Jump to content

Eduardo Luiz

Palmeiras x Internacional - Atuação do técnico

Recommended Posts

32 minutos atrás, Vitor_Palestra disse:

O time teve uma postura mais condizente com o que eu espero do Palmeiras. Marcando mais à frente, atacando com mais jogadores.

Não sei o motivo, mas o time amoleceu demais depois do 1x0 e as substituições não ajudaram a recuperar o ritmo. Espero que agora, com mais confiança, o time volte a crescer.

O time competiu mais hoje pela menos 

A queda foi depois das alterações realizadas.

Acabou tirando a velocidade do time 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, do Verde disse:

O Brasil precisa ganhar uma Copa urgente. O torcedor brasileiro está sofrendo de um jeito que nunca imaginei.

Cara, Tite e Neymar e 7x1 me tiraram o encanto na seleção parei de acompanhar, simples assim.

Tudo que vc falou eu concordo, mas adaptado para o Palmeiras. Estamos sofrendo como nunca imaginei.

E depois de tanto tempo sem poder ir no estádio, é triste ver que a torcida está distante do time (sem contar o debate sobre preço)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não assisti o jogo mas a entrevista do pardal foi deplorável

Mais uma vez culpando a base (a melhor q a gente ja teve na história), se comparando com Klopp e o krlho

Humildade passou longe

O tempo é o senhor da razão, vamos ver se é tudo isso quando voltar a Europa

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, Gabrielpalestra disse:

Não assisti o jogo mas a entrevista do pardal foi deplorável

Mais uma vez culpando a base (a melhor q a gente ja teve na história), se comparando com Klopp e o krlho

Humildade passou longe

O tempo é o senhor da razão, vamos ver se é tudo isso quando voltar a Europa

To nem ai pra Europa… Trazendo a segunda liberta seguida pode fazer uma estátua pra ele!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dá pra ver sim evolução em relação aos últimos jogos. O primeiro tempo foi bom, atacamos (mesmo que, as vezes, desordenados), metemos uma bola na trave com o Rocha e fomos superiores. No segundo tempo, o pênalti e a expulsão definiram o placar, mas não sei porque cargas d'água tiraram o pé do acelerador e, com substituições que pioraram o time tecnicamente, o Inter - mesmo com um a menos - esboçou uma pressão na gente.

Vamos lembrar que o Inter está na parte de cima da tabela. Se mantivermos essa evolução gradual, aos poucos e com paciência vamos encorpando pra disputar bem a final do dia 27/11. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Dos 5 que entraram. 4 foram péssimos. Só Deyverson que foi razoável ainda.

Técnico é o menor dos nossos problemas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aos que reclamam das substituições imagino o que não vão reclamar se 1 desses jogadores importantes não chegarem inteiros para a final da Libertadores.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Apesar de a cada rodada avaliar o trabalho do Abel mais negativamente e de achar que o melhor seria sua saida ao final da temporada, eu ainda o considero o treinador ideal para a final da Libertadores e acredito que temos boas chances de sermos campeões por mérito do português. Incoerência? Não. Apenas acredito que sua forma de pensar o jogo maximiza nossas chances contra times mais fortes e minimiza nossas chances contra times mais fracos. Como a maioria dos adversários são mais fracos o saldo acaba ficando negativo. Com relação a Libertadores acredito que o Abel está mapeando ponto por ponto o time do Flamengo. Até a final ele deve assistir todos os jogos do time adversário desde 2019, deve ligar para todos os treinadores que tiveram vantagem contra eles e deve chegar ao jogo com um sistema defensivo muito sólido. Minha dúvida é apenas uma: ele está preparando um plano B, caso fiquemos em desvantagem no placar durante o jogo?

