Paulo Falcone

User
  • Content count

    4,108
  • Joined

  • Last visited

About Paulo Falcone

  • Rank
    Profissional
  • Birthday 11/23/1976

Profile Information

  • Gender
    Masculino
  • Location
    Itanhaém

Recent Profile Visitors

3,643 profile views
  1. O que aconteceu com o Luxa hein? Nos anos 90 e até metade da década passada considerava o Luxemburgo como o melhor treinador do país, disparado, melhor inclusive que o Felipão, os times dele jogava bonito pra frente, ele sabia conduzir um elenco cheio de estrelas mas daí, a partir do final da década passada foi decaindo, decaindo, decaindo..... acho que o último bom trabalho dele foi aqui em 2008/09, de lá pra cá vem acumulando "projetos" pífios, último time grande que treinou foi o Cruzeiro em 2015, e não deixou saudades, depois teve uma aventura frustrada na China e um trabalho bem meia boca no Sport, isso há quase 2 anos. Hoje, sequer é lembrado nas especulações de troca de treinador, virou chacota, está sendo mais lembrado pelos barracos que arruma nos debates bola da vida, já arrumou treta até com o manso do Cleber Machado, acho que ele se perdeu no personagem.
  2. Esse jogo de quinta pela Libertadores será só pelo facebook, certo? Dá pra ver pelo aplicativo do face na SmarTV ou só pelo computador?
  3. Hoje em dia os clubes (pelo menos os grandes clubes) fazem vários testes durante o ano, inclusive testes surpresas, pra ver se jogador está no pó. Fazem isso pro problema ser tratado na origem, normalmente quando dá positivo o primeiro procedimento é afastar o jogador pra impedir que o mesmo caia no anti-doping e sofra uma punição pesada prejudicando sua carreira e o clube (perda do valor do ativo) e depois tentam recuperar o jogador através de terapia, psicólogo, etc; um caso recente que teve esse roteiro foi aquele Regis dos bambis. Então acho muito difícil que o Luan tenha esse tipo de problema (farinha), acho que o lance dele é mais trinca cachaça/balada/mulherada.
  4. Agora acho que teremos pouca mudanças, talvez chegue um ou outro jogador, um ou outro talvez saia mas não acredito em mudanças significativas nesse ano. Mas no final do ano, independente de ser campeão ou não, acho que precisa dar uma boa reformulada nesse elenco. Palmeiras está precisando rejuvenescer o elenco: Prass, Jailson, Dracena, Jean, FM, sou muito grato, especialmente aos 2 primeiros, mas já deu né, não dá pra ficar renovando por gratidão todos os anos. Também colocaria na lista de jogadores negociáveis, aqueles que precisam de "novos ares": Borja, AC, Moisés, Veiga, Lucas Lima, Fabiano (nem vou colocar o Guerra na lista pois o contrato vai acabar esse ano mesmo). Alguns jogadores ficariam sob análise esse ano: Deyverson (principalmente em relação ao comportamento), Carlos Eduardo, Hyoran... se não demonstrarem evolução durante o ano, vão pra lista dos negociáveis também. Em relação aos emprestados: Felipe Pires devolve, Goulart voltou de uma contusão séria e ainda não está no auge mas já mostrou que vale a pena tentar contratá-lo em definitivo.
  5. Aqui está parecendo o tópico "Falando de Palmeiras" no meses de dezembro e janeiro.
  6. Quando vejo esse gráfico acima, fico mais puto da vida com essa maldita emissora e com mais certeza de que o Palmeiras está fazendo o certo, por mais que doa ficar sem assistir aos jogos do Palmeiras não dá pra aceitar essa distorção da "nova distribuição" da cota de TV, cheirinho ganhando 350 milhões, gambás 300 e Palmeiras apenas 200 milhões e os outros coitados (Cruzeiro, Grêmio, Inter...) é de 150 milhões pra baixo, é muita distorção, é uma tentativa escancarada da rgt em espanholizar o futebol brasileiro. Cheirinho já está bem reestruturado financeiramente, a tendência, com essa distorção, é que eles montem verdadeiros esquadrões todos os anos. Na verdade o termo espanholização na cabe bem aqui no exemplo brasileiro pois a gambazada está toda fudida, cheio de dívida pra pagar, o que eu acho bem provável que aconteça com essa distorção é na próxima década o futebol brasileiro ficar igual ao campeonato italiano/alemão, um campeonato de um time só.
