Jump to content

vitorpalestrino

User
  • Content Count

    1,744
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    3

vitorpalestrino last won the day on July 1 2020

vitorpalestrino had the most liked content!

About vitorpalestrino

  • Rank
    Profissional
  • Birthday 12/23/1994

Profile Information

  • Gender
    Masculino
  • Location
    PG - Paraná

Recent Profile Visitors

2,800 profile views
  1. Ahh, outra coisa que esqueci de comentar: Alguns foristas: "Engraçado, queda de rendimento rolou depois que Dudu voltou, será que não tem conexão? Birra do elenco, alto salário, a treta que rolou quando o Abel tirou ele" Outros foristas: "Seus doentes, implanta crise, Dudu e Abel são mitos do futebol" Rodada seguinte: Dudu sai socando banco e gritando "Não dá, todo jogo ele me tira".
  2. Não acho. O resultado surgiu por causa de um penalti besta, porque o jogo se encaminhava para ser mais um empate. Palmeiras agrediu pouco de novo, tirando a bola na trave do Rocha, não aconteceu mais nada.
  3. Caras... que papinho hein? Estamos em uma final de libertadores, contra um dos times mais fortes do Brasil e temos que estar felizes e sorridentes com um retrospecto de 13 jogos, 3 vitórias, 2-3 empates e 7-8 derrotas no brasileirão? Vamos também ser muito honestos sobre o jogo de hoje. Alegria pelos 3 pontos. Mas foi um primeiro tempo nota 6,5 - 7, muita vontade, mas com meio campo lento, um ponta destruidor de jogadas (Rony, o preferido de Abel) e totalmente desorganizado. O segundo tempo demos duas sortes, o pênalti infantil do zagueiro e o outro desequilibrado que foi expulso. Mesmo assim, durante 35 minutos do segundo tempo, estava mais para o Inter empatar do que a gente ampliar. E mais, se tudo isso não fosse pior. Não basta o técnico resolver adotar uma postura defensiva, entregando a bola para o adversário com 1 a mais, ele tira os 3 melhores jogadores de campo (Veiga, Dudu e LA) e deixa o, DE LONGE, pior jogador (Rony) e coloca - Um desequilibrado que tentou causar confusão a todo minuto; um volante defensivo que ficou 4 meses sem jogar e fora de ritmo e de clima porque tá em fim de contrato; um ponta que, eu particularmente não acho ruim, mas que ele deu chá de banco por meses; o PP, ok; e um meia fora de ritmo, que está com um histórico recente de entregar a bola na intermediária. Hoje foi muito aquele resultado de circunstância, um erro besta, um cara expulso e ok. Mas mesmo assim, o Abel se esforçou muito para ceder o empate. Se alguns foristas estão felizes com o retrospecto recente (13 jogos, 3 vitórias, 2-3 empates e 7-8 derrotas), acham que foi uma grande partida, ganha com um convencimento, por mim, tudo bem. Agora eu já penso que dessa forma, vamos sofrer na final da liberta, e nessa toada, temo por não participar da libertadores do ano que vem. Palmeiras esse ano só convenceu em uns 4 ou 5 jogos. Isso sendo muito bondoso, porque só lembro de um, o jogo da volta contra o São Paulo. De resto. Passamos do Atlético contando com MUITA sorte, com o Hulk errando um penalti que não costuma errar, e com uma jogada individual iluminada do Veron. Eu gosto de ver o todo, e o todo esse ano é de assustar de tão ruim. Nível Felipão de 2011, mas com um elenco que ganhou alguns títulos nos ultimos 5 anos. Pra mim é fora Abel sem dúvida.
  4. Concordo demais! Especialmente com o meio de campo mais leve. Veiga é muito mais produtivo perto da área. Ótima escalação. Quando a gente vê este tipo de disposição em campo, começamos a ver que nosso elenco não é tão ruim quanto pensamos. Tem deficiências, mas pode jogar melhor e de forma mais organizada.
  5. Acho que esses jogadores tem que caprichar mais na dose de suplemento pré-treino antes do jogo. Quem sabe uma dose bruta de cafeína com outros estimulantes ajudem esses sem vergonhas.
  6. Acho sim que tem que ter reformulação, mas não na mão de um cara que parece ser um grande motivador, um cara prolixo na fala, mas muito limitado nas ideias. Tem que saber se defender, mas precisa ser organizado para atacar. Esse ano ele não mostrou nem um, nem outro. Nunca tomamos tanto gol e nunca fomos tão pouco efetivos no ataque. E isso não é recente, desde a final do paulistão já se vê um time desorganizado em campo, que não tem um padrão tático, uma formação bem definida. Titularidade nesse time é volátil. Num jogo vc faz dois gols, na outra semana vc pega 5 jogos de banco.
