que não fecharam com ele.

Gerson Q. curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
24 minutos atrás, Gerson Q. disse:

Estava pensando sobre o caso da negociação com a RGT realmente se encerre e tive uma ideia que parece não ser irreal.

O Palmeiras deveria estreitar a parceria com o Esporte Interativo (EI) e propor um acordo de transmissão das partidas vinculado ao Programa Avanti.

Exemplo: a partir do plano prata (R$ 41,99), o sócio Avanti ganharia um Login e Senha do EI Plus, plataforma online que irá transmitir todos os jogos da Série A em 2019. Não é nada surreal em termos financeiros, já que a assinatura do EI Plus é de R$ 19,90 mensal, que restaria, por exemplo, R$ 22,09 para o Palmeiras, valor ainda superior ao Plano Bronze, que é de R$ 17,99.

Essa estratégia aumentaria a quantidade de Sócios Avanti e traria mais receita para o Palmeiras e para o EI Plus. O valor pago (R$ 41,99) é, em média, mais barato que o ingresso no Allianz (ainda mais pensando nos sócios de fora de SP) e quase metade do valor cobrado pela RGT pelo Premiere.  

Mesmo assim , seria limitado  a um numero pequeno de jogos , para transmitir todos os jogos do Palmeiras como mandante , seria necessário uma mudança na lei ou um acordo com a RGT.

Gerson Q. curtiu isso

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.