Share this post


Link to post
Share on other sites
11 horas atrás, Gabrielpalestra disse:

Não assisti o jogo mas a entrevista do pardal foi deplorável

Mais uma vez culpando a base (a melhor q a gente ja teve na história), se comparando com Klopp e o krlho

Humildade passou longe

O tempo é o senhor da razão, vamos ver se é tudo isso quando voltar a Europa

O abismo que existe entre ele e o Klopp é o mesmo que existe entre o Bayern de Munich e o ultimo colocado da ultima divisão da alemanha. Ele certamente não vê o trabalho do klopp desde o Borussia, ganhando títulos contra o poderoso Bayern e nem o ápice com o Liverpool, superando os rivais ricos com jogadores que ao chegarem ninguém deu nada e atingiram o ápice nas suas mãos, EXTRAINDO deles o que há de melhor, sempre calcado num jogo coletivo intenso e fortíssimo. Não há qualquer paralelo nesse sentido. Nem mesmo na humildade, característica importante do alemão. Outra diferença importante é a não reclamação e a auto crítica sempre presente, sem tentar jogar nas costas dos jogadores ou da base, sabendo que o time está devendo e muito quando de fato está. Abel no Liverpool seria balão pro firmino ou diego jota ganharem no cabeceio, usando a velocidade de salah e mané pra jogar no contra ataque.

E quando ele voltar pra EUROPA, a não ser que seja algo muito diferente, dificilmente irá treinar uma potência europeia com essas ideias e arrogância características

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

O grande problema do continua sendo as alterações .Será que nenhum dos nossos principais jogadores possuem preparo físico para suportarem 90 minutos de um jogo?

Só isso explicaria as alterações que nos levam de uma vitória que poderia ter sido elástica,se não fossem as alterações que ele processou. Na minha opinião,apenas o Luiz Adrino porderia ter sido substituído. Mesmo o Rony, com todas as suas conhecidas limitações técnicas,poderia ter permanecido.Trocar Dudu e Rafael Veiga,foi uma das piores coisas que já vi dentro de um jogo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Algo muito estranho tem acontecido com o Abel desde o seu retorno das férias. O primeiro e mais evidente é a maneira como a equipe passou a jogar, de maneira excessivamente "conservadora" e com poucos bons jogos na temporada para se recordar.

Além disso, me parece ter perdido um pouco a mão na gestão do grupo. Excessivas críticas ao comportamento dos atletas de maneira geral, críticas direcionadas aos meninos da base, criticas à cultura do futebol brasileiro... Todos esses pontos são discutíveis, mas não publicamente, não pelo "chefe". 

Ontem, principalmente depois de tudo o que aconteceu, ele poderia muito bem ter mantido o Luiz Adriano em campo para ganhar uma moral. Embora não tenha levado perigo à meta do Internacional (e existem N fatores para isso, inclusive fatores que nada tem a ver com o próprio atleta), vinha fazendo uma boa partida, se dedicando, disputando, tentando... Tirar o Luiz Adriano e colocar o Deyverson é brincadeira.

Ele tem destruído o time do Palmeiras com suas substituições. Eu não consigo nem me lembrar quando foi o último jogo que ele mexe e o time melhorou. Abel está prestes a completar 1 ano de clube, tem quase 100 jogos à frente dessa equipe, já passou da hora de saber o que funciona e o que não funciona nesse elenco.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 minutos atrás, Gabriel.SRamos disse:

Algo muito estranho tem acontecido com o Abel desde o seu retorno das férias. O primeiro e mais evidente é a maneira como a equipe passou a jogar, de maneira excessivamente "conservadora" e com poucos bons jogos na temporada para se recordar.

Além disso, me parece ter perdido um pouco a mão na gestão do grupo. Excessivas críticas ao comportamento dos atletas de maneira geral, críticas direcionadas aos meninos da base, criticas à cultura do futebol brasileiro... Todos esses pontos são discutíveis, mas não publicamente, não pelo "chefe". 

Ontem, principalmente depois de tudo o que aconteceu, ele poderia muito bem ter mantido o Luiz Adriano em campo para ganhar uma moral. Embora não tenha levado perigo à meta do Internacional (e existem N fatores para isso, inclusive fatores que nada tem a ver com o próprio atleta), vinha fazendo uma boa partida, se dedicando, disputando, tentando... Tirar o Luiz Adriano e colocar o Deyverson é brincadeira.

Ele tem destruído o time do Palmeiras com suas substituições. Eu não consigo nem me lembrar quando foi o último jogo que ele mexe e o time melhorou. Abel está prestes a completar 1 ano de clube, tem quase 100 jogos à frente dessa equipe, já passou da hora de saber o que funciona e o que não funciona nesse elenco.

