Gabriel.SRamos

Membro
  • Total de itens

    5.122
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Gabriel.SRamos

  • Rank
    Categoria Master
  • Data de Nascimento 04-11-1989

Contact Methods

  • Website URL
    http://

Profile Information

  • Gênero
    Male

Últimos Visitantes

4.880 visualizações
  1. O Vitão estava treinando normalmente hoje. Se estiver 100%, é possível que vá para o jogo. Quanto ao ataque, eu iria com qualquer um, menos com o Borja. O Borja precisa descansar, ainda mais se o Deyverson for ficar esse período fora mesmo.
  2. Vai ser lindo o Palmeiras ganhando o BR contra tudo e contra todos. Quem viver, verá!
  3. Eu duvido muito. O Tite tem um apelo da mídia muito grande, além de, aparentemente, já estar muito familiarizado com os esquemas da CBF. Além disso, não tem nenhum outro técnico se destacando que possa fazer sombra para ele. É perigoso, inclusive, chamarem o tal do Carille depois que o Tite cair fora.
  4. Coitado dos jogadores do Palmeiras. Se a ideia é ir para a seleção, tenho uma má notícia para eles...
  5. Gourcuff foi um cara que me enganou bastante. Achei que seria um baita craque.
  6. Esse jogo contra a Ponte Preta será um "Deus nos acuda" danado.
  7. A resposta é: não sei! Não tenho como saber se ele tem bola para colocar jogador X ou Y no banco, porque nunca o vi jogar entre os profissionais. A temporada é gigantesca, o time disputa 4 torneios durante o ano, mais de 80 partidas na temporada, daria muito bem para ele entrar no revezamento dos atuais laterais do profissional, principalmente porque 1 deles, não tem jogado absolutamente nada desde o ano passado. Você acompanha o forum e sabe muito bem que a paciência da torcida, quando se trata de categorias de base, é muito maior do que com esses jogadores que chegaram agora como o CE e o FP. Se o Luan, ou o Vitão, ou o Yan, enfim, tivessem oportunidade no paulista e mesmo que não fossem tão bem, a torcida abraçaria os meninos da mesma forma, isso não afetaria em absolutamente nada no aproveitamento deles. A transição base/profissional do Palmeiras ainda é horrível. Não adianta nada os meninos treinarem o ano inteiro com os profissionais se não são alçados ao elenco profissional efetivamente. E não disse que o Rodrygo é bom, muito pelo contrário. Acho o Rodrygo um jogador comum e duvido muito que vá virar um grande jogador no futuro, mas a discussão não é essa. A discussão é: esse jogador foi colocado entre os profissionais, jogou "meia dúzia" de boas partidas e convenceu o Real Madrid a desembolsar 50 milhões de euros por ele.
  8. O valor da negociação reflete perfeitamente o péssimo aproveitamento do Palmeiras com seus ativos. Se o Luan tivesse atuado e fizesse parte do elenco do profissional, jogando regularmente, aparecendo em campo e se destacando, poderiam ter vendido o jogador pelo triplo do preço. Não adianta nada essa molecada ter "um super potencial" na base se não for aproveitada no time principal. O Real Madrid, por exemplo, jamais teria pago 50 milhões no Rodrygo ou no Vinicius Junior, se os moleques não estivessem jogando pelo profissional.
  9. Com as medíocres atuações do Diogo Barbosa desde o ano passado, o Luan merecia ao menos uma chance de tentar mostrar o seu valor. Para superar o Diogo, não precisa lá muita coisa.
  10. Se juntar os três shows não dá um que preste. Deus me dibre!