  7. Ah sim claro. Roger Machado chegou aqui no meio de 2017, pegou um time desacreditado e levou ao título do Brasileiro e semi-finais de Libertadores e Copa do Brasil e depois foi mal no Paulistinha/18 daí a torcida começou a pedir cabeça dele... coitadinho do Roger, por que será que ele não tem o mesmo tratamento que o Felipão?
  8. Já vi amigo gambá falando que vai cancelar o PPV. Mas não é por solidariedade ao Palmeiras, longe disso. Segundo a lógica dele, com ausência do Palmeiras a rgt será obrigada a transmitir a maior parte dos jogos da gambazada na TV aberta, eu acredito numa proporção de 50% gambá, 40% bambi e 10% santos. Daí, segundo a visão do gambá, pra que ficar pagando ppv sendo que metade dos jogos do meu time irá passar na TV aberta? Como já disseram acima, todo mundo perde: o Palmeiras perde, a torcida perde e a rgt também perde e não será pouco, por isso acho que o Palmeiras tem que manter a postura, abrir as pernas agora, sem nenhuma melhora na proposta da rgt, será mais prejudicial do que ficar sem TV.
  9. Pois é, pior que parte da galera aqui compra esse discurso da imprensa, já vi nego aqui falando que foi nada no Dudu (tanto na final do ano passado como no 1º jogo da semi contra os bambis) mas ontem o cara conseguiu enxergar um pênalti no Henrique.
  10. Esse discurso me faz lembrar o final de 2016, início de 2017, Gabriel Jesus indo embora pro City e nós ficando com Leandro Banana, Alecsandro e Barrios e o discurso de muitos aqui era exatamente esse: Borja com uma perna joga mais do que qualquer um desses. Eita grama do vizinho maravilhosa, por que minha grama nunca fica igual a dele?
  11. A questão é: Se tirar o Felipão, vamos colocar quem? De 2017 pra cá já tivemos EB, Cuca 2ª passagem, Valentim, Roger Machado e agora Felipão. A última vez que vi esse time jogar um futebol mais convincente, mais próximo daquilo que o pessoal cobra, foi no 1º turno de 2016 (no 2º turno o futebol foi meio sofrível). Se for pra tirar o Felipão e vir com "os de sempre": Abelão, Mano Menezes, Dorival ou algum novato aventureiro (um RM ou EB da vida) prefiro deixar do jeito que está, aqui no Brasil o único que talvez poderia fazer algo diferente seria o Renato. Minha preferência mesmo é um técnico estrangeiro: Gallardo, Coudet ou até mesmo o Sampaoli que vem fazendo um bom trabalho nos Santos, mas agora no meio da temporada é complicado fazer uma mudança dessa.
  12. Enquanto do lado de lá moleque sub-20 não tem medo de assumir a responsabilidade de bater um pênalti, aqui os milionários jogadores tremendo que nem vara verde, implorando pra não bater pênalti. Não é a toa que nosso desempenho em mata-matas de 2016 pra cá tem sido um fiasco, aquele time medíocre de 2012 era uma bosta tecnicamente mas os jogadores tinham muito mais saco roxo do que esse bando de cagões que temos hoje.
  13. Imagine esse time decidindo a final no Allians contra os Gambás de Carille? Por mais que doa dizer isso, melhor ter sido eliminado hoje do que ter uma vergonha maior daqui a duas semanas.
  14. until

    Achei que o time foi bem até uns 25 minutos, mas depois o velho problema de sempre: pilhagem excessiva nos mata-matas.
  15. Nos pênaltis o que menos me preocupa é o goleiro, são dois grandes goleiros, Weverton também pegava muito pênaltis no Athlético/PR. O problema maior são os batedores, Palmeiras costuma perder muito pênaltis, Dudu é um deles, aliás se eu fosse escolher os batedores, baseando no desempenho recente, escolheria os seguintes: Scarpa, Goulart (não vi batendo pênalti aqui ainda mas no Cruzeiro ele batia bem), Gomez, BH e Victor Luís.