Ontem, pela primeira vez - depois de mais uma coletiva abusando de crítica à base - vi as pessoas percebendo que ele está, jogo após jogo, colocando a base na fogueira. Pra mim é um negócio claro há alguns meses, que todo final de coletiva ele publicamente desce o pau em algum menino da base. Até que enfim as pessoas estão percebendo que isso é um problema.

O que os torcedores têm que entender, é que por mais que o Abel seja um bom técnico - eu estou entre os que o acha bom - a base ser integrada ao profissional e ter uma função ativa no clube é necessário para o Palmeiras ser competitivo e sustentável. Se não tiver base bem:

(1) O dinheiro para contratações tem que ser dividido na formação de elenco, que acaba fazendo com que nós não tenhamos possibilidade de investir em jogadores mais caros (o mesmo dinheiro vai para mais peças, cada um acaba tendo que ser mais barato para fechar a conta);

(2) A gente perde uma importante fonte de criação de valor. O Flamengo atual foi montado em boa parte às custas de venda de menino da base. Para isso, teve que ter Paquetá perdendo gol embaixo da trave, e eles engolindo a seco dizendo que Paquetá é o novo Kaka. Os nossos não só não fizeram isso, como nos ajudaram em três títulos e nos ajudaram a chegar na final da Libertadores novamente

(3) A média salarial de jogador da base é mais baixa, e por isso temos a possibilidade de pagar salários mais altos a jogadores mais decisivos - menos custo com formação de elenco

Isso tudo, sem falar em identificação com o Palmeiras. Até recentemente, eu não lembrava de Felipe Melo e companhia cantando o hino do clube em vestiário. Isso voltou com a base entrando, olhem o vestiário dos jogadores do sub 20 e vê se tem um que não saiba cantar as músicas da torcida.

Qualquer grupo de jogadores que levasse porrada coletiva após coletiva estaria com a confiança em baixo e desmotivado de levar porrada todo dia. Se fosse com o grupo de veteranos, já estaria saindo notícia em Jorge Nicola e companhia de racha, de problema que o Abel causa, de problema de relacionamento, etc.

Adoro o Abel, mas o Palmeiras vem BEM antes do Abel. Base não é bom para o Palmeiras, base é necessário pro Palmeiras. Ou o Abel se ajeita e passa a trabalhar de forma decente, ou então assume que não se identifica com o projeto e vai embora... Coletiva após coletiva é desvalorizando os meninos, que saco esse cara...

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 minutos atrás, Gabriel.SRamos disse:

Algo muito estranho tem acontecido com o Abel desde o seu retorno das férias. O primeiro e mais evidente é a maneira como a equipe passou a jogar, de maneira excessivamente "conservadora" e com poucos bons jogos na temporada para se recordar.

Além disso, me parece ter perdido um pouco a mão na gestão do grupo. Excessivas críticas ao comportamento dos atletas de maneira geral, críticas direcionadas aos meninos da base, criticas à cultura do futebol brasileiro... Todos esses pontos são discutíveis, mas não publicamente, não pelo "chefe". 

Ontem, principalmente depois de tudo o que aconteceu, ele poderia muito bem ter mantido o Luiz Adriano em campo para ganhar uma moral. Embora não tenha levado perigo à meta do Internacional (e existem N fatores para isso, inclusive fatores que nada tem a ver com o próprio atleta), vinha fazendo uma boa partida, se dedicando, disputando, tentando... Tirar o Luiz Adriano e colocar o Deyverson é brincadeira.

Ele tem destruído o time do Palmeiras com suas substituições. Eu não consigo nem me lembrar quando foi o último jogo que ele mexe e o time melhorou. Abel está prestes a completar 1 ano de clube, tem quase 100 jogos à frente dessa equipe, já passou da hora de saber o que funciona e o que não funciona nesse elenco.

além disso tem batido muito nos meninos, mas esquece que foram eles que garantiram os títulos que ele abre a boca pra falar que ganhou. É covarde e minimalista tentando forjar que eles são o problema, falta de caráter 

Edited by Palmeiras Livre

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.