  7. Eu fico conjecturando se o time não sentiu exatamente isso. Scarpa e Veiga vinham fazendo uma boa dupla, até ensaiando uma boa produtividade em termos de chances criadas, aí o Dudu chega, o Scarpa e o Wesley, repentinamente, perdem espaço e o time começa a degringolar. Apesar do Dudu ser um cara querido pelo elenco, é de se imaginar: você trabalhando numa empresa, tem um cara que todo mundo gosta, que resolve sair pra ganhar mais dinheiro em outro lugar. A empresa cresce coletivamente sem o cara e, de repente, ele retorna, desatualizado, meio sem função, e em vez de ir entrando aos poucos no grupo, ele se torna líder da equipe, ganhando o maior salário e desbancando um cara que trabalhou pra conquistar o posto dele, tudo por puro prestígio. Mesmo que o cara seja bacana, é de ficar meio aborrecido com isso. Pra mim, foi o que aconteceu com o Dudu. Fora de forma, o baixola assumiu a titularidade, desmanchando o esquema com Veiga e Scarpa (que nunca mais teve sequencia) e tirando o lugar do Wesley que andava fazendo ótimas atuações.
  8. Sem lateral direito eu armaria o time da seguinte forma: Weverton Luan Gomez Renan Danilo PP Wesley MF Dudu Veiga A ideia é ter um meio de campo bastante móvel, com jogadores que conseguem driblar. O Matheus Fernandes tem muito essa característica, porque tem bastante mobilidade. O PP já é um pouco mais pesado, mas sabe proteger com o corpo. Danilo é muito veloz e tmb tem muita mobilidade. Atacando, MF, Danilo e PP podem revezar em quem compõe a linha de frente e os dois que sobem em dupla num bloco mais atrás (como na escalação acima). Defendendo, eles podem recompor da seguinte forma: Weverton Luan Gomez Renan Danilo <-- MF --> PP Wesley Veiga Dudu Veiga fecha a linha de frente com Wesley e Dudu para fazer pressão na saída de bola. Matheus Fernandes fecha o meio, mais próximo do Gomez, enquanto Danilo e PP ajudam a fechar as laterais (similar ao Menino protegendo o Marcos Rocha contra o River). Nessa formação Veiga e os meninos do meio campo vão ser muito estressados, porque vão ter muita função tática, mas é um time quebrador de linha, que ataca e defende em blocos e pela característica dos jogadores, se movimenta bastante e tem muita qualidade de passe. Essa escalação também funcionaria com Breno, Rony ou Veron no lugar dos pontas, porém com menos qualidade, e com o Luis Adriano na do Veiga. Veiga poderia ser jogado para o meio, porém prejudicaria a dinâmica da marcação. Essa formação, se bem encaixada, consegue arrancar um 1x0 do Flamengo. Por isso que eu digo, elenco temos, precisamos de ideias em campo, e não a bagunça que está hoje em dia.
  9. Em que mundo que o Rony foi melhor que o Gabriel Menino? Cada lance que ele ia tentar executar a função de lateral achava que ele ia ser expulso ou fazer penalti. Esse Rony é péssimo em qualquer posição que jogue, erraram em não ter vendido ele.
  10. Demitam o técnico agora e ainda temos chance de fazer algo na libertadores ou ir bem no brasileirão e não ter que passar por fase de grupos. 12 jogos e 2 vitórias.
  11. Abel só continua no cargo porque tem a final, porque já faz umas 3 partidas que tinha que ter caído.
  12. Sim! Isso começou lá com a segunda passagem do Cuca, em que ele armava o time segundo o adversário. Depois foi o Felipão com time A, B e C, agora o Abel nunca repete a escalação. Isso é extremamente prejudicial pro desempenho geral da equipe.
  13. Cara, são 7 derrotas, 2 empates e só 2 vitórias em 11 jogos... tropeçar uma vez contra um cuiabá, é ok, acontece, mas tá frequente demais. Quanto ao CRB, vc fala como se tivesse sido um jogo só né... mas foram 180 minutos e só fomos capazes de marcar 1 gol no poderoso CRB? Aí abandone tmb... Se fosse um jogo contra o CRB em um péssimo dia, ok, mas foram dois e só conseguimos furar a defesa deles uma vez.
  14. Esse mesmo elenco, ano passado, sem os reforços de Dudu, Piqueres, Jorge, Danilo Barbosa, Matheus Fernandes, sem Wesley machucado, e sem algumas joias da base (Fabinho, Giovani e Michel que não foram aproveitados por opção do técnico), foi capaz de apresentar um futebol muito melhor, ganhar uma libertadores, ganhar a copa do Brasil, e se não tivesse tanta Covid no elenco e calendário tão curto, poderia ter disputado o Brasileiro. Então esse papo de que o elenco é incapaz de apresentar algo melhor e é de no máximo um G8 não engana ninguém. A chave da mudança foi o Abel implementar as ideias dele. ELE MESMO afirmou que ano passado ia seguir com as ideias do Cebola porque não havia tempo para treinar e que a cara do Abel só veríamos no ano seguinte com uma pré-temporada (que ele fez, pq quem jogou o paulista foram os moleques). Então esse desempenho tosco que estamos acompanhando são as ideias do Abel na prática. Foi ele inventar os 3 zagueiros e a postura mais reativa que começamos a tomar bordoada atrás de bordoada.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.