Vinicius Bozzetti

Membro
  • Total de itens

    368
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Vinicius Bozzetti

  • Rank
    Categoria Profissional

Últimos Visitantes

1.973 visualizações
  1. Muito bem analisado Lord Pig. Me atrevo até ir um pouco mais além. A disparidade só não é maior porque querem dar um aspecto de competitividade na disputa. Querem que o campeonato tenha, ao menos um pouco de emoção, pois se o público notar o baralho marcado não vai querer assistir aos jogos. Porém, se fosse pura e simplesmente a vontade da RGT, ela dividiria as cotas em 2 partes e o resto que se vire para arrumar dinheiro e montar um time competitivo. Pelo caminhar das coisas, eles poderiam até tolerar um ou outro time beliscar um título nacional de vez em quando, porém o que eles certamente não contavam é com a ascensão espetacular que o Palmeiras teve. Que a nossa reforma administrativa sirva de exemplo e que os demais dirigentes tenham o peito de assumir que em muitos casos é necessário dar dois ou três passos para trás (isso inclui times ridículos, contratações fracas, saneamento de dívidas, encarar a irritação da torcida) para que o clube possa um dia dar as cartas e não se prestar a meros coadjuvantes. Só para finalizar, duvido muito que qualquer dirigente com o mínimo de noção em administração não saiba como arrumar as finanças do clube. O grande porém é que todos querem ser lembrados como o presidente que ganhou tal título e não arrumou as contas. Muitas vezes é mais medo da torcida do que vontade de mudar.
  2. Para a sorte dos demais clubes, os gambas e urubus são absurdamente mal gerenciados. Imaginem uma administração que entenda do assunto e sempre com uma vantagem financeira desse calibre. Era para esses clubes ficarem revesando na conquista de títulos e os demais disputando o terceiro lugar. Por outro lado, arrisco dizer que, hipoteticamente, no ano que vem começarem a receber igual aos demais clubes, em 2 anos iriam entrar em parafuso e ter dificuldade para voltar para a 1ª divisão.
  3. A grande questão, @dani5lo é a quem interessa a manutenção de árbitros amadores? Tudo no futebol é profissional, os jogadores, a administração dos estádios, os departamentos dos clubes (uns mais outros menos, é verdade). Parafraseando o Prof. Girafales, porque causa, motivo, razão ou circunstância os árbitros não podem se profissionalizar? Não seria melhor para o campeonato como um todo ter o sujeito que apita fazendo só isso da vida? Treinando e estudando em tempo integral? Certamente a capacidade técnica seria muito mais apurada.
  4. Se não souber se articular nos bastidores, ele pode ficar até o fim do mandato dele lá, que nada vai acontecer. A articulação que digo é vetar árbitro, fazer com que o apitador fique com medo de errar contra o Palmeiras. Não quero nenhum tipo de ajuda a favor, apenas quero que não nos atrapalhem. É muito complicado para o torcedor entender o critério utilizado pelo árbitro, se no mesmo jogo tem lance em que o cartão é dado para um time e outro não, a falta é apitada e para o outro lado não... Eu custo a acreditar que é só ruindade do árbitro mesmo, mas se pegar friamente os números, é impressionante a discrepância dos erros contra o Palmeiras e o resto dos clubes. O pior ainda é que tem alguns jogos que eles não fazem questão nem de esconder a má vontade. Parece que fazem de pirraça, para deixar os jogadores mais nervosos ainda.
  5. As circunstâncias do jogo facilitaram a arbitragem. Os times estavam mais preocupados em jogar futebol do que brigar ou mesmo enrolar o jogo. O lance mais polêmico poderia ter sido a marcação de penalti, que na minha opinião não ocorreu. Felizmente, o juiz interpretou corretamente que não houve penalti e o jogo seguiu sem maiores problemas. Não é possível prever quem será o juiz do jogo de volta, mas diante do resultado de ontem, tem tudo para não se enrolar. Sei que não tem nada definido, mas as chances de classificação do Palmeiras são consideravelmente maiores que a do time chileno.
  6. Exatamente. O cara tem que ter muita confiança para dar tirar a bola da própria área, em um clássico, de bicicleta.
  7. Exatamente o que eu ia dizer. A nossa sorte é que o ocorrido foi em um jogo que já estava bem encaminhado e o time do Cerro não é lá aquelas coisas. Agora imagina se é em um jogo contra um time mais qualificado, nós precisando reverter o placar para classificar? Com certeza ficaria muito mais difícil.
  8. O idela era o Palmeiras ficar até um pouco mais da metade do segundo deixar algum time liderar o campeonato e no momento certo dar o bote e arrancar para o título. Deixar o peso e os holofotes da liderança com outro time é fundamental para o nosso elenco jogar mais solto.
  9. Dinheiro jogado no lixo foram algumas contratações e salários enormes para alguns jogadores. Por outro lado, fazer acordos e se livrar de processos, ao meu ver, é uma boa opção. Explico. Nos casos em que o processo já está na fase de execução, não há mais discussão, tem que pagar e acabou. Nesse sentido, é interessante fazer um acordo ´para pagar o débito com um desconto ou mesmo não deixar que o valor do débito aumente, para assim então não jogar dinheiro no lixo com juros e correção monetária. Além disso, o Palmeiras evita ter fama de caloteiro, fazendo com que desperte o interesse dos jogadores um dia virem a jogar aqui.
  10. Eventuais perdas de pontos para times mais fracos devem ser compensados com vitória sobre os mais fortes. O único problema de perder ponto para os fracos é que a margem de erro diminui cada vez mais. Contudo, acredito que muitos favoritos ao título também vão perder vários pontos para os fracos.
  11. É meus caros palestrinos, ao que parece o tempo de bunda-molice acabou. Não espero nada menos do que essa atitude do presidente. Tem que ir com essa história até as últimas consequencias. Não podemos perder todo um planejamento e trabalho na mão grande. Todos devem ficar cientes que qualquer ação ou omissão, de quem quer que seja, que prejudique o Palmeiras não será relevado.São com atitudes dessa que se é respeitado. Que a nossa coragem e atitude sirvam de exemplo para outros clubes a não se curvarem ou aceitarem a sujeira que é o futebol nacional.
  12. Os caras devem estar desesperado e querem arrumar qualquer desculpa para não ter que julgar isso. Duvido e muito que os advogados do Palmeiras iriam perder esse tipo de prazo tão importante. No mínimo o caso deve ser acompanhado de muito perto pela cúpula do setor jurídico do clube. A contagem, anotação de prazo e protocolo deve ter sido contada e recontada várias vezes para não ter nenhum tipo de erro.
  13. Se nós que somos torcedores já demos uma desanimada, imagina o cara que é jogador de outros times, que treina, viaja, concentra, joga, etc. Saber que não importa o que você faça, o quanto corra, o máximo que vai chegar é na 2ª colocação porque o campeão já está definido antes de começar o campeonato.
  14. Situação muito estranha. Para mim, esse assunto somente seria retomado quando um dos protegidos da fgt e cbf fossem prejudicados. Esse fim de semana o flamengo teve a marcação de um penalti e a expulsão (dupla penalidade não é proibida?), apesar da validação de um gol irregular, e não teve aquela comoção nos programas esportivos, jornais, etc. Acho que só quando o gambá perder um campeonato na mão grande é que vão pensar sobre isso, mas até isso acontecer...
  15. No meu entendimento, você só acaba com o poder dessas instituições criando outras. Do contrário, o status quo ante será perpeatuado.