Jump to content

Octa

User
  • Content Count

    1,737
  • Joined

  • Last visited

About Octa

  • Rank
    Profissional

Profile Information

  • Gender
    Masculino

Recent Profile Visitors

8,574 profile views
  1. Eu acho o contrário. “Perdoaria” o cala a boca se ele se dedicasse em campo. Corpo mole é inaceitável.
  2. Talvez, mas acho que subvalorizei outros também. O Giovanni tem potencial pra mto mais, por exemplo.
  3. Sou totalmente contra sair vendendo as jóias da base. Mas tava fazendo aqui uma conta de padaria de quanto valem os moleques e, na boa, não precisamos mais nos preocupar com dívida nenhuma. Chutando baixo aqui: PK: 15m Menino: 20m Danilo: 25m Renan: 10m Wesley: 15m Verón: 25m Giovanni: 20m Endrick: 50m Dá um total de 180 milhões de Euros, no mínimo. Na cotação de hoje isso dá 1 BILHÃO e 100 MILHÕES de Reais. É MUITA grana. Dá pra pagar toda a nossa divída e ainda sobram 600 milhões pra montar um time. Mas, de novo, não sairia vendendo os moleques agora na loucura.
  4. Me julguem, mas eu reintregaria o Luiz Adriano até dar um destino pra ele. Desvaloriza o jogador e tira todo o nosso poder de barganha na hora de emprestar o cara. Vocês acham que o Botafogo vai querer pagar que percentual do salário dele na atual situação?
  5. Péssima notícia. Fico pensando no que vamos fazer com 90% dos meninos que não terão mais idade pra base.
  6. Exatamente. E isso é pensar a longo prazo, longo prazo mesmo, porque aumentar uma torcida leva tempo. Mas vale a pena. Pegando carona no seu argumento, é a diferença entre ser o Santos ou a Portuguesa.
  7. Não quero hem ver o que tá rolando lá. Mas aposto que deve ter gente querendo trocar Endrick por Valdívia, elas por elas.
  8. Valeu pela explicação. Mas espero muito que você esteja errado porque cada ano com esse moleque no time vale muito mais do que 40 milhões de Euros. Prefiro mil vezes um dia contar pros meus netos que vi o Endrick jogar do que falar que vi o Palmeiras fazer uma grande venda.
  9. Discordo. Acho que teremos novos Gabrieis Jesuses, Vagners Loves, Danilos, Verons… Endrick é um a cada 100 anos.
  10. Esse é o meu medo. O Vágner Ribeiro coloca o Barros na roda. Nesse aspecto, preferia ter um Mattos da vida, que pode ser safado, mas pelo menos não é otário.
  11. O Palmeiras tem uma força econômica muito superior à do Santos. Não “precisamos” vender o Endrick. E, como disse antes, prefiro ser passado pra trás pelo pai do garoto (que parece ser um homem de caráter) e ganhar mais umas duas Libertadores do que lucrar 45 milhões de Euros. Os ganhos a longo prazo são muito maiores que isso. A quantidade de novos torcedores que um fenômeno desses traz pode colocar o Palmeiras em outro patamar.
  12. Por que exatamente você acha tão difícil segurar o moleque mais um pouco? Não estamos com as calças na mão como Santos e, podemos oferecer um bom projeto, aumentando gradualmente o percentual dele no próprio passe. Pra um jogador desse nível é mais negócio arrebentar no Brasil por uns 5 anos e chegar na Europa com números absurdos e status de supercraque. Como aconteceu com o Neymar. Se o Vinícius Jr. ou o Rodrygo tivessem feito um movimento semelhante, já seriam titulares absolutos da seleção há muito tempo.
  13. Não acho um absurdo segurar o menino até os 20. Foi o que o Santos fez com o Neymar e, esportivamente, valeu muito a pena. É até interessante pro jogador que chega na Europa como titular absoluto, depois de arrebentar no Brasil. Chega com mais títulos e gols na carreira.
  14. 45 milhões no Endrick é que é conto de fadas. Só que pro Barcelona.
  15. Perfeito o comentário. Só acho que vale lembrar também do efeito Neymar no Santos, que pra mim é mais comparável ao Endrick. O moleque assombrou o Brasil, ganhou títulos importantes e, principalmente, renovou a torcida envelhecida dos caras. Ganharam e muito segurando o Neymar, mesmo que ele tivesse saído de graça.
×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site, you agree to our Terms of Use.