Sergio Verde

Debate PTD
  • Total de itens

    2.674
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Sergio Verde

  • Rank
    Categoria Estrela
  • Data de Nascimento 09-12-1959

Contact Methods

  • Website URL
    http://

Profile Information

  • Gênero
    Male
  • Localização
    São Paulo - SP

Últimos Visitantes

9.615 visualizações
  1. Obrigado por deixar o time na zona de classificação da libertadores, e nos desculpe pelos jogadores modorrentos que faziam questão de arrastarem-se em campo, desde janeiro deste ano. Vc não teve muitos acertos nessa sua 2a passagem pelo Palmeiras, e o desgaste estava evidente, mas nem o Tite faria uma meia dúzia de supostos "intocáveis" tirarem a visível, evidente e injustificável má vontade de jogar bola este ano. Que venha numa próxima oportunidade...para montar seu elenco, com caras dispostos a justificar o que ganham em dia. Será novamente bem recebido.
  2. Pelo rádio, nos idos de 1967, com míseros 7 anos de idade, escutando um Palmeiras x Corinthians, onde vencemos por 1 a 0 com um gol de cabeça do "Divino" (gol que eu assistira à noite pelo VT que passava na antiga TV Tupi, narrado pelo Walter Abrão). Lembro que na narração do Fiori Gigliotti pelo radinho de pilha, quando ele disse "...subiu o Divino de cabeça, é fogo, é gol´é goooooooooooooollll... estremece o Morumbi!! Ademir da Guia, o Divino... abre o placar para o Palmeiras!!!...". Na mesma hora soltei um grito de "gooolll" que até assustei meu pai, que me olhou com um sorriso meio que escondido por ter reconhecido ali, outro palmeirense na família...hahahaha. E "ao vivo" no Palestra em 1968, num Palmeiras 2 x 0 Portuguesa, dois gols do Servilio. Esse, por ter sido o primeiro e ter ido com meu irmão, está vivíssimo na minha memória como se fosse hoje, apesar de já ter sido há quase 50 anos!!
  3. Até entendo a reclamação com o preço dos ingressos, mas no jogo da semana passada com o Coxa no Porcoembú, os valores estavam muito mais baratos, menos da metade, e para colocar 27 mil pessoas foi um sacrifício. Agora, já são 28 mil três dias antes da partida. Podemos ter nossas opiniões, mas na prática, o que acontece não está alinhado com o que pensamos.
  4. Palmeiras precisa neutralizar o Bruno qualquer coisa deles lá, que pela esquerda é ótimo: rápido, driblador e fazedor de gols. E o único que mete algum medo no time das sardinhas. Neutralizando esse setor e/ou quem lança pra ele, matamos qualquer possibilidade do time deles.
  5. Dudu, assim como Prass e Zé Roberto, são os grandes "ícones" do ressurgimento do Gigante Palmeiras. Falta um pouco, ainda, em meu conceito de ídolo, para que ele chegue lá. Mas sem dúvida alguma, já escreveu seu nome na fantástica história do clube. Sendo ou não considerado ídolo.
  6. Taí uma comparação no futebol (em minha opinião, a única) em que o Pelé perde de goleada!! hahahaha... FM é imbatível nesse quesito!!! hahahaha...
  7. Djalma, meu amigo e contemporâneo, concordo parcialmente com seus argumentos. Infelizmente, demos - deliberada e infantilmente - munição ao inimigo. O erro nesse caso, não é o da reintegração propriamente dita, mas deixa-lo, de novo, ir aos microfones cantar de galo, e seguir sentindo-se a última bolacha do pacote. Os interesses do Palmeiras devem, sim, ser preservados, assim como sua reputação, evitando que jogadores que se acham maiores do que o clube, venham a público remendar uma ferida com estilete. O mais inteligente seria soltar uma nota oficial, dizendo que ele havia se acertado com a direção e comissão técnica, e que estava sendo reintegrado ao elenco. E só. Coloca-lo numa coletiva pra falar sobre isso, beirou a ingenuidade ou amadorismo (ou as duas coisas).
  8. O que já era muito bom, ficou ainda melhor! Parabéns, Eduardo e demais envolvidos!!!! PTD rocks!!!!
  9. Vamos colocar 30 mil vozes neste sábado, vencer e calar a boca da imprena e dos "antis" (inclusive muitos de nós mesmos), que acham que somos modinha. A força de nossa torcida é maior do que tanta bobagem que se fala e se faz por aqui. E que jogadores e comissão técnica entendam definitivamente, que deixar o suor na camisa e sangue no gramado, terá nosso respeito eternamente. Não importanto o resultado.
  10. 100% de acordo.
  11. Sem falar da 1a Liberta vencida pelo Penarol, quando no Pacaembu, o jogo da final estava 1 a 1 e Waldemar Carabina, aos 44 do 2o tempo, chuta uma bola na trave cara-a-cara. Seria o primeiro título do Palmeiras na 1a Libertadores... Fazer o quê, né?
  12. Parabéns, Fabio. Um "oásis" em meio a tanta coisa ruim lida nos últimos dois dias. Em poucas, porém inteligentes, palavras, um retrato racional da situação. Cirúrgico! Parabéns novamente.
  13. Ninguém "simpatiza" pelo Palmeiras, e sim, torce como louco. Talvez seja a torcida com maior número de torcedores verdadeiramente apaixonados por metro quadrado que exista na face da Terra. E paixão e razão nunca andaram juntas. É amor e ódio nas mesmas proporções, para jogadores, diretoria, comissão técnica, nós mesmos, etc. Enfim, é nossa característica, e jamais mudaremos...
  14. Ação devidamente orientada pelos advogados do FM, que estão buscando evidências - por mais absurdas que possam parecer - para acionar o Palmeiras na justiça logo mais. Estou certo de que os advogados do Palmeiras já sabem como agir. Vai ser uma guerra jurídica trabalhista que pode levar anos... E tem gente que acredita em jogador de futebol que "beija" escudo... Paixão de jogador, hoje em dia e salvo raríssimas exceções - é por esse símbolo aqui, ó: $