  11. E digo mais (aliás, já disse isso ontem): esse comportamento, de não valorizar os jogadores que aqui estão, só ajuda a desvalorizar ainda mais o já fraco campeonato brasileiro. Não é atoa que há uma debandada de jogadores em pouco tempo de profissional por aqui. Uns sequer chegam a se profissionalizar no Brasil. Imagine a cabeça de um garoto que vê um cara como o Dudu, ídolo de um dos maiores clubes do mundo, destaque absoluto no Brasil por três temporadas consecutivas, bi campeão brasileiro, campeão da Copa do Brasil, eleito o melhor jogador do BR 18 e não é lembrado para a seleção, enquanto jogadores que se tornaram titulares em seus clubes da Europa recentemente, recebem uma babação de ovo absurda da mídia e do treinador da seleção. É claro que qualquer atleta que anseia fazer parte da seleção vai querer ir embora mesmo, porque sabe que as chances de ser convocado atuando lá fora, mesmo em mercados periféricos, é muito maior do que se destacando por aqui. Felipe Anderson, Vinicius Junior, Taison, David Neres... Nenhum desses caras sequer engraxa as chuteiras do Dudu. E digo mais ainda rs! O Everton Cebolinha é melhor que todos esses também, só não é tão valorizado porque joga no Brasil.
  12. Compreendo perfeitamente o seu ponto de vista e confesso que hoje, penso da mesma forma. Alguns resultados me deixaram tão contrariado, que acho que acabei exagerando nas críticas. Não que eu tenha mudado de ideia em relação à qualidade de jogo que eu espero ver, mas que é necessário entender que o ano acabou de começar e que é necessário um pouco mais de tempo para tudo entrar nos eixos.
  13. Ótimo! Fico feliz em saber que o que foi feito ontem, é o que agrada a ele. Realmente, o Palmeiras tem deixado a desejar no paulista, espero que agora, com a chegada dos mata-matas, o time assuma esse mesmo espírito da Libertadores.
  14. Sem querer colocar mais lenha na discussão, até porque isso já vem se arrastando há um bom tempo e o assunto tem ficado bem maçante, a única coisa que eu quero expor aqui é que o jogo de ontem é uma prova concreta de que o time pode ser mais equilibrado, pode jogar melhor e ainda assim conseguir resultados. Em determinadas partidas, obviamente que essa estratégia não dará certa e um jogo mais reativo se fará necessário, mas sempre que houver a oportunidade de equilibrar as ações, não ser tão 8 ou 80, é de grande valia para todos. Desde comissão técnica e jogadores até a torcida que está assistindo ao jogo. Foi bonito de ver o nosso quarteto ofensivo trabalhando ontem. A qualidade técnica desses jogadores salta aos olhos. Scarpa, pouco comentado, comeu a bola ontem. Merecia ter sido coroado com um gol pela atuação que teve. Esse, junto com o Goulart e a manutenção do Dudu, são os grandes reforços do Palmeiras para essa temporada.
  15. A seleção brasileira não pode ser usada como parâmetro, porque todo mundo sabe que rola uma mutreta danada lá dentro. Não é mera coincidência o Paulinho ter sido vendido 3 dias após o término da Copa, não é coincidência o Fred ter acertado com o United depois de ter sido colocado na lista final para a Copa... Tanto David Neres quanto Vinicius Junior não têm jogado melhor que o Dudu. David Neres, até a Copa Mickey, no começo do ano, sequer era titular do Ajax. Vinicius Junior ficou algumas partidas do Real Castilla antes de ser "puxado para cima". E digo mais! Não fosse a latente necessidade de um jogador de beirada, o Vinicius Jr talvez nem estivesse no time principal do Real nesse momento. O que me deixa mais chateado é que o Dudu vem de três temporadas absurdamente boas pelo Palmeiras, no ano passado ficou na seleção de todas as competições que participou, foi eleito o melhor jogador do brasileirão, terminou o ano como um dos maiores garçons do Brasil, e quem é convocado para a seleção é o Cebolinha, que é sim bom jogador, mas não é melhor que o Dudu. Isso explica porque os melhores jogadores brasileiros estão indo embora daqui cada vez mais cedo e porque o futebol brasileiro decaiu tanto. Se o cara reinar absoluto no Brasil não o credencia para a seleção, então nada o fará. Só será convocado se for embora e jogar na Europa. Tite gosta de grife. O dia que Felipe Anderson, Taison, David Neres, Vinicius Jr., forem melhores que o Dudu, então eu não entendo mais nada de futebol mesmo.